Autor Tópico: [Challengers & ITFs - ATP Masculinos] 14/11/2017 a 20/11/2017  (Lida 582 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Ricardo Matos

  • Administrador
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Dez 2012
  • Localidade: Coimbra
  • Mensagens:
    33220
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    756


Lista de Análises e Previsões
AKA Spinosa
AG Brasil: http://www.apostaganhabr.com/



joelsant0s

  • Multimilionário
  • j
  • Estado:
    Online
  • Registo: Mai 2013
  • Localidade:
  • Mensagens:
    5922
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    2040
em: 17 de Novembro de 2017, 00:23
Saketh Myneni vs Ramkumar Ramanathan
17/11/2017
10.00

Challenger Pune

Saketh Myneni, jogador indiano de 30 anos, número 912 do ranking ATP. Tenista com qualidade (não se enganem pelo ranking), gosta de jogar do fundo do court, jogador mais de rallies e defensivo. Tem alguns problemas a nível mental.

Ramkumar Ramanathan, tenista indiano de 23 anos, número 148 do ranking ATP. Tem um bom serviço, gosta muito de pancadas cruzadas e é adepto do slice. Tem bastante talento, acredito que seja um futuro top100.

Falando de Myneni, ninguém se acredite no ranking dele. É verdade que é horrível a posição em que está e que ele precisou do wild-card para ter acesso ao torneio principal mas ele teve uma lesão muito grave e desde o Australian Open (Janeiro) até ao Challenger de Astana (Julho) não jogou graças a se ter magoado. Foram 6 meses sem jogos e esta é a 1ª vez este ano que venceu 3 jogos seguidos. Em 2017, tem apenas 9 jogos feitos e obviamente vai recuperar muitos pontos aqui mas nesta fase da carreira, já será difícil, por exemplo entrar no top 150. Venceu Bkric (2-1), Krstin (2-1) e o 1º cabeça de série, Kavcic por 2-0. Quanto a Ramanathan, um jogador que já tinha ouvi falar um pouco, tenho visto alguns jogos, lembro-me que ele este ano venceu Dominic Thiem em 2 sets (mas também o austríaco pareceu que só foi lá buscar o cheque) e parece me sobretudo um jogador com talento para ser um futuro top100. Tem um estilo bom, não muito agressivo, nem defensivo, parece-me que joga mais na adaptação (ou na contra-adaptação) ao seu oponente e vai conseguindo somar alguns pontos, sendo que na penúltima atualização fez a melhor posição de sempre. Venceu Polmans por 2-1, Klein por 2-0 e Milojevic também por 2-0. 3 indianos nas meias-finais e daqui sairá um finalista da casa. Myneni é muito bom e lidera o h2h por 3-0 mas será difícil confiar em alguém que acaba a época com 10 jogos. Ramanathan está em grande forma e depois de vencer o melhor classificado do torneio, isto parece um chamado “Let-down spot” para Saketh, por isso vou no mais novo a vencer.

Pick: Ramkumar Ramanathan a 1.48 na betclic



da_silva

  • HighRoller
  • d
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Nov 2010
  • Localidade:
  • Mensagens:
    11927
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    4985
em: 17 de Novembro de 2017, 12:11
Competição: Challenger Santiago
Data: 17-11-2017 ás 19h30
Jogadores: Rogério Dutra Silva vs Marcelo Arevalo
Pick: Rogério Dutra Silva 2-0 a 1.83 @ Betclic


:arrow: Rogério Dutra Silva, jogador brasileiro de 33 anos de idade que ocupa a 94ª posição do Ranking ATP. Este tenista brasileiro é um jogador de terra batida, muito intenso no fundo do court, gosta de trocas de bola onde tem qualidade devido ao seu jogo ser bastante equilibrado entre pancadas, com muita solidez de jogo e boa consistência. Fez uma boa temporada e por isso vai manter se dentro do TOP 100. Depois de na semana passada ter feito Quartos de Final no Challenger Montevideo, Rogerio Dutra Silva entrou a vencer aqui Juan Ignacio Londero em 3 sets e depois venceu outro argentino, Patricio Heras em 2 sets. Esta semana tem os pontos de final a defender, pelo que necessita de vencer este encontro para pelo menos defender esses pontos.      

