Autor Tópico: [Inglaterra - Premier League 29ª Jornada] 14 a 16 de Março de 2015  (Lida 2080 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Ricardo Matos

  • Administrador
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Dez 2012
  • Localidade: Coimbra
  • Mensagens:
    33395
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    756

29ª Jornada



Lista de Análises e Previsões/Prognósticos

Dia 14

RAPIOR -- Burnley vs Manchester City -- AH Manchester City -1  @ 1.75 na Bet365 1-0  :perdida:
DA_SILVA -- Burnley vs Manchester City -- Manchester City para vencer encontro a 1.47 @ FantasticWin 1-0  :perdida:
PAULORUAPEREIRA -- Burnley vs Manchester City -- Over 2.5 golos @ 1.65 na FantasticWin 1-0  :perdida:
BEGINNER -- Burnley vs Manchester City -- Intervalo/Final Jogo: Man.City/Man.City  @ 2,10 na  Bet365 HT=0-0 FT=1-0  :perdida:

MMACHADO -- Crystal Palace vs Queens Parks Rangers -- Mais de 2 golos @ 1.50 na Bet365 3-1  :ganha:


MMACHADO -- Arsenal vs West Ham United -- HHT/FT = Arsenal/Arsenal @ 1.87 na Dhoze HT=1-0 FT=3-0  :ganha:

MMACHADO -- Sunderland vs Aston Villa -- Menos de 1 golo ao intervalo HA @ 1.60 na Dhoze HT=0-4 FT=0-4  :ganha:

MMACHADO -- West Bromwich Albion vs Stoke City -- Stoke City DNB @ 2.38 na Dhoze 1-0 :perdida:


Dia 15
MMACHADO -- Chelsea vs Southampton -- EH Chelsea -1 @ 2.50 na Dhoze 1-1 :perdida:
INACION --  Chelsea vs Southampton -- Chelsea @ 1.63 na Betfair 1-1 :perdida:
SLEVIN -- Chelsea vs Southampton --Chelsea -1  HE @ 2.5 Dhoze 1-1 :perdida:


MMACHADO -- Manchester United vs Tottenham -- Tottenham DNB @ 3.10 na Dhoze 3-0 :perdida:
PAULORUAPEREIRA -- Manchester United vs Tottenham -- Ambas Marcam @ 1.65 na FantasticWin 3-0 :perdida:
SNIPERTHEBEST -- Manchester United vs Tottenham -- Irão ambas as equipas marcar pelo menos 1 golo?: sim @ 1.63 na Bet-At-Home 3-0 :perdida:

SLEVIN -- Everton vs Newcastle -- Everton @ 1.76 Dhoze 3-0 :ganha:


Dia 16

TMSREIS -- Swansea vs Liverpool -- Swansea HA -0.0 @ 3.00 na Bet365 0-1 :perdida:
BEGINNER -- Swansea vs Liverpool -- Liverpool vence @ 1,95 na Bet365 0-1 :ganha:
« Última modificação: 16 de Março de 2015, 22:21 por Spinosa »
AKA Spinosa
AG Brasil: http://www.apostaganhabr.com/



rapior

  • Multimilionário
  • r
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jun 2006
  • Localidade:
  • Mensagens:
    6591
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    1727
em: 13 de Março de 2015, 21:42
14/03/2015 às 17h30m
Burnley vs Manchester City
Pick: AH Manchester City -1       Odd: 1.75 @ Bet365 (5 unidades)


O Burnley é um primodivisionário cujo objetivo passa pela manutenção, tarefa que não se afigura fácil pois ao fim de vinte e oito jornadas ocupam a penúltima posição com 22 pts. Estão a atravessar um mau período sendo que não ganham há sete jornadas. Em casa regista 3V 5E 6D com um goal average de 13-19, apresentando a segunda pior defesa caseira do campeonato.
Possui um plantel com pouca experiência a este nível, não tendo jogadores com capacidade individual para fazer desequilíbrios, pelo que a equipa vale sobretudo pela sua entrega ao jogo, sendo que nunca desistem, o que por exemplo lhes permitiu na primeira volta anular uma desvantagem de dois golos na casa deste Manchester City.
Para este jogo Matt Taylor continua ausente e Ullevstad, recém contratado ainda não será opção.

O Manchester City é o campeão em título e para continuar a ambicionar revalidá-lo não pode perder mais pontos, pois atualmente encontra-se na segunda posição mas já a cinco pontos do Chelsea e com um jogo a mais. É a equipa com melhor registo forasteiro com 8V 4E 2D, apresentando também o melhor ataque nessa condição, sendo que nunca ficaram em branco num jogo fora de casa.
O setor mais forte da equipa é sem dúvidas o atacante, onde contam com jogadores como Aguero, Jovetic, Nasry, David Silva e o recém contratado Bony. Todavia a prioridade deveria ter sido o reforço do eixo defensivo, pois Mangala tarda em adaptar-se e Demicheles já não tem a velocidade necessária para os principais avançados desta liga.
Para este jogo Pelligrini tem todo o pantel e apesar de ter jogo a meio da semana para a champions o seu foco está apenas em somar três pontos neste encontro.
Penso que o Burnley não tem capacidade para conseguir explorar as fragilidades defensivas do Manchester e deverá sentir muitas dificuldades para anular os movimentos ofensivos do Manchester, sobretudo de David Silva que tem estado a excelente nível. Prevejo por isso uma vitória do City, que ao contrário da primeira volta não vai cometer novamente o erro de subestimar o seu adversário.


