Autor Tópico: [MLB] 01 a 15 de Maio de 2015  (Lida 3466 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Ricardo Matos

  • Administrador
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Dez 2012
  • Localidade: Coimbra
  • Mensagens:
    31623
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    753
em: 30 de Abril de 2015, 19:22



Lista de Análises e Previsões/Prognósticos

Los Angels Angels @ San Francisco Giants
IAGUET -- Los Angels Angels menos de 7.5 Hits a 1,95 @ Bet365  6 Hits  :ganha:

Baltimore Orioles @ New York Mets
MMACHADO -- Over 6 runs @ 1.52 na Bet365 2 Runs  :perdida:

New York Mets @ Philadelphia Phillies
IAGUET -- NY Mets abaixo de 7.5 Hits @ 2,00 Bet365 5 Hits  :ganha:


Houston Astros @ Los Angels Angels
IAGUET -- Houston Astros menos de 7.5 hits @ 1,83 na Bet365  1 Hit :ganha:


Kansas City Royals @ Detroit Tigers
IAGUET -- KC Royals Mais de 9,5 hits @ 1,86 na Bet365 5 Hits  :perdida:


Boston Red Sox @ Oakland Athletics
IAGUET -- Boston Red Sox menos de 7.5 hits @ 2,00 na Bet365 10 Hits  :perdida:


Chicago White Sox @ Milwaukee Brewers
IAGUET -- MIL Brewers menos de 8.5 hits @ 1,83 na Bet365 3 Hits  :ganha:


Atlanta Braves @ Cincinnati Reds
IAGUET -- Atlanta Braves mais de 8.5 hits @ 2,00 na Bet365 2 Hits :perdida:
« Última modificação: 14 de Maio de 2015, 20:58 por Spinosa »
AKA Spinosa
AG Brasil: http://www.apostaganhabr.com/



iaguet

  • Sem Dívidas
  • i
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Ago 2012
  • Localidade:
  • Mensagens:
    498
  • Nacionalidade: br
  • Pts Tipsr:
    287
em: 02 de Maio de 2015, 18:28
Evento : Los Angels Angels @ San Francisco Giants

Segundo jogo da série entre Angels e Giants,  confronto entre duas equipes da California que vem abaixo do esperado na pré-temporada, porém apresentam uma melhora.Outro fator interessante desse jogo é que um interligas, já que Angels é da Nations enquanto Giants é da National, o que dá mais uma apimentada do jogo, com as sutis peculiaridades que cada liga possui e assim alguns problemas para Los Angeles que irá jogar fora de casa. Irei dividir em 3 partes a argumentação a minha aposta, de maneira que fique mais clara os motivos:

O ataque da equipe de Los Angeles cotado como o mais forte da conferência devido a presença de Mike Trout, Albert Pujols, Matt Joyce, vêm muito aquém do esperado, com .237 AVG, 20,5 % K, .274 BABIP, não consegue colocar a bola em jogo e quando conseguem o contato são eliminações. A parte baixa do lineup formada pro Cron, Joyce, Freese está toda abaixo do .250 AVG e hoje mesmo se Pujols (que também vêm em temporada ruim) voltar não vejo perspectivas de melhora a ponto de bater a linha proposta. Muito porque irão enfrentar um  pitcher destro, contra quem estão ainda piores na temporada (.225 AVG, 21% K) e por esse jogar bolas com as quais estão enfrentando dificuldades (sinker, curveball e principalmente cutter) que se forem bem usadas não terão chances. Depois da saída de Hudson, enfrentarão outro grande problema dessa temporada, que são os relievers, os quais possuem médias ainda menores, .225 AVG e uma número grande de strikeouts. Hoje contam com mais um agravante que é a presença de um pitcher dentre os rebatedores, isso abaixa ainda mais o número possível de rebatidas dos Angels na tarde na minha visão.

A primeira é Tim Hudson, o veterano pitcher dos Giants com 39  anos e 17 temporadas de MLB, vem em uma temporada mediana onde conseguiu manter seu bom ERA (3.91), porém como problemas de strikeouts e alta quantidades de rebatidas cedidas, muito possivelmente por estar utilizando menos sua bola rápida (4-seam, está jogando apenas 2,7% das vezes) , consequentemente necessita de tempo para essa adequação. Assim, acredito que logo será resolvido e conseguirá manter as boas médias de .AVG que teve na carreira (.246),  como também  dentro de casa na carreira .240 (AVG), que é o caso da tarde de hoje.  Além disso, deu a indicar nessa semana que irá se aposentar em 2016, fazendo desta sua última temporada, na minha visão e olhando as características pessoas de Hudson irá pesar muito como motivação para que faça uma boa temporada, fazendo que cada jogo seja importante.