:arrow: Marcelo Arevalo, jogador de El Salvador de 27 anos de idade que ocupa a 207ª posição do Ranking ATP. Marcelo Arevalo é um jogador que serve bem, tem um 1º serviço bastante aceitável, quando pode é ofensivo, tentando jogar dentro do court. Na rede voleia bem até porque também compete bastante nos Pares. Arevalo evoluiu muito no fundo do court e isso permitiu lhe fazer outros resultados em torneios desta dimensão, este ano até já venceu um Challenger em terra batida. Arevalo aqui venceu Facundo Arguello em 2 sets fáceis, depois seguiu se 2 batalhas frente a portugueses na qual sobreviveu em 3 sets, quer contra Gonçalo Oliveira, quer contra Gastão Elias.     

Head to head: Nunca se defrontaram

Conclusão: Rogério Dutra Silva tem aqui todo o favoritismo para vencer este encontro e não acredito que vá desiludir. Marcelo Arevalo chega a esta meias finais de forma algo inesperada, pois não era expectável que fosse derrotar Gastão Elias, mas conseguiu derrotá lo, todavia as dificuldades neste encontro deverão ser ainda maiores, pois o brasileiro está a jogar bem e é o 1º cabeça de série deste torneio. Vejo Rogério Dutra Silva superiorizar se nas trocas de bola, sendo ele um jogador mais consistente e com mais qualidade na construção do ponto tendo também a vantagem de responder melhor ao serviço. Dutra Silva seguramente irá avançar neste jogo e espero boa vitória. 



Forum de Apostas

Re: [Challengers & ITFs - ATP Masculinos] 14/11/2017 a 20/11/2017
« Responder #16 em: 17 de Novembro de 2017, 12:11 »

joelsant0s

  • Multimilionário
  • j
  • Estado:
    Online
  • Registo: Mai 2013
  • Localidade:
  • Mensagens:
    5922
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    2040
em: 17 de Novembro de 2017, 23:18
Ramkumar Ramanathan vs Yuki Bhambri
18/11/2017
11.00
Challenger Pune

Ramkumar Ramanathan, tenista indiano de 23 anos, número 148 do ranking ATP. Tem um bom serviço, gosta muito de pancadas cruzadas e é adepto do slice. Tem bastante talento, acredito que seja um futuro top100.

Yuki Bhambri, tenista indiano de 25 anos, número 140 do ranking ATP. Jogador de fundo do court, com um estilo de rallies, é bastante rápido, tem uma boa forehand e inteligência a jogar. É mais adepto de piso duro.

Ramanathan vai fazendo cada vez melhor registo e tem aqui uma boa oportunidade de somar mais alguns pontos. Tenho feito jogos bastante seguros, parece-me que tem tido um apoio bem acima do que outros jogadores indianos até têm tido, ou seja provavelmente tem algum grupo próximo que o veio ver jogar e isso tem dado ótimos resultados. Como já referi ontem, gosto do estilo dele, parece-me que ele vem sempre mentalizado em explorar as dificuldades do adversário e com a lição bem estudada, tentado procurar nos rallies normalmente o lado mais fraco do oponente. Venceu Polmans por 2-1, Klein, Milojevic e Myneni por 2-0. Quanto a Bhambri, um jogador com alguma experiencia, apesar de ainda ser relativamente novo. Já teve pelo top100 (penso que é o único indiano ativo com este feito) e vai conseguindo sempre mostrar em certos jogos o que vale (este ano já bateu Monfils, por exemplo). É um jogador bastante seguro, boa pancada do fundo do court, sabe bem o que fazer na colocação da bola, consegue muitos “passing shots” e é seguro mentalmente. Convém dizer que é o campeão em título deste torneio e tudo o que não seja uma vitória, será uma desilusão.  Para já, venceu Uchida, Ante Pavic, Jay Clarke e Adrian Menendez-Maceiras, todos em 2 sets. Ramanathan é bom jogador e tem feito um bom torneio. Porém, acho que ainda há um fosso na qualidade de jogo deles que o ranking não mostra. É verdade que esperava melhores odds mas a verdade é que este jogo parece-me super seguro para uma aposta bem grande. Acredito que Bhambri esteja bem acima na partida e ganhe, possivelmente em 2 sets.

