Autor Tópico: [Portugal Open 2014 ] - 2 de maio  (Lida 2026 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

manives

  • Magnata
  • m
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2005
  • Localidade:
  • Mensagens:
    218681
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    3059
em: 27 de Abril de 2014, 12:23
Portugal Open 2014




Lista de Análises e Previsões

xerifedasbets  --  Tomas Berdych vs Leonardo Mayer  --  Leonardo Mayer a 6.60 na Betfair :perdida: 3-6 6-4 6-4

skim07  --  Daniel Gimeno-Traver vs Marcel Granollers-Pujol  --  Marcel Granollers-Pujol a 1,65 Oddsring :perdida: 6-1 6-2
skim07  --  Gastão Elias v Victor Hanescu  --  Gastão Elias +2,5 a 1,80 na Bet365 :perdida: 1-6 5-7
skim07  --  Tomas Berdychvs Leonardo Mayer  --  Mais de 20,5 a 1,90 na Bet365 :ganha: 3-6 6-4 6-4
skim07  --  Milos Raonic vs Carlos Berlocq  --  Milos Raonic 2-0 a 1,80 na Bet365 :perdida: 5-7 4-6

bruno_scg93  --  Daniel Gimeno-Traver v Marcel Granollers  --  Marcel Granollers 2-0 a 2,50 Bet365 :perdida: 6-1 6-2
bruno_scg93  --  Gastão Elias v Victor Hanescu  --  Gastão Elias a 2,20 na Bet365 :perdida: 1-6 5-7
bruno_scg93  --  Milos Raonic v Carlos Berlocq  --  Milos Raonic 2-0 a 1,80 na Bet365 :perdida: 5-7 4-6
« Última modificação: 05 de Maio de 2014, 15:51 por Tiago Rodrigues »



skim07

  • Multimilionário
  • s
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Dez 2011
  • Localidade:
  • Mensagens:
    5956
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    1831
em: 01 de Maio de 2014, 21:42
Portugal Open
02-05-2014, 11h

Daniel Gimeno-Traver vs Marcel Granollers-Pujol

Aposta: Marcel Granollers-Pujol vence@ 1,65 Oddsring (10/10)

Jogo a contar para os QF do Portugal Open, de um lado estará o espanhol Gimeno-Traver nº98 do ranking ATP enquanto que do outro estará o seu compatriota Granollers nº31.

Gimeno-Traver é um tenista de bom nível e relativamente jovem, aos 28 anos faz a sua sexta participação neste torneio e a primeira vez que consegue alcançar estes QF.
É um tenista totalmente dotado para a terra batida e uma direita de enorme qualidade, no entanto, terá que estar amanhã ao melhor nível para conseguir derrotar o espanhol.
Até ao momento ainda não cedeu qualquer no Portugal Open e já deixou pelo caminho Gonzalez (6-4 6-1) e Rui Machado (6-3 7-6).

Granollers é um tenista um pouco mais jovem e de um nível superior, aos 28 anos faz apenas a sua terceira participação neste torneio sendo também a primeira vez que alcança estes QF.
É um tenista também dotado para o pó de tijolo onde esta temporada regista 5V e 7D, a sua direita é bastante controlada e segura e se apresentar o nível da ronda anterior tem boas hipóteses de vencer o encontro.
Defrontou até ao momento neste torneio Montanes e derrotou-o pelos parciais de 3-6 7-6 6-2.

H2H: 4-2 para Gimeno-Traver

Defrontaram-se já algumas vezes e Gimeno-Traver leva vantagem sobre Granollers, no entanto, já faz algum tempo que se defrontaram pela última vez e creio que desta feita a história será bem diferente.
É verdade que Gimeno ainda não cedeu qualquer set neste torneio mas quem viu o seu encontro frente a Rui Machado, viu um tenista bastante inseguro no seu serviço e a cometer bastantes erros.
Creio que se Granollers tiver a um bom nível e se mostrar a segurança da ronda anterior tem todas as possibilidades de vencer o encontro de amanhã e seguir para as SF.



dbervian

  • Milionário
  • d
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2008
  • Localidade:
  • Mensagens:
    1640
  • Nacionalidade: 00
  • Pts Tipsr:
    1040
em: 02 de Maio de 2014, 00:16
Evento: ATP 250 de Oeiras – Tomas Berdych X Leonardo Mayer
Data: 02-05-2014 –  14:00
Aposta: Mais de 20,5 games
Odds: 1,9 (bet365)


Jogo pelas quartas de final do ATP 250 de Oeiras, disputado no saibro em território português, que coloca frente a frente o checo Tomas Berdych e o argentino Leonardo Mayer.