Os Giants ainda possuem um bom bullpen, que vêm fazendo um trabalho bem acima do era esperado no início da temporada, com ERA de 2,93 é o oitavo melhor da liga, daquele que muito colocavam entre os 5 piores da liga, com .237 AVG. Nomes como Javier Lopez, Jean Mate, Sergio Romo, dificultarão e muito a vida dos rebatedores após a saída de Hudson,  como vêm fazendo até agora. Além disso uma defesa sólida, composto por nomes como Nori Aoki, Casey McGehee e Brandon Crawford, que "roubam" muitas rebatidas do adversário assim minha previsão é:

Los Angels Angels menos de 7.5 Hits a 1,95 @ Bet365



MMachado

  • Visitante
em: 05 de Maio de 2015, 22:35
Baltimore Orioles @ New York Mets, dia 6/5 às 00:10
(Já agora, pode ser seguido gratuitamente, e com boa qualidade, no site da MLB ;))

Baltimore Orioles e New York Mets encontram-se para o primeiro encontro da época entre ambos, um confronto que não se via há algum tempo na MLB, pois é a primeira vez que os Orioles visitam o Citi Field desde 2012.

A campanha dos Mets esta época tem vindo a ser positiva, com a equipa a liderar a zona Este da National League, com um percentagem de vitórias a rondar os 62%, conseguindo 16 triunfos em 26 jogos. Para esta, muito tem contribuido o desempenho da equipa de Nova Iorque a actuar perante os seus aficionados, pois 11 dessas conquistas foram logradas em casa, uma autêntica fortaleza onde os novaiorquinos apenas foram desfeitados em 3 ocasiões.
Curiosamente, essas tais três ocasiões aconteceram nos últimos quatro encontros, perante os Washington Nationals, que venceram a série de encontros por 3-1, vencendo dois encontros por 1-0, outro por 8-2 e perdendo um por 4-0, o que revela um pouco do mau momento de forma que esta equipa atravessa, algo que é verificável se estendermos a amostra de jogos para os últimos 10 jogos, onde apenas conseguiu vencer por 3 vezes, e que entra em completo contraste com a dezena de jogos que lhe antecedeu, em que a equipa logrou vencer outros tantos jogos de forma consecutiva.
O pitcher para este encontro será Bartolo Colón, um esteio de segurança e que a poderá transmitir a uma equipa desmoralizada. Os números comprovam a sua capacidade, pois consigo de início, os Mets venceram 4 jogos e perderam 1. Porém, o facto de vir a sofrer cada vez mais runs pode ser decisivo para uns Orioles com boa capacidade ofensiva.

A equipa de Baltimore atravessa um bom período, tendo vencido as suas duas últimas séries de jogos, contra os "all mighty" Red Sox (2-1) e contra os Tampa Bay Rays (3-1), todas elas equipas que se encontram na mesma zona dos Orioles - a Este da Liga Americana, sendo que a equipa da Flórida está acima dos Orioles, pelo que a sua vitória na série de jogos tem de ser mais enfatizada. Também o duelo com os de Boston foi surpreendente, especialmente pelo incrível 18-7 que se verificou no placar final, revelando toda a pontaria e a capacidade desta equipa para fazer estragos nas defesas contrárias.
A equipa conseguiu inverter a tendência de derrotas que vinha a ser norma, tendo agora, inclusivé, um score positivo: 12-11, estando a quatro vitórias dos líderes da Zona Este, os Yankees. É certo que ainda falta muito para a fase regular terminar, mas quanto mais perto se estiver da liderança, maior é a esperança de um eventual apuramento para os playoffs, lugar que os Orioles querem alcançar depois da proeza conseguida no ano passado, ao conquistarem a Zona Este, à frente de Yankees e Red Sox. A equipa quer demonstrar que esse feito não foi alcançado por acaso e que não é algo que só acontece uma vez numa década (tendência desde os anos 80 do século passado).
O pitcher "de serviço" é Bud Norris, que tem uma enorme percentagem de runs consentidos - 12.18. Aliás, são mais o runs que consentiu (23) que os innings completos que disputou (17).

Ou seja, ao ritmo de mais de um run por inning, e atendendo à necessidade que os Mets têm de vencer, acredito que a equipa possa sair por cima neste encontro. Também acho que a ofensiva dos Orioles pode fazer estragos, pelo que os over's me parecem apelativos para um jogo que tem tudo para ser "mexido".