Pick: Yuki Bhambri a 1.33 na betclic



da_silva

  • HighRoller
  • d
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Nov 2010
  • Localidade:
  • Mensagens:
    11927
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    4985
em: 18 de Novembro de 2017, 04:45
Competição: Challenger Pune
Data: 18-11-2017 ás 11h
Jogadores: Yuki Bhambri vs Ramkumar Ramanathan
Pick: Yuki Bhambri para vencer encontro a 1.33 @ Bet


:arrow: Yuki Bhambri, jogador indiano de 25 anos de idade que ocupa a 137ª posição do Ranking ATP. Yuki Bhambri é um jogador com qualidade, um tenista forte no fundo do court, com boa técnica nas suas pancadas, com boa direita e que nos hard courts atua bastante bem. Yuki Bhambri tem clara qualidade de TOP 100 mas tem tido alguns problemas físicos que o têm impedido de subir no Ranking. Aqui está a jogar muito bem e venceu Uchida, Pavic, Clarke e Adrian Mendendez Maceiras todos os em 2 sets e com exibições muito bem conseguidas. É também experiente e tem aqui uma boa oportunidade para se sagrar campeão jogando em casa.    

:arrow: Ramkumar Ramanathan, jogador indiano de 23 anos de idade que ocupa a 150ª posição do Ranking ATP. Ramanathan é um tenista de pisos rápidos, um jogador ofensivo, gosta de servir bem e ser agressivo a partir do fundo do court e procura a sua direita para impor o seu jogo. Tem bastante experiência em torneios deste nível já, mas ainda não venceu Challengers. Este ano jogou duas finais de Challengers, mas perdeu em ambas as finais, primeiro sobre terra batida, depois sobre hard court. Aqui chega a esta final depois de ter derrotado em 3 sets dramáticos e com Match Points salvos no Tie-Break de 3º set diante de Marc Polmans, depois venceu Brydan Klein em 2 sets, tal como Nikola Milojevic e Saketh Myneni. Tinha apenas pontos de 2ª ronda a defender aqui.  

Head to head: 1-1

Conclusão: Acredito que seja um jogo relativamente equilibrado entre estes dois indianos que disputam esta final deste Challenger jogando em casa. É disto que o público gosta quando em finais se defrontam tenistas da casa. Ambos têm estado bem neste torneio, mas Yuki Bhambri tem estado ainda melhor. Para além disso é um jogador com um ténis superior, mais esclarecido nas trocas de bola e aqui está a jogar a um nível superior. Vejo o vencer este encontro e vencer este Challenger. Admito um jogo equilibrado ao invés do último jogo entre ambos quando Yuki Bhambri venceu de forma expressiva Ramanathan. Equilibrado sim, mas com nova vitória de Bhambri neste jogo.



da_silva

  • HighRoller
  • d
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Nov 2010
  • Localidade:
  • Mensagens:
    11927
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    4985
em: 18 de Novembro de 2017, 10:50
Competição: Challenger Santiago
Data: 18-11-2017 ás 19h
Jogadores: Nicolas Jarry vs Marcelo Arevalo
Pick: Nicolas Jarry para vencer encontro a 1.45  @ Betclic


:arrow: Nicolas Jarry, jogador chileno de 22 anos de idade que ocupa a 118ª posição do Ranking ATP.  Nicolas Jarry é um jogador ofensivo, mesmo competindo sobre terra batida gosta de servir bem e de ser ele a comandar os pontos com a sua direita. Está a realizar uma boa temporada e na presente temporada já venceu 2 Challengers. Está relativamente perto do TOP 100 e esta semana pode dar mais um passo importante nesse sentido. Aqui, a jogar em casa tem exibido um nível de ténis bastante bom. Venceu Federico Coria em 2 sets, depois seguiu se Gonzalo Lama, Daniel Elahi Galan e por fim Thiago Monteiro. Todos caíram em 2 sets.       