Equipas Prováveis:
Burnley:
Heaton – Shackell, Trippier, Mee, Keane – Boyd, Jones, Arfield, Kighthly – Barnes, Ing


Manchester City: Hart – Sagna, Kompany, Demichelis, Kolarov – Toure, Fernando, Navas, David Silva – Bony, Aguero
"O insucesso é apenas uma oportunidade para começar de novo com mais inteligência."



da_silva

  • HighRoller
  • d
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Nov 2010
  • Localidade:
  • Mensagens:
    12025
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    5082
em: 13 de Março de 2015, 22:21
Competição: Futebol
Data: 14-03-2015 ás 17h30
Jogadores: Burnley vs Manchester City
Pick: Manchester City para vencer encontro a 1.47 @ Fantasticwin

 
:arrow: Burnley, equipa inglesa que ocupa a 19ª posição da Premier League com 22 pontos em 28 jogos. Esta equipa ocupa neste momento um lugar de despromoção e não será fácil a tarefa da manutenção. Em termos de plantel, têm algumas limitações, mais em termos defensivos do que propriamente em termos ofensivos, na minha opinião. Defensivamente cometem muitos erros e acabam por consentir alguns golos devido a falhas defensivas. Em termos ofensivos a coisa não tem estado famosa nos últimos tempos. Vêm de 2 derrotas consecutivas, em casa diante do Swansea e em Liverpool e em ambos os encontros ficaram a zeros. Para este jogo não há baixas de vulto.
 
:arrow: Manchester City, equipa inglesa que ocupa a 2ª posição da Premier League com 58 pontos em 28 jogos. O actual campeão inglês está um pouco atrasado na corrida pelo título. O Chelsea de José Mourinho está forte e consistente o que lhes permite ter uma boa vantagem para o City nesta fase do campeonato. O City começou mal o campeonato e isso condicionou os na corrida pelo título embora já tivessem estado a uma distância pontual inferior do que aquela que têm agora. Em termos ofensivos, o City continua a ser uma equipa muito poderosa, onde a figura e a grande referência é sem dúvida Aguero, embora jogadores como Nasri e o espanhol David Silva sejam igualmente importantes elementos no sector mais avançado. O City vem de uma vitória caseira para a Premier League, mas perdeu na última deslocação que teve, precisamente em Liverpool. Há jogo a meio da semana em Barcelona, mas a prioridade é o campeonato, até porque a "remontada" em Barcelona será muito pouco provável.
 
Conclusão: Este Burnley foi o responsável pela perde de 2 pontos no campeonato ao City devido ao empate que conseguiu em Manchester. Com uma vantagem controlada de 2 golos, o Burnley não desistiu e conseguiu empatar esse encontro contra todas as expectativas. Para este jogo acredito num cenário diferente, a equipa da casa está numa fase menos boa e entrou num ciclo de jogos terrível onde vai defrontar das equipas mais fortes e que estão no topo da tabela classificativa. Neste jogo espero um City mais forte, a entrar com dinâmica e rapidez de modo a tentarem marcar cedo e gerirem o jogo da melhor maneira de modo a prepararem com calma o jogo em Barcelona. Para a equipa de Aguero e companhia, a margem de erro é zero e qualquer resultado que não seja a vitória, podem entregar as faixas de campeão ao Chelsea e ficam com o Arsenal á perna já que a vantagem pontual é de apenas 4 pontos e 5 para o rival de Manchester.



Forum de Apostas

Re: [Inglaterra - Premier League 28ª Jornada] 14 a 16 de Março de 2015
« Responder #2 em: 13 de Março de 2015, 22:21 »

MMachado

  • Visitante
em: 13 de Março de 2015, 22:47
Crystal Palace vs Queens Parks Rangers, dia 14/3 às 12:45

Regressa a Premier League para saciar a fome do maior campeonato do mundo, sentido por muitos adeptos de futebol, com um duelo no Selhurst Park, em Londres, onde o Crystal Palace irá receber o Queens Parks Rangers no duelo que irá a abrir a jornada 29 da Premier League.

O Palace tem como objectivo a manutenção no principal escalão inglês depois de a ter conseguido bravamente no ano passado, graças a um grande trabalho de Tony Pulis.
Mudou o treinador, mas a garra e o afinco dos jogadores do Palace continuam e a evidênciá-lo está o honroso 12º posto que a equipa ocupa no campeonato inglês, somando 30 pontos ao cabo de 28 jornadas que refletem, de certa fora, o bom momento deste conjunto.
A equipa tem sido regular e nem o facto de ter tido três derrotas nos últimos quatro jogos abala a confiança. É que neste período foi vencer a Upton Park, o West Ham, por 3-1, e as derrotas acontecer diante de Liverpool, Arsenal e Southampton, equipas que ocupam lugares no top 7 de Inglaterra e com responsabilidades maiores na Premier League.
Para este encontro, o Palace vê-se a braços com muitas ausências, sendo as mais sonantes as de Mile Jedinak e de Yaya Sanogo, estando a utilização de Marouane Chamakh em dúvida. Lee Chung-Young e Fraizer Campbell também são ausências assinaláveis.
Os últimos quatro nomes são importantes na manobra ofensiva da equipa, sendo opções regulares para essa zona do terreno, porém, o primeiro é a ausência com mais peso pois o australiano é responsável por pautar o jogo do Palace, estando castigado por quatro encontros, sendo este apenas o segundo encontro em que cumpre a suspensão.