A minha pick:
Over 6 runs @ 1.52 na Bet365 (7 un)



Forum de Apostas

Re: [MLB] 01 a 15 de Maio de 2015
« Responder #2 em: 05 de Maio de 2015, 22:35 »

iaguet

  • Sem Dívidas
  • i
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Ago 2012
  • Localidade:
  • Mensagens:
    498
  • Nacionalidade: br
  • Pts Tipsr:
    287
em: 08 de Maio de 2015, 17:39
O jogo:
Primeiro confronto da série,entre duas equipes da mesma conferência (National League East),  porém ambas em situações bem diferentes.  New York Mets é uma agradável surpresa para seus fãs com 18-10, acima do esperado até então, no entanto nas últimas semanas esse rendimento caiu (4-6, nos últimos jogos), principalmente pela dificuldade que tem de jogar fora de casa (5-7 contra 13-3 no Citi Field) . Já os Phillies, vem fazendo o que previam, último colocado da conferência, com 10-19, não vejo a possibilidade  do time fazer alguma revira-volta durante a temporada, porém acredito no poder dentro de casa, principalmente com o ace da sua rotação hoje e assim não chegar a 3 derrotas seguidas.

O ataque dos Mets:
Com certeza a excelente campanha até o momento dos Mets não é fruto de seu ataque, até o momento a equipe é a vigésima primeira em quantidade de corridas anotadas, sendo esses conquistados primordialmente por poucos jogadores, talvez pela rotatividade existente no lineup devido a ausência de David Wright ou pela má condição de Curtis Granderson, Daniel Murphy que estão bem aquém das expectativas e temporadas anteriores. Mets vêm com grandes problemas para rebater, com .236 AVG, .278 BABIP, .354 SLG e na última semana esses números são ainda piores (.217 AVG, .273 BABIP, .322),  é notável que a equipe não vem bem, fora isso, no jogo da noite, enfrenta um pitcher canhoto e fora de casa, como disse anteriormente, jogar fora de Nova Iorque não é uma boa para os rebatedores, que tem números ainda piores nessa situação (tem a segunda pior média de toda liga, com .218 AVG).
Acredito que devido ao histórico e condição do jogo já colocadas em acréscimo de jogarem contra um bom pitcher , Mets não conseguirá produzir algo que já não faz normalmente (dos 28 jogos, conseguiu somente em 12 mais de 8 hits), portanto, acredito em poucas rebatidas novamente.

Cole Hamels:
O canhoto Cole Hamels, é um dos poucos pontos fora da curva dentre o ruim roster dos Phillies, por isso é ace absoluto da rotação. Com uma carreira quase que impecável aos 31 anos, Hamels acumula ERA abaixo de 3.5, 23.3 %K, .234 AVG em suas 10 temporadas na MLB. Nessa temporada vêm abaixo do esperado, mesmo aumentando seu número de strikeouts (24,1%) e abaixo o número de rebatidas cedidas (.223 AVG), tem tido problemas com controle, seu número de walks é o maior de toda carreira, assim como a quantidade de homeruns, que atingiu o seu ápice nessa temporada (1.95HR/9). Porém, não vejo nenhuma grande mudança para ter esses efeitos, assim acredito que logo irá recuperar sua boa forma e diminuir esses números, começando pelo jogo de hoje, onde enfrenta uma equipe com grandes dificuldades em bolas rápidas e que poucas vezes enfrentou sua principal bola curva (cutter) (3,3%) e dessas poucas vezes teve problemas.

 Bullpen e Defesa dos Phillies
O bullpen do Phillies conta apenas com 3 bons nomes ( Jonathan Papelbon, Luis Garcia e Ken Giles), caso dos dois últimos entrem e Papelbon feche o jogo, a aposta está garantida. O resto do bullpen, são jogadores jovens com alta rotatividade, portanto tem atuações bem variadas a qual é difícil prever, porém acredito em um jogo longo de Hamels e assim poucos serão arremessados pelos relievers.
A defesa, a qual era vista como um grande problema na pré-temporada, está fazendo um trabalho mediano-bom, com jogadores como Freddy Galvis, Ben Revere, consertando o problema de alguns medalhões da equipe como Ryan Howard e Jeff Francoeur, assim acredito que a defesa não influenciará nem positivamente nem negativamente a atuação dos arremessadores.

Conclusão:
Minha opinião é que os Mets somente podem chegar a atingir a linha se os Phillies o ajudarem, no entanto, hoje enfrentam um pitcher de qualidade, com o bullpen e a defesa trabalhando como fizeram até o momento,   irá limitar ainda mais o seu fraco poder ofensivo e consequentemente poucas rebatidas cedidas.

Minha Pick:
NY Mets abaixo de 7.5 Hits @ 2,00 Bet365



iaguet

  • Sem Dívidas
  • i
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Ago 2012
  • Localidade:
  • Mensagens:
    498
  • Nacionalidade: br
  • Pts Tipsr:
    287
em: 08 de Maio de 2015, 17:42
Spinosa, acredito que você errou, minha primeira aposta se referia ao jogo de Sábado, 02/05 (e não 03/05, onde teve 8 hits) e os Angels tiveram 6 hits aquele jogo, pode conferir que na minha análise falo de Tim Hudson como starter, como aconteceu dia 02/05, também postei na liga da bet365 e lá está marcada como ganha, corretamente.