:arrow: Marcelo Arevalo, jogador de El Salvador de 27 anos de idade que ocupa a 207ª posição do Ranking ATP. Marcelo Arevalo é um jogador que serve bem, tem um 1º serviço bastante aceitável, quando pode é ofensivo, tentando jogar dentro do court. Arevalo procura vencer o segundo Challenger da temporada. O seu percurso aqui foi complicado mas chega á final com mérito. Aqui venceu Facundo Arguello em 2 sets fáceis. Depois travou uma longa batalha com Gonçalo Oliveira tendo vencido em 3 sets e o mesmo nos Quartos de Final contra Gastão Elias em que voltou a sobreviver em 3 sets. Por fim nas meias finais, afastou o 1º cabeça e série, Rogério Dutra Silva em 2 sets.      

Head to head: 1-1

Conclusão: Nicolas Jarry é favorito nesta final, joga em casa e acredito que com o apoio do público vencerá este encontro. Hoje é fim de semana e os chilenos deverão encher o court central e dar lhe um bom apoio como fizeram no jogo com Thiago Monteiro que até se tornou bastante simples. Nicolas Jarry perdeu o último jogo para Marcelo Arevalo e sabe que não pode facilitar, até porque Arevalo está a jogar bastante bem aqui. Nicolas Jarry seguramente irá manter o nível exibicional e assim vencer este Challenger no seu próprio país. 



joelsant0s

  • Multimilionário
  • j
  • Estado:
    Online
  • Registo: Mai 2013
  • Localidade:
  • Mensagens:
    5922
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    2040
em: 18 de Novembro de 2017, 19:27
Calvin Hemery vs Matthew Ebden
19/11/2017
04.00
Challenger Toyota

Calvin Hemery, tenista francês de 22 anos, número 190 do ranking ATP. Jogador também com talento, tem um bom serviço, boa capacidade agressiva do fundo do court, com uma grande forehand e procurando muitos winners.

Matthew Ebden, tenista australiano de 29 anos, número 100 do ranking ATP. Jogador de piso duro, gosta muito de subir à rede, tem um belo serviço, uma forehand bastante pesada e forte e gosta muito de usar os slices.

Hemery é um bom jogador que tem alguma margem de progressão para o futuro. Parece-me um jogador interessante, com boa capacidade para rallies do fundo do court. Gosta de ser agressivo e de ditar os pontos e tem uma boa forehand. Não gosta de ficar a trocar bolas do fundo do court e procura “arranjar” a bola no sentido de a bater com a sua forte direita. De backhand também tenta ser agressivo, apesar de ultimamente o ter visto mais regular e a bater a bola mais reta. Bateu Alex Bolt por 2-0, Mousley por 2-0, Andrew Whittington por 2/1 e Milman em 3 sets. Quanto a Ebden, é um jogador que tem andado sempre na volta do top100. Estilo agressivo, dominador, mesmo à australiana. Tem, porém, muito mais jogo de rede que muitos dos seus colegas de país. Gosta de bater a bola forte com a forehand mas gosta também de fazer slices e chegar à frente, assim como servir e ir diretamente para o vólei. O serviço diria que é a sua principal imagem de marca, muito forte e devemos esperar provavelmente mais de 15 ases neste jogo. Bateu Takahashi por 2-0, Shimizu por 2-0, Duckhee Lee por 2-0 e Hurkacz por 2-1. Concluindo, são 2 jogadores de serviço forte e pancada agressiva. Espero tie-breaks entre os mesmos mas parece-me que Hemery terá uma pequena vantagem do fundo do court. Eles defrontaram-se há 9 dias e o francês ganhou em sets diretos e acredito que possa vencer aqui.