Apresentação dos jogadores:


Jogador: Tomas Berdych
Nacionalidade: Republica Checa
Idade: 28 (17-09-1985)
Altura e Peso: 1,96 e 91 kg
Ranking Atual: 6
Melhor ranking na carreira: 5 em 19-08-2013
Valores em prêmios recebidos até hoje: $ 17,551,004
Valores em prêmios recebidos esta temporada: $ 1,415,404
Vitórias\Derrotas nesta temporada: 22-6
Vitórias\Derrotas nesta temporada em nível de challengers e qualifyings: 0-0
Destaques nesta temporada: No piso duro fez semifinal no Australian Open, conquistou o ATP 500 de Rotterdam, fez final no ATP 500 de Dubai, semifinal em Miami.
Principais vitórias nesta temporada: No piso duro venceu Ferrer no Australian Open, Gulbis e Cilic no ATP 500 de Rotterdam, Tsonga no ATP 500 de Dubai, Isner e Dolgopolov em Miami.
Maiores surpresas (jogos perdidos) nesta temporada: No piso duro perdeu para Karlovic no ATP 250 de Doha, Bautista em Indian Wells. No saibro foi derrotado por Garcia-Lopez em Monte-Carlo.
Ultimo torneio disputado: Vem de Monte-Carlo, onde foi perdeu na terceira ronda para Garcia-Lopez em três sets.

Características de jogo

Piso de eleição: Tem preferência pelos pisos duros rápidos e a grama, mas atua também bastante bem nos pisos duros mais lentos e no saibro.
Perfil: Tomas Berdych é um jogador que consegue aliar técnica, potência, consistência nos golpes e agressividade, consolidando-se assim com toda justiça como um dos oito melhores do mundo há alguns anos. O tcheco usa muito bem seus 1,96 de altura, sacando bastante bem e comandando os pontos do fundo da quadra com pancadas retas e chegando bem a rede para concluir o ponto quando possível. É bastante resistente e forte fisicamente, e emocionalmente ainda é um pouco instável, apesar de ter melhorado bastante nesse aspecto.
Caminho percorrido até aqui no torneio: Saiu de bye, venceu na 2ª ronda Somdev Devvarman por 6-3 6-2.



Jogador: Leonardo Mayer
Nacionalidade: Argentina
Idade: 26 (15-05-1987)
Altura e Peso: 1,88 e 83kg
Ranking Atual: 88
Melhor ranking na carreira: 51 em 07-06-2010
Valores em prêmios recebidos até hoje: $ 1,872,060
Valores em prêmios recebidos esta temporada: $ 121,480
Vitórias\Derrotas nesta temporada: 8-7
Vitórias\Derrotas nesta temporada em nível de challengers e qualifyings: 3-1
Destaques nesta temporada: No saibro fez final no ATP 250 de Vina del Mar.
Principais vitórias nesta temporada: No saibro venceu Robredo, Daniel Gimeno-Traver e Giraldo no ATP 250 de Vina del Mar.
Maiores surpresas (jogos perdidos) nesta temporada: Sem derrotas surpreendentes até o momento.
Ultimo torneio disputado: Vem do ATP 250 de Bucareste, onde perdeu na estréia para Nieminen em três sets.

Características de jogo

Piso de eleição: Tem preferência pelo saibro, mas se dá bem também nos pisos duros lentos, e consegue também ser competitivo e alcançar boas vitórias nos pisos mais rápidos.
Perfil: Leonardo Mayer tem um saque bastante forte, aliado a uma direita que faz estragos. Bate bem também com sua esquerda a uma mão, sempre com golpes firmes. Golpes estes que são bastante longos e precisam de tempo para preparação, motivo pelo qual o saibro é seu piso favorito, pois lhe dá tempo de armar as potentes pancada, ao passo que também consegue ser competitivo nos pisos mais rápidos pois seus fortes golpes fazem estragos nestes pisos. Na rede é apenas razoável, subindo poucas vezes a fim de ganhar o ponto ali. É, sobretudo, um jogador bastante aguerrido, de bom preparo físico e mental, e que não larga o osso nunca. Sua movimentação é um pouco limitada, então atua de forma bastante agressiva, conseguindo muitos winners e também vários erros não forçados. Falta-lhe uma maior regularidade nesse sentido para cometer menos erros e poder assim alcançar vôos mais altos na carreira.
Caminho percorrido até aqui no torneio: Vem do qualy, onde bateu na 1ª ronda Philipp Oswald por 7-6 7-6, na 2ª ronda Duarte Vale por 6-3 6-1, e na 3ª ronda Roberto Carbaellas Baena por 1-6 6-3 6-1. Na chave principal derrotou na 1ª ronda Joao Sousa por 3-6 6-1 6-2, e na 2ª ronda Andrey Golubev por 6-1 7-6.