Do outro lado está o Queens Park Rangers que tenta, à semelhança do Crystal Palace, manter-se no principal escalão inglês, porém, o QPR tem menos legitimidade para assumir um eventual fracasso na conquista dado o elevado investimento feito pelos seus dirigentes na construção do plantel, que conta com nomes como os de Sandro, Kranjcar, Rio Ferdinand ou Mauricio Isla.
A equipa tem vindo a fazer uma época algo irregular e acusa um pouco a falta de regularidade de triunfos, conforme ilustram os resultados recentes, com a equipa a perder 8 dos últimos 9 jogos oficiais disputados, vencendo apenas o Sunderland.
A debilidade defensiva desta equipa, apesra de contar com grandes nomes no sector recuado, tem sido o principal problema deste conjunto que, desde o início do ano, só não sofreu quando venceu o Sunderland por 2-0. De resto, apenas por uma ocasião não sofreu 2 ou mais golos dentro do período em análise, o que não deixa de ser assinalável.
Para este encontro, Joey Barton cumpre castigo e é ausência confirmada, assim como Isla, Taarabt, Leroy Fer, Richard Dunne e Alejandro Faurlin por lesão.

Acredito num jogo bem disputado, com duas equipas com doses diferentes de pressão em cima. O Palace mais tranquilo por se encontrar no lugar confortável e o QPR com urgência em inverter a tendência de maus resultados de forma a fugir da zona de despromoção que ocupa.
Posto isto, acredito em vários golos para este encontro.

A minha pick:
Mais de 2 golos @ 1.50 na Bet365 (8 un)



MMachado

  • Visitante
em: 14 de Março de 2015, 02:37
Arsenal vs West Ham United, dia 14/3 às 15:00

Entre a habitual tarde futebolística de Sábado, este será, porventura o duelo mais quente de todos, com o Arsenal a receber o West Ham no Emirates para mais um duelo londrino.

Os gunners encontram-se em bom forma no capítulo interno, ocupando o 3º lugar, com 54 pontos somados em 28 jornadas, ocupando a “última” das vagas de apuramento directo para a Liga dos Campeões, ainda que esteja muito distante do líder (9 pontos e menos um jogo) para que seja considerado um candidato ao título conforme desejariam os seus responsáveis e adeptos no início da temporada, levados pela euforia de contratações como a de Alexis Sanchez, David Ospina ou Danny Wellbeck (contratado ao rival United).
A nível interno soma seis vitórias consecutivas, tendo em todas elas ficado bem patenteado o poderio ofensivo deste conjunto que marcou sempre pelo menos dois golos no período em questão, com Olivier Giroud em destaque, ao apontar cinco golos.
A equipa parte, também, moralizada pelo facto de ter deixado para trás o rival Manchester United num jogo da Taça de Inglaterra, onde começou a vencer, deixou-se empatar, mas voltou a pôr-se na frente do marcador, curiosamente por Danny Welbeck.
Uma vitória em Old Trafford moraliza qualquer equipa, e o Arsenal, apesar da dimensão, não será excepção, ainda para mais tendo em conta a importância que tem a conquista de uma competição para os orientados por Arséne Wenger.
Como, infelizmente, já é habitual, o Arsenal apresenta uma longa lista de baixas, mas apenas uma, porém, é considerada de “vulto” – Alex Oxlade-Chamberlain. O inglês, desequilibrador nato lesionou-se em Old Trafford depois de fazer uma óptima assistência para o golo inaugural... porém, Wellbeck poderá ser um substituto à altura, afinal foi ele que marcou o golo que deu a passagem às meias-finais da Taça de Inglaterra.

Do outro lado está um West Ham bastante competitivo, conforme era pedido no início da temporada pelos seus dirigentes. A equipa revela muita garra e atitude em todos os encontros que disputa e isso trouxe dividendos aos Hammers, sobretudo na primeira metade da época...
... porém, a garra e a atitude não foram suficientes para manter a regularidade de bons resultados e a equipa encontra-se numa fase de sete partidas sem conhecer o sabor da vitória, depois de quatro derrotas e dois empates. É certo que enfrentou Liverpool, Chelsea, Southampton e Tottenham neste período, mas um ciclo assim deixa marcas numa equipa, e os orientados de Sam Allardyce não serão, com certeza, excepção.
A jogar fora de portas, o West Ham venceu três encontros, mas quando enfrenta equipas de calibre superior tem por hábito perder, conforme aconteceu com Manchester United ou Chelsea (derrotas por 2-1 e 2-0). A última vitória fora remonta a 2 de Dezembro, quando foi ao terreno do West Bromwich vencer por 2-1.
Para este jogo, Andy Carrol, Carlton Cole e Carl Jenkinson são ausências confirmadas. Os dois primeiros por lesão, o segundo por pertencer aos quadros do Arsenal. As baixas dos avançados poderão ser consentidas, principalmente a do primeiro, que vinha a assinar uma época ao nível daquela que habituou os adeptos do futebol, com um temível jogo àereo que lhe valeu 5 golos em 14 partidas.