Pick: Calvin Hemery a 2.10 na betclic



joelsant0s

  • Multimilionário
  • j
  • Estado:
    Online
  • Registo: Mai 2013
  • Localidade:
  • Mensagens:
    5922
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    2040
em: 19 de Novembro de 2017, 14:16
Omar Jasika vs Maverick Banes
20/11/2017
06.00
Challenger Hua Hin

Omar Jasika, tenista australiano de 20 anos, número 269 do ranking ATP. Jogador com bastante talento mas que demora a confirmar o mesmo, gosta de bater forte na bola, pancadas cruzadas normalmente e tem um grande poder de aceleração.

Maverick Barnes, tenista também australiano de 25 anos, número 270 do ranking ATP. Jogador com um bom serviço, boa forehand, gosta de bater a bola forte e subir à rede. Usa também bastante os slices.

Jasika é um jogador já com algum jogo e que apesar do ranking já teve no Australian Open por 3 vezes (2 vezes com wild-card para a fase principal) e que até já bateu Marchenko lá (na altura em que este era um top100). Omar Jasika parece-me principalmente um jogador desmotivado, que perde facilmente o controlo a nível emocional e acredito que seja por isso que ainda não está numa posição bem melhor. Continua sem estar sem grande desenvolvimento, apesar de que tem um estilo que muito aprecio. Este ano venceu o challenger de Burnie. Maverick Banes tem um estilo mais ao menos semelhante ao seu adversário, quase todos os jogadores da Austrália, baseiam-se muito na combinação serviço + forehand e Banes apesar de ser também o mesmo, acrescenta um estilo que eu acho mais complicado de prever que é as subidas à rede para finalizar o ponto. Porém, Banes perde muito pelo seu “tilt” mental, comete muitos erros e quando não está para aí virado, entrega completamente o jogo ao seu oponente. Ele está de qualquer das formas em boa forma, está na melhor classificação da sua carreira graças às recentes meias-finais no challenger de Traralgon. Lançando o meu prognóstico, espero um jogo divivido, com boas chances de tie-break. Os 2 jogadores são agressivos e deverão segurar bem o serviço. Porém, tendo em conta a foram recente de ambos e o facto de Barnes estar em crescendo, vou acreditar que ele consiga vencer.

Pick: Maverick Barnes a 1.82 na betclic



Forum de Apostas

Re: [Challengers & ITFs - ATP Masculinos] 14/11/2017 a 20/11/2017
« Responder #21 em: 19 de Novembro de 2017, 14:16 »

joelsant0s

  • Multimilionário
  • j
  • Estado:
    Online
  • Registo: Mai 2013
  • Localidade:
  • Mensagens:
    5922
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    2040
em: 19 de Novembro de 2017, 16:48
Andrea Pellegrino vs Robin Kern
20/11/2017
09.00
Challenger Andria

Andrea Pellegrino, tenista italiano de 20 anos, número 383 do ranking ATP. É um jogador de rallies, bate a bola muito reta e gosta de jogar de forma mais defensiva. Tem boa movimentação e parece um jogador com talento para um futuro top150.

Robin Kern, tenista alemão de 24 anos, número  436 do ranking ATP. Jogador mais defensivo, gosta de jogar do fundo do court, tem um bom return, joga bem com todas as pancadas e consegue cobrir bem todo o campo.

