Autor Tópico: [Apostas Especiais 2016] Extra Desporto  (Lida 335 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

miguelyn

  • Administrador
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Nov 2005
  • Localidade: Lamego
  • Mensagens:
    63973
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    1590
em: 06 de Outubro de 2016, 15:43
Tópico para todas aquelas apostas nos mais diversos mercados extra desportivos.
« Última modificação: 30 de Dezembro de 2016, 23:14 por Ricardo Matos »
:roll:



miguelyn

  • Administrador
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Nov 2005
  • Localidade: Lamego
  • Mensagens:
    63973
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    1590
em: 06 de Outubro de 2016, 15:45
Eleições presidenciais norte-americanas
Vencedor: Hillary Clinton @ 1.33
(10/10) *
2016-11-08


Perguntam vocês: Valerá a pena fazer uma aposta com uma odds destas a um mês da sua realização?
Eu respondo perguntando: Haverá algum fundo de investimento que nos ofereça 33% de retorno líquido com um risco de perda do investimento tão baixo. A resposta é clara. Não.
Então, para mim, vale a pena.

Desde muito cedo que se percebeu que estas eleições seriam decididas entre Trump e Clinton. Mesmo durante as primárias isso sempre foi evidente, mesmo que Bernie Senders tenha sido um rival à altura de Clinton e tenha sido efectivamente uma ameaça real. Mas Clinton, sempre teve o colégio de comissários do lado dela pelo que o risco sempre foi mais emotivo que real.

E ao longo deste ano sempre as sondagens deram vantagem Clinton, embora Trump por vezes tenha ficado praticamente no empate técnico das diversas sondagens.
Só que este último mês/mês e meio foi muito mau para Trump.
O seu discurso inflamado, contra todos os não norte-americanos genuínos, a fazer lembrar outros tempos, a sua maneira de ser radical e muito pouco cordata, de discurso directo e extremamente incisivo que agradam a uma grande parte do eleitorado norte-americano está a ter um segundo ponto de viragem.
O primeiro ocorreu aquando da sua eleição como candidato republicano, quando a partir daí tentou moderar o seu discurso fazendo algumas viragens estratégicas (a ida ao México foi talvez a mais enigmática). Mas esse não era, nem é o seu estilo.
E não tardou ao seu discurso que nos últimos tempos tem crescido de forma absolutamente desmesurada. Dando cada vez mais razão às teorias de conspiração daqueles que dizem que Trump nunca quis ser presidente.
A este propósito transcrevo um trecho de um artigo que li na revista Visão
Citação de: Visão
(…) mas até quem trabalhou de perto na campanha, como a ex-diretora de comunicação Stephanie Cegielski, suspeita que chegou mais longe do que era suposto. "Não sei se ele o queria, o que é talvez o panorama mais assustador de todos", escreveu em março, garantindo que lhe transmitiram "o objetivo de atingir os dois digitos nas sondagens" e que a iniciativa não passava de "uma candidatura de protesto".

Mais especulativo, quanto às razões, Michael Moore, famoso realizador de cinema e sempre critico atento da política norte-americana referiu:
Citação de: Michael Moore in Visão
Sei perfeitamente que Donald Trump nunca quis ser Presidente dos Estados Unidos", publicou o realizador de cinema no seu site, esta segunda-feira, como mote para a sua tese sobre os propósitos que motivaram a candidatura do magnata do imobiliário. Segundo Moore, foi a ideia de ganhar popularidade e melhores contratos televisivos que fez Trump avançar. "Descontente" com a NBC por causa do valor que recebia pelo seu programa The Apprentice, "queria mais dinheiro" e, após reunir com outras cadeias televisivas e a informação ter sido tornada pública, "jogou a sua maior cartada" com a candidatura à Casa Branca: "Claro que ele não teria verdadeiramente de entrar na corrida à presidência. Bastava fazer o anúncio, uns comícios com milhares de fãs e esperar pelas primeiras sondagens que o colocassem à frente. E depois ele conseguiria o acordo que quisesse, por mais milhões do que estava a ser pago naquele momento".

Especulação ou verdade, só o próprio Trump o saberá. Mas o que sabemos é que o que Trump tem feito nas últimas semanas tem sido um completo colapso da sua candidatura, com erros de palmatória atrás de erros de palmatória, que levam nas palavras do analista político Brent J. Budowsky "é ele continuar a dizer e a fazer coisas que qualquer aluno de liceu a iniciar os estudos em ciência política sabe que vai destruir a sua candidatura”.
E afinal o que tem feito Trump de tão errado ultimamente.
Trump, nos seus discursos inflamados, carregou ainda mais na nota anti-hispânicos (um grupo eleitoral de peso significativo), insultou veteranos de guerra (e sabe-se do prestígio que estes têm na sociedade norte-americana); elogiou Kim Jong-un ???!!!! aumentou os insultos a Hillary Clinton, chegando mesmo a, de forma indirecta, relembrar Monica Lewinsky (lembram-se?), insultou modelos, inventou a rábula não-americano do actual presidente Obama, etc etc etc
Tudo situações que o fazem perder votos ao invés de os conquistar.

E isto teve uma clara repercussão nas sondagens ao fazer disparar a diferença entre os 2 principais candidatos para os 5%. Situação essa que nem o debate da semana passada alterou.


Mas os revezes para Trump não se ficam por aqui, é que a braços com dificuldades financeiras na campanha há muito conhecidas, pois os seus discursos afastaram muitos dos habituais patrocinadores do partido republicano, um tribunal nova-iorquino proibiu que a sua fundação de solicitar doações e lançar campanhas de recolha de fundos.

Quanto a Clinton, essa mantém-se impávida e serena sem se comprometer sabendo de antemão que se Trump assim continuar ela irá vencer fácil, fácil.

E eu acredito que assim será e vou na minha aposta mais forte do ano.

* Este mercado não está regulado pela legislação portuguesa, pelo que nenhuma das duas casas legalizadas o oferece.
« Última modificação: 06 de Outubro de 2016, 15:45 por miguelyn »
:roll:



miguelyn

  • Administrador
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Nov 2005
  • Localidade: Lamego
  • Mensagens:
    63973
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    1590
em: 09 de Novembro de 2016, 22:33
Eleições presidenciais norte-americanas
Vencedor: Hillary Clinton @ 1.33
(10/10) *
2016-11-08

(...)


:perdida:

Ainda bem que mesmo nas all-ins eu sou moderado. Levei um rombo aqui, mas nada de especial :lol:

Referir que a Clinton tem mais votos expressoa que Trump e mesmo assim perdeu de forma esmagadora. Métodos eleitorais.... :roll:
:roll:



Forum de Apostas

Re: [Apostas Especiais 2016] Extra Desporto
« Responder #2 em: 09 de Novembro de 2016, 22:33 »


 


Casas de Apostas: bet pt / Betclic / ESC Online / Nossa Aposta / Casino Portugal

Rede Apostaganha: Apostas e Prognósticos / Palpites e Dicas de Apostas / Pronósticos de Apuestas / Betting Tips and Predictions / Melhores Cassinos Online Brasil / Mejores Casinos Online de América Latina