Acredito num Arsenal pressionante e motivado pela derrota imposta ao United, apostado em resolver o jogo cedo dado o compromisso para a Champions na próxima terça-feira, dia em que terá que dar a volta a uma desvantagem de 3-1, no Mónaco.

A minha pick:
Half time / Full Time – Arsenal/Arsenal @ 1.87 na Dhoze (8 un)



MMachado

  • Visitante
em: 14 de Março de 2015, 03:04
Sunderland vs Aston Villa, dia 14/3 às 15:00

O Stadium of the Light vai receber um duelo entre equipas perigosamente próximas da zona de relegação, com o Sunderland a receber o Aston Villa.

O Sunderland ocupa o 16º posto na liga, com 26 pontos somados em 28 jogos, estando a apenas 3 da zona de descida, o que já fez soar os alarmes no Estádio da Luz inglês.
A equipa não se encontra numa boa fase, pois encontra-se divorciada das vitórias na Premier League desde 31 de Janeiro último, somando 3 empates e outras tantas derrotas nos encontros oficiais que se seguiram.
Algo que salta à vista é a inoperância ofensiva deste conjunto, que só conseguiu marcar dois golos durante os últimos seis compromissos e que podem estar na génese da má forma recente da sua equipa. Uma alergia ao golo que se entende pela falta de uma referência ofensiva mais “séria”, apesar de Steven Fletcher ser um bom homem de àrea, Connor Wickham ter um potencial tremendo e Jermain Defoe ser um jogador de créditos firmados... mas isso não tem tido resultados práticos, sendo as melhores exibições aquelas assinadas pelo sector defensivo, nomeadamente Pantilimon, guarda-redes que tem tido uma regularidade exibicional assinalável.
Para este encontro, Giaccherini, Lee Catermole e Adam Johnson são ausências confirmadas, e se a baixa do italiano já vem de algum tempo e não afetará muito o conjunto, a dos ingleses já serão mais consentidos, pois Adam Johnson é um desequilibrador nato e com apetência para a cobrança de bolas paradas e Catermole é um pilar importante na fase de destrução do Sunderland.

O Aston Villa é o 17º classificado na liga, somando apenas 6 vitórias em 28 possiveis, o que, acrescentados os 7 empates do conjunto de Birmingham, faz com que a equipa tenha apenas 25 pontos somados, apenas mais dois que o o 18º, primeiro lugar de descida da Premier League.
O objectivo do clube passa pela manutenção, e os lugares de descida não são “propriedade” do Villa, mas esperava-se uma época mais tranquila.
A forma recente, porém, é boa. É que o Villa conseguiu impôr duas derrotas consecutivas num derby de Birmingham, vencendo o West Bromwich Albion por 2-1 para a Liga e por 2-0 para a Taça, o que lhe dará uma confiança enorme para encarar esta partida. Nestes duelos a equipa encontrou, provavelmente, o embalo moral de que tanto precisava.
A jogar fora de portas as coisas costumam complicar um pouco para os villains, que não vencem enquanto visitantes desde 2 de Dezembro de 2014.
À semelhança do seu adversário, a inoperância ofensiva deste conjunto salta à vista, sobretudo nos jogos fora de portas, onde só marcou por quatro ocasiões... porém, em todas pontuou (três vitórias e um empate). O problema foi o remanescente dos encontros que disputou, e onde sofreu muito e marcou pouco.

Acredito num jogo rasgadinho, entre duas equipas que terão o medo de perder a sobrepôr-se à aventura da vitória. Um jogo propício a “under’s” portanto, sobretudo na primeira parte do encontro.

A minha pick:
Menos de 1 golo ao intervalo (odd asiática) @ 1.60 na Dhoze (5 un)



MMachado

  • Visitante
em: 14 de Março de 2015, 13:04
West Bromwich Albion vs Stoke City, dia 14/3 às 15:00

O The Hawthorns volta a receber o futebol da Premier League depois de 15 dias sem ele, com o West Bromwich a receber o Stoke City.

A equipa da zona de Birmingham tem como objectivo a manutenção na Premier League, ambicionando, porém, um lugar mais acima na tabela de forma a estabelecer-se competitivamente no principal escalão inglês.
Ocupa, actualmente, o 13º lugar, somando 30 pontos ao cabo de 28 jornadas, e está a 8 da zona de descida, o que lhe assegura alguma tranquilidade, porém, está ainda longe de se intrometer na luta da primeira metade da tabela, da qual dista 9 pontos, pelo que o objectivo secundário poderá ficar comprometido, assim como um possível acesso às competições europeias, hipotecado via Taça de Inglaterra depois da eliminação aos pés do rival Aston Villa...
... uma derrota que custou muito ao WBA, não só por ser num derby, mas também porque pior do que se perder um derby é perder dois, e foi o segundo consecutivo que os homens de Tony Pulis perderam no Villa Park depois do 2-1 para o campeonato.
O momento, portanto, não é o melhor para esta formação, mesmo tendo em conta que vinha de uma série de jogos onde conseguira excelentes resultados -  nos cinco jogos anteriores, não consentira nenhuma derrota, fora buscar pontos fora de portas e derrotara, com autoridade os adversários que a visitaram, incluindo o sensacional Southampton.
Claudio Yacob e Victor Anichebe são ausências confirmadas para este encontro, sendo a do argentino a que mais se fará sentir. É que ele vinha a ser uma peça importante no onze do WBA, sobretudo no processo defensivo. Craig Gardner será o provável substituto.