Ricardo Matos

  • Administrador
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Dez 2012
  • Localidade: Coimbra
  • Mensagens:
    31623
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    753
em: 08 de Maio de 2015, 17:46
Spinosa, acredito que você errou, minha primeira aposta se referia ao jogo de Sábado, 02/05 (e não 03/05, onde teve 8 hits) e os Angels tiveram 6 hits aquele jogo, pode conferir que na minha análise falo de Tim Hudson como starter, como aconteceu dia 02/05, também postei na liga da bet365 e lá está marcada como ganha, corretamente.

Feito :bom:
AKA Spinosa
AG Brasil: http://www.apostaganhabr.com/



Bruno Coutinho

  • Administrador
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2005
  • Localidade: Lisboa
  • Mensagens:
    227166
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    108
em: 09 de Maio de 2015, 13:49
O jogo:
Primeiro confronto da série,entre duas equipes da mesma conferência (National League East),  porém ambas em situações bem diferentes.  New York Mets é uma agradável surpresa para seus fãs com 18-10, acima do esperado até então, no entanto nas últimas semanas esse rendimento caiu (4-6, nos últimos jogos), principalmente pela dificuldade que tem de jogar fora de casa (5-7 contra 13-3 no Citi Field) . Já os Phillies, vem fazendo o que previam, último colocado da conferência, com 10-19, não vejo a possibilidade  do time fazer alguma revira-volta durante a temporada, porém acredito no poder dentro de casa, principalmente com o ace da sua rotação hoje e assim não chegar a 3 derrotas seguidas.

O ataque dos Mets:
Com certeza a excelente campanha até o momento dos Mets não é fruto de seu ataque, até o momento a equipe é a vigésima primeira em quantidade de corridas anotadas, sendo esses conquistados primordialmente por poucos jogadores, talvez pela rotatividade existente no lineup devido a ausência de David Wright ou pela má condição de Curtis Granderson, Daniel Murphy que estão bem aquém das expectativas e temporadas anteriores. Mets vêm com grandes problemas para rebater, com .236 AVG, .278 BABIP, .354 SLG e na última semana esses números são ainda piores (.217 AVG, .273 BABIP, .322),  é notável que a equipe não vem bem, fora isso, no jogo da noite, enfrenta um pitcher canhoto e fora de casa, como disse anteriormente, jogar fora de Nova Iorque não é uma boa para os rebatedores, que tem números ainda piores nessa situação (tem a segunda pior média de toda liga, com .218 AVG).
Acredito que devido ao histórico e condição do jogo já colocadas em acréscimo de jogarem contra um bom pitcher , Mets não conseguirá produzir algo que já não faz normalmente (dos 28 jogos, conseguiu somente em 12 mais de 8 hits), portanto, acredito em poucas rebatidas novamente.

Cole Hamels:
O canhoto Cole Hamels, é um dos poucos pontos fora da curva dentre o ruim roster dos Phillies, por isso é ace absoluto da rotação. Com uma carreira quase que impecável aos 31 anos, Hamels acumula ERA abaixo de 3.5, 23.3 %K, .234 AVG em suas 10 temporadas na MLB. Nessa temporada vêm abaixo do esperado, mesmo aumentando seu número de strikeouts (24,1%) e abaixo o número de rebatidas cedidas (.223 AVG), tem tido problemas com controle, seu número de walks é o maior de toda carreira, assim como a quantidade de homeruns, que atingiu o seu ápice nessa temporada (1.95HR/9). Porém, não vejo nenhuma grande mudança para ter esses efeitos, assim acredito que logo irá recuperar sua boa forma e diminuir esses números, começando pelo jogo de hoje, onde enfrenta uma equipe com grandes dificuldades em bolas rápidas e que poucas vezes enfrentou sua principal bola curva (cutter) (3,3%) e dessas poucas vezes teve problemas.

 Bullpen e Defesa dos Phillies
O bullpen do Phillies conta apenas com 3 bons nomes ( Jonathan Papelbon, Luis Garcia e Ken Giles), caso dos dois últimos entrem e Papelbon feche o jogo, a aposta está garantida. O resto do bullpen, são jogadores jovens com alta rotatividade, portanto tem atuações bem variadas a qual é difícil prever, porém acredito em um jogo longo de Hamels e assim poucos serão arremessados pelos relievers.
A defesa, a qual era vista como um grande problema na pré-temporada, está fazendo um trabalho mediano-bom, com jogadores como Freddy Galvis, Ben Revere, consertando o problema de alguns medalhões da equipe como Ryan Howard e Jeff Francoeur, assim acredito que a defesa não influenciará nem positivamente nem negativamente a atuação dos arremessadores.