Pellegrino é um jogador bastante jovem mas que ainda deverá dar algo para falar. Não me parece ainda que seja produto para o top100, mas tem feito alguns bons resultados e por exemplo, treinou com Alexander Zverev quando este foi fazer uma “visita” ao ATP Next Gen Finals e obviamente se ele fosse um mau jogador, não seria convidado. Diz-se também que chegou a ser equacionado ser a ele a jogar no torneio ao invés de Quinzi. A verdade é que Andrea é bom jogador, tem um estilo mais para terra batida mas tem bastante tempo para evoluir. Este ano o melhor registo são os quartos de final no challenger de Cordenons. Quanto a Kern, um jogador ainda sem grande registo e será complicado para estes jogadores pois já se sabe que aqueles jogadores fora do top 300/400 não têm propriamente grande lucro pois com as despesas de viagem, raquetes, treinador, hóteis, etc. e face ao pouco prémio que ganham, muitas vezes jogam para se sustentar e há jogadores que possuem outro trabalho ou que acabam por desistir pois não existem condições. Kern parece-me um jogador dos quais existem muitos, estilo para a terra batida, jogo defensivo, bate bem na bola e gosta de ficar no fundo do court, parece que só sobe à rede para cumprimentar o adversário. Oitavos de final no challenger de Instanbul é o melhor registo. São 2 jogadores de ranking baixo mas a verdade é que Pellegrino, para mim é favorito. Está melhor classificado, tem mais talento (a razão para ter recebido um wild-card) e acredito que o fator casa o pode ajudar a vencer.

Pick: Andrea Pellegrino a 2.15 na betclic



FilipeXIV

  • Milionário
  • F
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Nov 2012
  • Localidade:
  • Mensagens:
    1669
  • Nacionalidade: br
  • Pts Tipsr:
    577
em: 20 de Novembro de 2017, 12:46
- Data e Hora do Jogo: 20/11/2017 às 17:00hs (Brasília)
- Desporto: Tênis
- Nome da Competição: Challenger de Andria
- Nomes das equipas ou jogadores em contenda: Albano Olivetti x Matteo Viola
- Tipo de Aposta e respectiva Odds e Casa ou Bolsa de apostas: Vitória de Olivetti @2,10 na Premiwin

Jogo válido pela primeira rodada do Challenger de Andria, na Itália, que é disputado no piso duro coberto. A partida deve começar por volta das 17hs desta segunda-feira, horário de Brasília.

O francês Olivetti é o nº 386 da ATP, prefere jogar nas quadras mais rápidas e vem das quartas de final de Future, quando perdeu para o finlandês Ruusuvuori.

O italiano Viola é o nº 283 do mundo, prefere jogar no saibro e vem das quartas de um Future, quando perdeu para o finlandês Niklas-Salminen.

Será o primeiro jogo entre eles.

Olivetti é um jogador que tem no saque o seu principal golpe, já fez campanhas interessantes até em ATP e Challenger, com um jogo muito agressivo, que vai à rede frequentemente.

Viola é mais consistente do fundo de quadra, bate firme na bola e se movimenta bem, apesar de não viver mais a sua melhor fase.

Acho que a quadra bem rápida deve dar uma vantagem bem interessante ao francês, que costuma se impor nos games de serviço, às vezes arriscando até mais do que deveria, buscando o winner do fundo de quadra e sem tirar a mão até mesmo no segundo serviço.

Se não quiser ficar acuado do fundo de quadra, o italiano vai ter que mudar um pouco suas características, buscando se mais agressivo, pois se ficar apenas trocando bola, vai ver Olivetti atacando, batendo firme com o forehand, inclusive pegando a bola na subida, acelerando mais.

Acredito que o francês tem um jogo mais encaixado na quadra rápida, um saque que faz diferença e que deve ter o seu serviço mantido na maior parte dos games, até com certa tranquilidade e decidindo com o saque os momentos importantes. Por isso, a dica é apostar na vitória de Albano Olivetti.
links não permitidos na assinatura.




 


Casas de Apostas: bet pt / Betclic / ESC Online / Nossa Aposta / Casino Portugal

Rede Apostaganha: Apostas / Palpites e Dicas de Apostas / Pronósticos de Apuestas / Betting Tips and Predictions