Do outro lado está um Stoke apostado em crescer competitivamente dentro da Premier League e a prova disso está no 8º lugar que ocupa, somando 42 pontos ao cabo de 28 jornadas, estando alinhado com os objectivos traçados no início da temporada.
À frente dos vermelho-e-brancos, apenas se encontram os chamados Big Four (Manchester’s, Chelsea e Arsenal), Liverpool, Tottenham e Southampton, o que é sintomático da boa campanha que a equipa tem vindo a fazer.
A moral estará, portanto, em alta no balneário comandado por Mark Hughes, ainda para mais com a excelente forma recente da equipa que soube resistir ao enorme rombo que foi a derrota por 4-1 ante o Blackburn Rovers e que custou a continuidade na Taça de Inglaterra. Depois deste desaire, o Stoke foi vencer ao Villa Park e derrotou o Hull e o Everton nas recepções a estas equipas, marcando 3 golos e não sofrendo nenhum, ilustrando o futebol prático que se pratica para os lados de Stoke-on-Trend.
Odemwingie, Bojan, Muniesa e Ireland são baixas confirmadas para esta partida. Todos por lesão. São ausências relativamente importantes, sobretudo a do avançado espanhol que vinha a exibir-se a bom nível, tendo apontado 4 golos em 16 aparições. Porém, são ausências que já duram desde há algum tempo a esta parte, pelo que deverão ser suprimidas de forma competente.

A diferença de moral é notória, e o “momentum” costuma ser um factor decisivo, sobretudo numa liga como a inglesa. Assim sendo, acredito que o Stoke vá a ao The Hawthorns conseguir pontos.

A minha pick:
Stoke City DNB @ 2.38 na Dhoze (4 un)



pauloruapereira

  • Bilionário
  • p
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Abr 2014
  • Localidade: Cantanhede
  • Mensagens:
    3485
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    903
em: 14 de Março de 2015, 15:09
Burnley vs Manchester City
14/03/2015 - 17h30


O Burnley luta pela manutenção, cada jogo assume muita importância na busca pelos pontos, e se a equipa já é muito combativa dentro de campo, então a partir de agora terá que se evidenciar ainda mais. O que quero transmitir com isto de ser uma formação muito combativa, é o que já venho dizendo há algum tempo. O Burnley não é equipa de deitar a toalha ao chão, tentam aproveitar todas as oportunidades para fazer golo e colocar resultados, que por vezes são desfavoráveis e derrotas quase certas, em dúvida. Posso até dar alguns exemplos, o empate fora com o Leicester em que nunca desistiram e chegaram ao empate mesmo no fim, o 2-2 no Ethiad, estiveram a perder por 2-0 e chegaram à igualdade, assim como o 3-3 em Newcastle ou o 1-1 em Stamford Bridge, enfim... Atenção que este jogos que aqui relatei, foram apenas aqueles em que pontuaram, muitos outros existem e que mesmo tendo-os perdido, causaram dificuldades. Contudo, a classificação é ingrata, o penúltimo lugar caia melhor ao Aston Villa que miseravelmente tem jogado, por exemplo. De facto, defensivamente a equipa do Burnley é fraquinha e esse é o grande problema. D Marney, K Long e M Taylor são ausências confirmadas.

O Manchester City continua na perseguição ao Chelsea e ao primeiro lugar, a distância é de 5 pontos e não há margem para erro, até porque o campeonato caminha para o final. Esta semana é muito importante para o City, lembro que vão a Camp Nou discutir a passagem aos quartos de final da liga dos campeões, e levam uma desvantagem de 2-1 na bagagem. Portanto, o jogo de hoje com o Burnley é para decidir o mais rapidamente possível, não convém nada complicar as coisas. Os citizens vêm de uma vitória caseira sobre o Leicester por 2-0, um jogo fraquinho, podiam ter feito muito mais, vencer esta equipa por 2-0 são serviços mínimos. Para hoje, estão na máxima força.

Na primeira volta, o City, tal como já referi, recebeu o Burnley e permitiu o empate a duas bolas, num jogo peculiar, foram para o intervalo a vencer por 2-0, esperava que o resultado redundasse num 4-0, ou algo parecido, quando surpreendentemente, sofrem dois golos, um a abrir a segunda metade e outro no minuto 81. Agora estamos a entrar numa fase crucial, Aguero e companhia estão de volta, algo que não aconteceu nesse jogo, há mais poder de fogo, mais originalidade, mais soluções, e obviamente, acredito na vitória do City. Ainda assim, vejo no mercado de golos muito mais valor, pelo tipo de jogo de ambas as equipas.