Conclusão:
Minha opinião é que os Mets somente podem chegar a atingir a linha se os Phillies o ajudarem, no entanto, hoje enfrentam um pitcher de qualidade, com o bullpen e a defesa trabalhando como fizeram até o momento,   irá limitar ainda mais o seu fraco poder ofensivo e consequentemente poucas rebatidas cedidas.

Minha Pick:
NY Mets abaixo de 7.5 Hits @ 2,00 Bet365


@iaguet apresenta-te ;) http://forum.apostaganha.pt/index.php?topic=463.msg3221289#new



iaguet

  • Sem Dívidas
  • i
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Ago 2012
  • Localidade:
  • Mensagens:
    498
  • Nacionalidade: br
  • Pts Tipsr:
    287
em: 10 de Maio de 2015, 14:55
O jogo:
Terceiro e último jogo da série empata entre Houston Astros e Los Angeles Angels, equipes que estão respectivamente em primeiro e segundo lugar da conferência, American West. Porém, apesar da colocação, a situação na temporada das franquias são bem diferentes, Houston Astros vêm em uma ascensão mágica, com 20-11, na frente desses números somente os Cardinals na National League. Metade dessas vitórias vieram em uma seqüência de 10 consecutivas, porém depois que a perdeu no primeiro jogo contra o fraco Rangers, foi varrido e não conseguiu recuperar completamente ainda, ficando 4-6 nos últimos 10 jogos. Já os Angels estão recuperando a forma em trancos e barrancos, mesmo sendo segundo na conferência, possui W% abaixo de .500, o que não é respeitável pelo elenco que tem, está 4-6 nas últimos 10 jogos, fez boas partidas contra rivais de divisão como Seattle e Oakland, porém péssima contra San Francisco.

O ataque dos Astros:
Astros vêm em uma temporada, mas seu ataque tem peculiaridades que podem custar várias vitórias na temporada. Começando por terem o quinto pior AVG da liga (.234) e oitavo pior OBP (.307), então como eles consegue anotar tantas corridas (139)? Astros vêm sendo extremamente sluggers (rebatedores de potência), nomes como Valbuena, Gattis (especialmente na última semana), Rasmus vêm batendo muitos  homeruns, assim fazendo os Astros com a segunda maior quantidade da liga nesse requisito na MLB com 45, atrás somente dos Dodgers e consequentemente um dos melhores SLG (.418) pensando na limitação de poucos hits. Na última semana isso ficou ainda mais visível, com ridículos .183 AVG, batendo 8 homeruns que garantiram vitórias. As contusões de Springer e Lowrie custaram ainda mais para esse ataque, minha perspectiva é que esses números piorem um pouco mais com a entrada de Preston Tucker, Hank Conger para substituições. Tendo isso em vista e jogando contra um ace, acredito que as chances de rebatidas da equipe de Houston são realmente baixas.

Garrett Richards:
Garrett Richards é um jogador que se esperava-se muito desde que foi draftado, com uma fastball que tem em média 95,96 mph e um controle, sempre foi apontado como um ace prospect. Isso depois de 3 anos na MLB, só se confirmou em 2014, com 26 jogos, 13 vitórias, ERA 2.61, .200 AVG, 24.2%K, foi o ace da rotação e ajudou em muito a boa campanha dos Angels, boa parte justificado pela sua "habilidade"de não levar extra hits, com o menor SLG de toda liga ano passado, na frente dos Cy Youngs, conseguiu sair menos danificado das poucas rebatidadas que cedeu, justificando o  seu WAR de 4.5. Se espera o mesmo para essa temporada e é o que vêm fazendo até agora, com uma leve redução de strikeouts e uma menor quantidades de rebatidas cedidas. O que eu espero hoje são jogos parecidos, onde não cedeu mais de 4 hits em nenhum e jogou em média 6,5 innings, hoje ainda encontra uma vantagem ainda maior, enfrenta uma equipe acostumada com fastballs em torne de 92 mph, com uma diferença de 4 mph, espero muito strikeouts e dificuldade de rebatidas, fora isso está conseguindo manter bem o nível de sua slider, que coincidentemente é a bola curva que Astros tem a maior dificuldade.