Head-2-Head

Tomas Berdych 1 X 0 Leonardo Mayer

2013   CZR vs. ARG WG SF
Czech Republic   Hard   RR   Berdych, Tomas
6-4, 4-6, 6-3, 6-4





Conclusão: Tomas Berdych sofreu com um problema no ombro em Monte-Carlo há duas semanas, perdendo precocemente para Garcia Lopez em três sets de virada na terceira ronda. Mas o checo se portou bem na partida de estréia aqui em Oeiras, vencendo o indiano Devvarman cedendo cinco games ao oponente, que não foi um grande teste é verdade. Tomas vem em um ano com excelentes resultados nas quadras duras, como as semifinais no Australian Open e em Miami, e o titulo do ATP 500 de Rotterdam.
  Leonardo Mayer voltou às vitórias aqui em Oeiras, pois vinha de seis reveses consecutivos, alguns de forma bastante dolorosa em que foram decididos no tié-break do terceiro set. No entanto nenhum deles para um adversário de um nível inferior. Aqui em oeiras passou pelo qualy, e na chave principal bateu o cabeça seis e principal nome local, o português Joao Sousa, além do kamikaze, mas sempre perigoso Golubev.
  Berdych terá um encontro mais difícil nesta partida de quartas de final, pois Mayer tem um peso de bola bastante bom e é sempre perigoso. O argentino alcançou duas boas vitórias aqui em Oeiras, especialmente na estréia quando derrotou o atual numero 40 do mundo Joao Sousa. Berdych atua bem em qualquer piso, mas em um saibro mais lento como esse de Oeiras o checo é mais vulnerável. Além disso, a motivação de Berdych não será das maiores, visto que a partir da próxima semana haverá seguidamente os Masters de Madrid e Roma, que obviamente são prioridade para o atual numero 6 do mundo. Mayer é rato do saibro, e estando confiante pode atrapalhar a vida de Berdych. Sendo assim, acredito em uma partida no mínimo razoavelmente equilibrada, e com um mínimo de 21 games.



Forum de Apostas

Re: [Portugal Open 2014 ] - 2 de maio
« Responder #2 em: 02 de Maio de 2014, 00:16 »

dbervian

  • Milionário
  • d
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2008
  • Localidade:
  • Mensagens:
    1640
  • Nacionalidade: 00
  • Pts Tipsr:
    1040
em: 02 de Maio de 2014, 00:20
Evento: ATP 250 de Oeiras – Milos Raonic X Carlos Berlocq
Data: 02-05-2014 – 14:00
Aposta: Milos Raonic 2-0
Odds: 1,8 (bet365)


Jogo pelas quartas de final do ATP 250 de Oeiras, disputado no saibro em território português, que coloca frente a frente o canadense Milos Raonic e o argentino Carlos Berlocq.

Apresentação dos jogadores:


Jogador: Milos Raonic
Nacionalidade: Canadá
Idade: 23 (27-12-1990)
Altura e Peso: 1,96 e 88 kg
Ranking Atual: 9
Melhor ranking na carreira: 9 em 21-04-2014
Valores em prêmios recebidos até hoje: $ 4,095,696
Valores em prêmios recebidos esta temporada: $ 365,217
Vitórias\Derrotas nesta temporada: 11-4
Vitórias\Derrotas nesta temporada em nível de challengers e qualifyings: 0-0
Destaques nesta temporada: No piso duro fez terceira ronda no Australian Open, quartas em Indian Wells e Miami. No saibro foi as quartas em Monte-Carlo.
Principais vitórias nesta temporada: No piso duro venceu Murray em Indian Wells. No saibro derrotou Robredo em Monte-Carlo.
Maiores surpresas (jogos perdidos) nesta temporada: Sem derrotas surpreendentes até o momento.
Ultimo torneio disputado: Vem de Monte-Carlo, onde perdeu nas quartas de final para Wawrinka em dois sets.