Over 2.5 goals @ odd 1.65
Fantasticwin
“Somos o que fazemos, mas somos, principalmente, o que fazemos para mudar o que somos.” - Eduardo Galeano



Forum de Apostas

Re: [Inglaterra - Premier League 28ª Jornada] 14 a 16 de Março de 2015
« Responder #7 em: 14 de Março de 2015, 15:09 »

Beginner

  • Rico
  • B
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jan 2010
  • Localidade: Lisboa
  • Mensagens:
    795
    Pts Tipsr:
    382
em: 14 de Março de 2015, 16:12
Premier League
Burnley-Man.City
14.03 17:30h

Burnley
O Burnley está numa posição complicada. A equipa é 19º (penúltima) classificada da Premier League e está 4 pontos abaixo do primeiro lugar que não desce. Até agora venceram apenas 4 partidas, empataram 10 e perderam 14. Em sua casa o Burnley obteve 3 vitórias, 5 empates e 6 derrotas marcando 13 golos e sofrendo 19. O Burnley nos últimos 8 jogos, empatou 2 e perdeu 6....a equipa atravessa um mau momento.

Man.City
O Man.City continua a perseguição ao líder Chelsea (mas já estão a 5 pontos e têm um jogo a mais) e não pode perder mais pontos. O City após o regresso dos jogadores da CAN (Touré e Bony) melhorou. Nos últimos 5 jogos o City venceu 3 partidas e perdeu 2. A equipa para chegar a 2º venceu 17 jogos, empatou 7 e perdeu 4. Fora de casa o City é a melhor equipa da Liga. O City fora do seu estádio venceu 8 partidas,  empatou 4 e perdeu 2 marcando 31 golos e sofrendo 15.

Head to head
Defrontaram-se até hoje 4 vezes em casa do Burnley  e o City venceu as 4 (apenas uma há pouco tempo 2010)...não são muito relevantes.

Conclusão
O City é muito melhor que o Burnley. O City não pode perder mais pontos. Com os regressos de Yaya Touré e Bony e com a boa forma de Silva, Aguero e Dzeko creio que o City tem todas as condições para vencer o Burnley hoje. É verdade que o City joga durante a próxima semana para a Champions League mas isso leva-me a crer que entrará forte para tentar resolver o jogo cedo (de preferência ainda na primeira parte). Assim é nesse sentido que vou orientar a minha aposta. Que o City já estará a vencer ao intervalo de forma a poder controlar a partida e descansar a pensar no jogo com o Barcelona.

Intervalo/Final Jogo: Man.City/Man.City  :arrow: a 2,1 Bet365
Beginner the Winner



MMachado

  • Visitante
em: 14 de Março de 2015, 20:34
Chelsea vs Southampton, dia 15/3 às 13:30

Stamford Bridge recebe o primeiro jogo de Domingo da jornada 29 da Premier League, com os da casa a enfrentar uma das sensações da época, o Southampton.

Os blues têm como objectivo principal a conquista do campeonato, como não podia deixar de ser,  face ao investimento feito no seu plantel e à história recente do clube que lhe “exige” lutar pela conquista de todas as competições que disputa.
A equipa encontra-se num momento menos bom, devido ao facto de ter sido eliminado da Liga dos Campeões num jogo incrível, onde teve a vencer a eliminatória durante 86 minutos, somando essa vantagem com a numérica desde o minuto 30 e com o golo de Cahil à passagem do minuto 80... porém, um golo de David Luiz levou o jogo para prolongamento, e o Chelsea até começou a ganhar, mas a 6 minutos do apito final Thiago Silva cabeceou para a eliminação londrina, culminando um feito heróico e histórico do PSG.
O rombo foi grande, a imprensa deu a devida conta do mesmo e foi implacável com José Mourinho e seus jogadores. Algo que terá sido abafado pelo competente departamento de comunicação do clube e pelo próprio balneário, mas uma derrota como a da passada quarta-feira deixa sempre marcas num clube, ainda por cima num que tinha legítimas ambições de seguir em frente na prova milionária.
Antes disso vinha a demonstrar domínio sobre os seus adversários, facto ilustrado pelo primeiro lugar que ocupa na Premier League com 5 pontos de vantagem sobre o segundo... e menos dois jogos.
Obi Mikel será a única ausência a lamentar neste encontro do lado dos blues.

Do outro lado está um Southampton que teve uma primeira metade de época absolutamente fantástica, estando a cheirar ou a ocupar o 3º lugar em grande parte dela, porém a equipa parece ter perdido algum gás com o desenrolar dos jogos, tendo tudo começado com a eliminação da FA Cup, aos pés do Crystal Palace, que venceu por 3-2 no St. Mary’s.
Depois, uma derrota caseira ante o Swansea por 1-0, um empate caseiro diante do West Ham com uma vitória pela margem mínima contra o QPR pelo meio, e duas derrotas consecutivas ante Liverpool e WBA atiram a equipa para um 7º lugar que está longe de ser uma satisfação para uma equipa que esteve tanto tempo nos lugares cimeiros.
A última jornada marcou uma interrupção nos maus resultados, e a equipa cumpriu a sua obrigação ao bater o Crystal Palace por 1-0, um reforço moral que, porém, não chegou facilmente pois só aos 83 minutos Mané marcou o golo da vitória.
Jay Rodriguez e Mayuka são os ausentes do lado do Southampton, algo que não deverá afectar a estratégia de Ronald Koeman para este encontro.