O bullpen e defesa dos Angels:
Os relievers dos Angels vêm em uma boa temporada, podem ser considerados até uma surpresa positiva, Huston Street, Cesar Ramos e principalmente Joe Smith, com ERA 3.39,  22,1%K, .218 AVG, não estão atrapalhando o desempenho dos Angels como era esperado pelos especialistas na pré-temporada. Com um jogo longo de Richards, como ele fez em 3 das 4 vezes que atuou, sobra muito pouco trabalho e acredito que eles tem capacidade de manter o nível, ou ceder algumas rebatidas mas não que interfira no resultado final do jogo ou na linha de hits.
Com certeza uma das 5 melhores defesas da liga, os Angels contam com seus jogadores para evitar um número maior de corridas e rebatidas cedidas,  Mike Trout, Johnny Giavotella, Collin Cowgill, entre outros pendem a defesa para um lado bom que nem mesmo David Freese, com toda sua falta de flexibilidade consegue torna-la ruim.

Conclusão:
Houston Astros possui um grande problema de conseguir rebatidas, isso pode ser visto facilmente pelas suas  por suas estatísticas, dos 31 jogos que fez apenas em 14 conseguiu mais de 7 hits, hoje enfrentará problemas ainda maiores, Garrett Richards é um ace bem acima da média que é muito eficiente, jogando em casa com um bullpen equilibrado e uma boa defesa, será difícil essa linha ser batida.

Minha pick é:
Houston Astros menos de 7.5 hits @ 1,83 Bet365



Forum de Apostas

Houston Astros @ Los Angels Angels - 10/05, 16:35 (Brasilia)
« Responder #7 em: 10 de Maio de 2015, 14:55 »

iaguet

  • Sem Dívidas
  • i
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Ago 2012
  • Localidade:
  • Mensagens:
    498
  • Nacionalidade: br
  • Pts Tipsr:
    287
em: 10 de Maio de 2015, 15:02
Spinosa, acredito que você contou o número total de hits na minha última bet, porém minha aposta se restringia ao Mets, que tiveram somente 5 hits, obrigado!



Ricardo Matos

  • Administrador
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Dez 2012
  • Localidade: Coimbra
  • Mensagens:
    31623
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    753
em: 10 de Maio de 2015, 16:52
Spinosa, acredito que você contou o número total de hits na minha última bet, porém minha aposta se restringia ao Mets, que tiveram somente 5 hits, obrigado!

:bom:

@iaguet
Já agora agradeço que não modifiques o que está no Tópico, não coloques lá o nome das equipas mas sim no teu próprio prognostico assim como a data e hora  :bom:
AKA Spinosa
AG Brasil: http://www.apostaganhabr.com/



El Apostador

  • Multimilionário
  • E
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2011
  • Localidade: Sintra
  • Mensagens:
    6824
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    1024
em: 10 de Maio de 2015, 18:39


Seattle Mariners RL



iaguet

  • Sem Dívidas
  • i
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Ago 2012
  • Localidade:
  • Mensagens:
    498
  • Nacionalidade: br
  • Pts Tipsr:
    287
em: 10 de Maio de 2015, 19:02
Evento: Kansas City Royals @ Detroit Tigers
Horário: 10/05 - 21: 05 (Brasil) / 11/05 01:05 (Portugal)

O Jogo:
Terceiro jogo da série entre Kansas City Royals e Detroit Tigers, cada equipe venceu uma partia, Royals na Sexta e Tigers na tarde de ontem. Kansas City, depois do vice-campeonato ano passado vêm mantendo o mesmo nível (19-11), o que não era esperado com a saída de alguns jogadores chave para a boa campanha. Enquanto Detroit, franco favorito ao título da divisão, começou a temporada em excelente forma, 6 vitórias consecutivas, porém nas últimas semanas caiu de produção um pouco e veremos uma das possíveis causas, porém continua passo-a-passo disputando a liderança contra o Royals, o que deve continuar até o fim da temporada.

Ataque dos Royals:
A equipe de Kansas é a segunda maior anotadora de corridas da temporada (154 runs), atrás somente dos Blue Jays (169), porém possuem um estilo diferente para chegar ao fato, são rebatidas de contato e não potência, bateram apenas 24 homeruns até agora (diferença de 13 para o Blue Jays), porém possuem por larga vantagem o maior AVG da liga (.295, diferença de .034 para os Blue Jays), assim como BABIP e OBP, acredito que essa melhora está condicionada a maior paciência no home plate, assim como uma melhor visão que diminuirão e muito a porcentagem de strikeout (15%K). Essa melhora com o ano passado e totalmente inesperada por todo o público da MLB, não tem um nome particular, é o lineup completo de Kansas que está reproduzindo essa situação, é claro que temos Lorenzo Cain, Mike Moustakas e Eric Hosmer em temporadas bem acima da média, porém existem 9 jogadores com mais de .280 AVG, portanto, quem chega em base é empurrado por mais hits, não existindo parte alta ou baixa do lineup, o que dificulta e muito a vida do arremessador, que tem que manter o alto nível em todos os innings. Com as especificações de hoje, jogar contra um pitcher destro, fora de casa, são  condições que estão dentro do previsto e que não alteram em nada a forma de jogar da equipe, portanto prevejo uma boa partida.