Características de jogo

Piso de eleição: Prefere os pisos duros mais rápidos, tendo dificuldades nos pisos duros mais lentos e principalmente no saibro lento, conseguindo bons resultados em saibros rápidos. Na grama é apenas razoável, visto que é bastante alto e não se move bem, tendo que abaixar-se e mover-se mais para que obtenha maior sucesso nessa superfície.
Perfil: Raonic é dono de um dos saques mais poderosos do circuito, junto com os gigantes Isner, karlovic e Janowicz. O canadense saca de forma extraordinária para um jogador de “apenas” 1,96, visto que os serviços dos jogadores acima são de atletas com mais de 2 metros de altura (de 2,03 a 2,08 para ser mais específico). No entanto, seu saque não é assim tão regular, principalmente em momentos de pressão, visto que ainda tem algumas fraquezas mentais, talvez por ser ainda um tanto jovem. O canadense consegue servir de diferentes formas, surpreendendo seus adversários com tanta variação. No entanto seu segundo saque não é assim tão eficiente como o de Isner e Kalovic por exemplo. Raonic tem uma direita poderosa capaz de abrir buracos na quadra, mas sua esquerda é inconsistente, e sua movimentação é bastante limitada. É um jogador um tanto duro em seus movimentos, com pernas muito longas e fortes, além de um tanto tortas, o que dificultam muito uma movimentação mais natural e uniforme. Na rede também não tem um grande desempenho, errando por muitas vezes bolas fáceis na área pintada, não tendo a mão necessária para atuar ali, o que poderia ser mais aproveitado visto sua facilidade em encurralar seu adversário com um bom 1º saque e quando necessário uma boa primeira ou segunda bola batida com sua direita. Seu lado mental é um tanto instável como já referi, e fisicamente não agüenta assim tão bem partidas muito longas, apesar de conseguir manter uma boa intensidade em partidas melhores de três sets.
Caminho percorrido até aqui no torneio: Saiu de bye, venceu na 2ª ronda Pablo Cuevas por 6-3 6-2.


Jogador: Carlos Berlocq
Nacionalidade: Argentina
Idade: 31 (03-02-1983)
Altura e Peso: 1,83 e 75 kg
Ranking Atual: 62
Melhor ranking na carreira: 37 em 19-03-2012
Valores em prêmios recebidos até hoje: $ 2,688,797
Valores em prêmios recebidos nesta temporada: $ 70,876
Vitórias\Derrotas nesta temporada: 6-7
Vitórias\Derrotas nesta temporada em nível de challengers e qualifyings: 0-1
Destaques nesta temporada: Sem campanhas de destaque até o momento.
Principais vitórias nesta temporada: No saibro venceu Seppi pela Copa Davis atuando na Argentina, Joao Sousa no ATP 250 de Buenos Aires, Seppi no ATP 250 de Bucareste.
Maiores surpresas (jogos perdidos) nesta temporada: No saibro perdeu para Stakhovsky no ATP 250 de Bucareste.
Ultimo torneio disputado: Vem do ATP 250 de Bucareste, onde perdeu na 2ª ronda para Stakhovsky em três sets.

Características de jogo

Piso de eleição: Prefere claramente os pisos de saibro, conseguindo alguns resultados nos pisos duros mais lentos, mas caindo bastante de rendimento nos pisos duros rápidos e na grama.
Perfil: Berloq é dos jogadores de técnica mais limitada do circuito, mas que tem um grande poder de luta e uma mentalidade de nunca desistir e ir a todas as bolas. Não é tão ágil e rápido, mas defende-se bem com bolas altas, e muito dificilmente vai à rede, onde não tem um bom desempenho. Seu saque é apenas razoável. Fisicamente não é tão resistente, mas seu poder de luta compensa em parte esta questão.
Caminho percorrido até aqui no torneio: Venceu na 1ª ronda Taro Daniel por 6-3 6-2, e na 2ª ronda Lukasz Kubot por 6-4 6-3. 



Head-2-Head

Milos Raonic 2 X 0 Carlos Berlocq

2013   Wimbledon
Great Britain   Grass   R128   Raonic, Milos
6-4, 6-3, 6-3 Stats

2012   ATP World Tour Masters 1000 Indian Wells
CA, U.S.A.   Hard   R64   Raonic, Milos
6-4, 6-2 Stats







Conclusão: Raonic ficou um tempo afastado das quadras após o Australian Open, mas depois disso teve belos resultados, como vitórias sobre Murray e Robredo, além de tirar um set de Nadal, e de derrotar adversários inferiores sem grandes problemas em quase todos os encontros. Aqui em Oeiras bateu Cuevas com extrema facilidade na estréia, o uruguaio que é bom jogador nesse piso.
  Berlocq venceu pela primeira vez no ano dois jogos em um mesmo torneio, com os triunfos sobre Taro Daniel e Kubot, ambos em sets diretos. O argentino vem em um ano com poucos resultados expressivos, especialmente se levarmos em conta que enfrentou apenas um adversário superior a ele – Fabio Fognini.
  Acredito que Raonic vença este encontro em duas parciais. O canadense vem com atuações bastante convincentes mesmo no saibro, e apesar de ter perdido um set para Lu em Monte-Carlo, venceu em seguida Robredo e por pouco não derrotou Wawrinka no primeiro set, perdendo apenas no game de desempate para o suíço que viria a ser o campeão do torneio. Berloq não vem em um grande momento de forma, embora tenha pela primeira vez passado duas rondas em um torneio na atual temporada. O piso favorece o argentino, mas acredito que nem isso fará Carlos tirar um set de Milos, que vem em melhor forma e com mais confiança.