O Chelsea tem melhor equipa e quererá demonstrá-lo em campo, ainda por cima perante um adversário que tem vindo a acusar o facto de ter jogado tanto tempo no limite das suas capacidades. É certo que teve muito tempo de descanso (jogou, pela última vez, a 3 de Março) e que isso constituirá uma vantagem em termos físicos, mas acredito que não seja suficiente para combater a superioridade dos blues.

A minha pick:
EH Chelsea -1 @ 2.50 na Dhoze (3 un)
« Última modificação: 14 de Março de 2015, 20:35 por MMachado »



MMachado

  • Visitante
em: 14 de Março de 2015, 20:51
Manchester United vs Tottenham, dia 15/3 às 16:00

O duelo da jornada 29 entre equipas com maiores responsabilidades na Premier League acontece em Old Trafford, onde o Manchester United irá receber o Tottenham.

Depois de um investimento avultadíssimo que fez chegar ao United jogadores do calibre de Angel Di Maria, Ander Herrera ou Radamel Falcao, e contando no plantel com nomes como os de Wayne Rooney ou Robbie Van Persie, o objectivo dos red devils só podia estar centrado no título da Premier League 2014/2015, fazendo regressar aos títulos uma equipa que terminou o ano passado num incrível 7º lugar que a colocou fora das competições europeias pela primeira vez em muitos anos de história recente.
A equipa chega a esta jornada com o peso da eliminação da FA Cup, única competição onde, fora o campeonato, ainda marcava presença. O Arsenal impôs-se, por 2-1 e fez emergir as várias debilidades defensivas de que padece este United e que andaram escondidas nos dois jogos anteriores, onde a equipa não tinha sofrido quaisquer golos, vencendo o Sunderland por 2-0 e o Newcastle por 1-0.
Parece faltar, ainda, identidade de jogo aos red devils e, sobretudo isso, entrosamento defensivo, sendo os corredores o lugar mais necessitado de correcção, face à adaptação de Valência a lateral-direito e a de Luke Shaw, lateral esquerdo, a uma realidade diferente – vulgo, de maior responsabilidade.
Para este encontro, Van Persie, Di María e Johnny Evans são baixas confirmadas. O primeiro por lesão, os outros dois por castigo, algo que se deve notar na manobra ofensiva da equipa.

Do outro lado está um Tottenham em crescendo depois de um início de época soluçante. A equipa começa agora a estar mais alinhada com os objectivos de início de época traçados pelo clube – qualificação europeia, ocupando o sexto lugar que pode dar acesso a essas provas, ainda que este possa já estar assegurado pelo facto de a equipa ter conseguido chegar a final da Taça da Liga.
A equipa atravessa um momento de forma pautado pela confiança, pois soube reagir com naturalidade às eliminações da Liga Europa e da Taça da Liga, vencendo os dois compromissos para a Premier League que se seguiram, vencendo o Swansea por 3-2 e o QPR por 2-1.
No que toca à Primeira Divisão Inglesa, aliás, tem feito um bom percurso desde o final do ano passado, tendo conseguido vencer 9 dos últmos 14 jogos, incluindo os duelos com Arsenal e Chelsea (5-3!!!), rivais londrinos com responsabilidades maiores que as dos Spurs.
Para este encontro, não tem baixas a lamentar.

Acredito numa partida bem disputada do ponto de vista técnico, e com a possibilidade do ataque do Tottenham fazer estragos na baliza do United, ainda para mais num momento em que o balneário dos red devils poderá estar abalado pelo afastamento de uma estrela como Radamel Falcao para a equipa B e ainda pela ausência de Robbie Van Persie e do “motor” Di María.

A minha pick:
Tottenham DNB @ 3.10 na Dhoze (2 un)



inacion

  • Rico
  • i
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Nov 2014
  • Localidade:
  • Mensagens:
    610
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    138
em: 14 de Março de 2015, 21:25
Chelsea vs Southampton - 15/03/2015 13:30

O Chelsea tem a oportunidade de aumentar a vantagem após a derrota do Manchester City frente ao Burnley, uma boa notícia depois da eliminação da Liga dos Campeões.
Frente ao PSG esperava que estivessem melhor, em duas ocasiões estiveram em vantagem e permitiram o empate com um jogador a mais. Mais mérito do PSG do que um mau jogo do Chelsea.
Em casa têm tido um desempenho exemplar, 11 vitórias e 2 empates frente ao Burnley e Manchester City.
O médio defensivo John Obi Mikel continua a ser a única ausência.

O Southampton manteve a tendência da temporada passada, estão a realizar um bom campeonato, 7º lugar.
Estão a passar uma fase menos boa, sofreram 3 derrotas nos últimos 6 jogos.
Fora de casa venceram 7 jogos, empataram 1 e perderam 5, nos últimos 6 jogos venceram 4 e perderam 2, com destaque para a vitória sobre o Manchester United.
Não existem ausências ou lesões relevantes.

É importante para o Chelsea mostrar uma boa reacção após a eliminação em casa na Liga dos Campeões, que certamente desiludiu muito os adeptos. É também importante não desperdiçar a oportunidade de aumentar a vantagem sobre o Manchester City para 8 pontos. A única preocupação é a possibilidade de acusarem algum desgaste devido ao prolongamento no jogo frente ao PSG. Não vai ser um jogo fácil, mas acredito que o Chelsea acabará por vencer.