Shane Greene:
Greene é um jovem pitcher de 26 anos, na sua segunda temporada na MLB e primeira defendendo Detroit. É o terceiro ou quarto homem da rotação dos Tigers, atrás de David Price, Justin Verlader e Anibal Sanches, vindo dos Yankees depois de uma temporada excelente ano passado ( ERA 3.78, 23.5%K, .261 AVG), esse ano vêm desencantando após um início excelente, onde teve 3 jogos, venceu os 3 cedendo apenas 1 run em um deles, após esse início teve outros 3 jogos onde não arremessou mais de 4 innings e cedeu respectivamente 8,7 e 5 corridas.  Minha aposta se resume não duvidando da qualidade de Greene e sim nas condições de seu jogo, que mesmo quando joga bem cede muitas corridas, além dessa fato sua forma não anda bem, visto os últimos jogos, contra um lineup onfire como visto anteriormente, qualquer homem em base pode desestabilizar sua cabeça,  outro ponto importante é sua experiência, é comum que arremessadores que foram bem na primeira temporada não consigam o mesmo sucesso na segunda, grande parte por perderem o fator surpresa, as equipes de analistas já tem um maior material de estudo que é repassado para os rebatedores que também já o enfrentaram alguma vez no ano.

Bullpen e defesa:
O bullpen do Tigers aparentemente vem bem, mas apesar das estatísticas medianas (.240 AVG, 3.71 ERA, 16,7%K(segunda pior da MLB)), esconde que vêm jogando pouco, apenas 80 entradas até agora, o que possibilita que somente os melhores relievers joguem, com o tempo isso não irá se sustentar e nomes fracos atuarão e grandes problemas podem vir a acontecer. Acredito que hoje possa acontecer uma prévia, já que nos últimos 4 jogos, os Tigers utilizaram 11 relievers, para que esses descansem os de menor qualidade aparecerão.
O infielder dos Tigers é um dos melhores da liga Americana, excetuando Miguel Cabrera de primeira base, as outras 4 posições possuem jogadores que podem chegar ou já ganharam golden glove na carreira, o que Royals terá que fazer é abusar dos extremos do outfielder, J.D. Martinez é abaixo da média e Yoenis Cespedes é um dos piores defensores da liga com certeza.

Conclusão:
O lineup dos Royals conseguiu em 16 dos 31 jogos mais de 10 hits, sendo 4 em jogos contra Detroit ( em 6 existentes), mesmo enfrentando o primeiro e segundo arremessadores da rotação (Price,Sanches,Simon) . Definitivamente trarão problemas para Shane Greene e conseguirão pelo menos alguns pares de rebatidas, caso ele atua bem, ainda há chance que o bullpen entregue o jogo e consequentemente a linha, caso ele jogue mal, considero grandes a chances de a linha ser batida ainda com o arremessador inicial.

Minha pick é:
KC Royals Mais de 9,5 hits @ 1,86 Bet365



iaguet

  • Sem Dívidas
  • i
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Ago 2012
  • Localidade:
  • Mensagens:
    498
  • Nacionalidade: br
  • Pts Tipsr:
    287
em: 11 de Maio de 2015, 00:04
@Spinosa  o NY Mets teve 5 hits no jogo de sexta (08/05) e 9 no sábado (09/05), minha aposta se referia ao jogo de sexta com Cole Hamels de arremessador inicial, está como ganha no portal também http://www.apostaganha.pt/author/iaguet/



iaguet

  • Sem Dívidas
  • i
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Ago 2012
  • Localidade:
  • Mensagens:
    498
  • Nacionalidade: br
  • Pts Tipsr:
    287
em: 11 de Maio de 2015, 16:13
Evento: Boston Red Sox @ Oakland Athletics
Horário: 11/05 - 23:05 (Brasil) // 12/05 - 03:05 (Portugal)

O jogo:
O que a primeira vista, para quem é de fora do mundo bassebalístico parece ser um jogo ruim, entre dois lanternas de conferência, ambos abaixo de .500, na realidade é um jogo bom, entre duas equipes cotadas para chegar aos playoffs e que possuem roster suficiente para isso, focando no jogo de hoje a noite teremos um duelo de dois pitchers de um nível alto, que com certeza será um jogo equilibrado. Oakland vêm de uma série de 5 derrotas seguidas e volta para casa depois de 10 dias tentando tirar essa maré fria. Já Boston, tenta reencontrar a magia de 2013,  com 3 derrotas de séries para rivais de conferência.

O ataque dos Red Sox:
Todo alarde com as trocas no começo do ano, com a vinda de Pablo Sandoval e a volta de Hanley Ramirez trouxeram uma espera de melhora considerável diante do fraco desempenho do ano passado. O começo de temporada até foi bom, mas aos poucos o rendimento foi caindo e com a contusão de Ramirez chegou a um declínio relevante. Hoje, a equipe possui o quinto pior AVG da liga (.233), analisando o porque disso chega-se a conclusão é que apesar de acontecer o contato, ele não é bom, com 20,2% de batidas consideradas fracas, a eliminação fica fácil até defesas ruins, assim conseguindo a pior marca de BABIP (.252). Jogadores de que se esperavam muito como David Ortiz, Dustin Pedroia e Mookie Betts vêm fazendo pouco, enquanto isso somente 2 jogadores possuem uma marca de acima .280 AVG, sendo um deles Sandoval enquanto o outro não é titular absoluto. Caso continuem a forma da semana passada (13 corridas anotadas, a menor quantidade de toda a liga, .186 AVG) não conseguirão passar nem perto da bola de Kazmir,  principalmente por terem um desempenho bem ruim fora de casa e contra um canhoto, contra quem aumentam ainda mais o número de rebatidas fracas (variação de 3% para cima), muito porque não consegue rebater para o lado oposto, puxando todas as bolas, resultando no pior AVG da liga (.190).

Scott Kazmir:
Scott Kazmir, na minha opinião é um jogador underrated, arremessador basicamente de 3 bolas (2-seam, changeup e slider), consegue um nível de strikeouts extraordinário (25,3%K esse ano e 21,1% ano passado), com uma bola difícil de acertar o ponto exato no taco e puxa-la para o seu lado, com isso cede poucas rebatidas (.194 AVG em 2015), top 15 de todos os pitchers. Acredito que hoje Kazmir tem a oportunidade de limpar da memória sua pior atuação da quarta passada onde cedeu 6 corridas, 7 rebatidas contra Minessota, enfrentando um lineup em extrema má fase, com quem tem bons retrospectos contra seus principais nomes (David Ortiz está .208 AVG, enquanto Mike Napoli 1-10 com 6 strikeouts e Pablo Sandoval 0-3), pode continuar sua boa campanha em casa, onde está a 14 innings sem ceder uma corrida, cedendo apenas 6 rebatidas nesses confrontos.

Bullpen e defesa:
O Bullpen do Oakland vem sendo o grande problema da temporada até então, com 5.06 ERA, é o pior da American League, fazendo o clube se mexer no mercado e trazendo Edward Mujica do Boston. Porém, para esta aposta ele não é realmente um problema, porque apesar de ceder muitas corridas, cede poucos hits (.241 AVG) e tem uma média boa de strikeout (22%K). Hoje, enfrentando uma equipe que é péssima contra relievers (.186 AVG) na temporada, pode atingir sucesso e com uma boa atuação de Kazmir, garantir a vitória.
A defesa de Oakland está com graves problemas, cometendo muitos erros, também é considerada como um ponto forte para explicar a má forma atual. Porém, analisando com cuidado, vemos que o problema pode ser pontual, Josh Reddick e Sam Fueld, os que mais erraram até o momento são grandes do outfield, Reddick até foi nomeado golden glove em 2012, portanto acredito que com o tempo isso será revertido.

Conclusão:
Em um jogo em que ambas equipes estão em momentos ruins, acredito que os pitchers irão se sobressair, em especial Kazmir, jogando algo semelhante a ano passado conseguirá sobreviver a 6,7 entradas com entre 3 a 5 hits cedidas, o que sobra, acredito que o bullpen seja capaz de resolver visto a incapacidade do do Red Sox em rebater contra arremessadores que encontram apenas uma vez no jogo.

Minha pick é:
Boston Red Sox menos de 7.5 hits @ 2,00 Bet365



Rodrigo Cesar

  • Administrador
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Ago 2008
  • Localidade: São Paulo - Brasil
  • Mensagens:
    39284
  • Nacionalidade: br
  • Pts Tipsr:
    5221
em: 11 de Maio de 2015, 17:01
@iaguet   ótimas picks  :venia: :venia: :venia: :venia: :venia: :venia: :venia: :venia: :venia: :venia: :venia: :venia:
The wisdom of the fool won't set you free

http://www.apostaganhabr.com/




 


Casas de Apostas: bet pt / Betclic / ESC Online / Nossa Aposta / Casino Portugal

Rede Apostaganha: Apostas e Prognósticos / Palpites e Dicas de Apostas / Pronósticos de Apuestas / Betting Tips and Predictions / Melhores Cassinos Online Brasil / Mejores Casinos Online de América Latina