Aposta: Chelsea @ 1.63 Betfair



rapior

  • Multimilionário
  • r
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jun 2006
  • Localidade:
  • Mensagens:
    6591
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    1727
em: 14 de Março de 2015, 21:28
14/03/2015 às 17h30m
Burnley 1 vs 0 Manchester City
Pick: AH Manchester City -1       Odd: 1.75 @ Bet365 (5 unidades)
"O insucesso é apenas uma oportunidade para começar de novo com mais inteligência."



pauloruapereira

  • Bilionário
  • p
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Abr 2014
  • Localidade: Cantanhede
  • Mensagens:
    3485
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    903
em: 15 de Março de 2015, 02:56
Manchester United vs Tottenham
15/03   16h


Depois da humilhação que foi o jogo da taça com o Arsenal, o United tem aqui um confronto muito complicado diante dos spurs. O objectivo é recuperar o 3º lugar perdido para o Arsenal há umas semanas, a desvantagem é de 4 pontos, mas pior que isso é o facto do Liverpool já estar apenas a 2 pontos atrás. Já se fala em debandada em Manchester, realmente, Falcão foi uma grande desilusão, Van Persie é de picos e Di Maria foi e tem sido aquilo que se viu no jogo desta semana. Por norma, a jogar em Old Trafford, o United não é de vacilar, mas o Tottenham está com uma boa equipa e é bem capaz de surpreender os reds. Sabendo disso, e depois do mau jogo feito frente ao Arsenal, espero uma equipa muito bem preparada, Os spurs são uma equipa que luta até ao último segundo e tem tido em Kane uma óptima arma para o ataque. A defesa não é lá muito famosa, mas o ataque costuma compensar os inúmeros golos sofridos. Do lado dos caseiros não haverá Di Maria e Evans por castigo, assim como Van Persie. Os spurs estão na máxima força.

Ambas as defesas são pouco competentes, principalmente a do Tottenham, e se o jogo da primeira volta acabou, inacreditavelmente num nulo, eu duvido muito que isso volte a acontecer, até porque o histórico revela que este confronto em Old Trafford costuma dar vários golos. Depois de um jogo em que cometeram imensos erros, Van Gaal deve ter dado um valente puxão de orelhas aos seus jogadores, pelo que acredito que hoje apresentem mais concentração, sobretudo no processo defensivo. Não acho que o Tottenham vá a Manchester buscar uma vitória, mas devem dar muita luta ao United, nesse sentido, acredito que ambas acabem por marcar e que provavelmente até se torne um jogo com vários golos. 85% dos jogos forasteiros do Tottenham têm mais de 2.5 golos.

Ambas Marcam @ odd 1.65
Fantasticwin
“Somos o que fazemos, mas somos, principalmente, o que fazemos para mudar o que somos.” - Eduardo Galeano



Slevin

  • Bilionário
  • S
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Abr 2007
  • Localidade:
  • Mensagens:
    3379
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    624
em: 15 de Março de 2015, 05:06
Chelsea - Southampton
15 de Março de 2015, 13:30h

Jogo entre o 1º e o 7º classificado da Premier League.

O Chelsea é uma equipa com muita qualidade e lutará pelo título.
Tem um registo de 19 vitórias, 6 empates e 2 derrotas em 27 jogos (70% de vitórias). A jogar em casa, tem um registo de 11 vitórias, 2 empates e 0 derrotas em 13 jogos (85% de vitórias).
Vem de uma vitória contra o West Ham por 1-0 fora de casa.
Ausências: John Mikel Obi está lesionado.

O Southampton é uma equipa com qualidade e lutará pela qualificação para as competições europeias.
Tem um registo de 15 vitórias, 4 empates e 9 derrotas em 28 jogos (54% de vitórias). A jogar fora de casa, tem um registo de 7 vitórias, 1 empate e 5 derrotas em 13 jogos (54% de vitórias).
Vem de uma vitória contra o Crystal Palace por 1-0 em casa.
Ausências: Jay Rodriguez e Emmanuel Mayuka estão lesionados.

No confronto directo, em 94 jogos realizados, o Chelsea venceu 38, empatou 27 e perdeu 29.
Nos 10 últimos jogos realizados, o Chelsea venceu 7, empatou 2 e perdeu 1.
Esta época, o Chelsea empatou 1-1 fora de casa.

Depois do desaire do Manchester City, o Chelsea tem uma oportunidade de ouro ficar com uma vantagem de 8 pontos e menos um jogo.
A eliminação na Liga dos Campeões foi bastante inesperada, no entanto, acredito que José Mourinho irá dar tudo na Premier League para tentar calar os críticos.
O Southampton teve um início de época fantástico mas tem perdido algum fulgor gradualmente.
De destacar que a última vitória do Southampton em Stamford Bridge foi em Janeiro de 2002.
Assim, creio que o Chelsea irá demonstrar toda a qualidade do seu plantel e conquistar uma vitória muito importante.

Chelsea -1 (Handicap europeu) @ 2.5 Dhoze
« Última modificação: 15 de Março de 2015, 05:11 por Slevin »




 


Casas de Apostas: bet pt / Betclic / ESC Online / Nossa Aposta / Casino Portugal

Rede Apostaganha: Apostas / Palpites e Dicas de Apostas / Pronósticos de Apuestas / Betting Tips and Predictions