skim07

  • Multimilionário
  • s
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Dez 2011
  • Localidade:
  • Mensagens:
    5956
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    1831
em: 02 de Maio de 2014, 01:05
Amanhã ainda deixo aqui a minha pick sobre o jogo do Gastão, mas a minha aposta irá para a sua vitória.

Depois do que mostrou hoje frente ao Garcia-Lopez e com todo aquele apoio no Centralito tem tudo para voltar a surpreender e continuar a orgulhar as cores lusas :bom:



diego_el_mestre

  • Multimilionário
  • d
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jan 2009
  • Localidade: Oliveira de Azemeis/Porto
  • Mensagens:
    4526
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    1104
em: 02 de Maio de 2014, 01:42
Amanhã ainda deixo aqui a minha pick sobre o jogo do Gastão, mas a minha aposta irá para a sua vitória.

Depois do que mostrou hoje frente ao Garcia-Lopez e com todo aquele apoio no Centralito tem tudo para voltar a surpreender e continuar a orgulhar as cores lusas :bom:

O problema é que jogar no court central é bem diferente do que jogar no Centralito. se o jogo aqui fosse apostaria sem qualquer dúvida no Elias, mas no Central é ambiente é muito mais fraquinho e morno. Não se cria tanto aquele ambiente de taça davis que tanto parecem os jogos no centralito e beneficiam os jogadores da casa. Por isso ainda não sei bem para que lado vou, mas provavelmente ficarei de fora.



skim07

  • Multimilionário
  • s
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Dez 2011
  • Localidade:
  • Mensagens:
    5956
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    1831
em: 02 de Maio de 2014, 02:27
Amanhã ainda deixo aqui a minha pick sobre o jogo do Gastão, mas a minha aposta irá para a sua vitória.

Depois do que mostrou hoje frente ao Garcia-Lopez e com todo aquele apoio no Centralito tem tudo para voltar a surpreender e continuar a orgulhar as cores lusas :bom:

O problema é que jogar no court central é bem diferente do que jogar no Centralito. se o jogo aqui fosse apostaria sem qualquer dúvida no Elias, mas no Central é ambiente é muito mais fraquinho e morno. Não se cria tanto aquele ambiente de taça davis que tanto parecem os jogos no centralito e beneficiam os jogadores da casa. Por isso ainda não sei bem para que lado vou, mas provavelmente ficarei de fora.

Concordo perfeitamente contigo, o court central é mais calmo e morno que o centralito e basta comparar o jogo do João Sousa com este do Gastão Elias, muito devido à proximidade que há com os jogadores!
O Gastão foi o próprio a referir isso, dizendo que hoje havia pessoas na relva, telhado... e que o ambiente ajuda bastante, tal e qual, como na Taça Davis!

No entanto, para amanhã como o feriado foi a uma quinta feira haverá muita gente a optar pelo fim de semana prolongado e acredito no Court Central quase cheio, já estive a ver na BlueTicket e estará muita gente, apesar de não ser como no Centralito acredito também num grande ambiente para o jogo de amanhã.
Para além disso não podemos pôr um Hanescu no nível do Garcia-Lopez, vamos lá ver no que dá mas estou confiante que o Gastão ganha :bom:



bnunow

  • Bilionário
  • b
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Ago 2009
  • Localidade:
  • Mensagens:
    3689
    Pts Tipsr:
    11
em: 02 de Maio de 2014, 02:28
Acho que vai cair para o Hanesco 2-0..



Forum de Apostas

Re: [Portugal Open 2014 ] - 2 de maio
« Responder #7 em: 02 de Maio de 2014, 02:28 »

bruno_scg93

  • Milionário
  • b
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Fev 2014
  • Localidade:
  • Mensagens:
    1522
  • Nacionalidade: 00
  • Pts Tipsr:
    702
em: 02 de Maio de 2014, 02:32
ATP Oeiras - Quartos-de-final
2 de Maio às 11H
Daniel Gimeno-Traver v Marcel Granollers

Daniel Gimeno-Traver tem 28 anos e é espanhol. Ocupa neste momento o 98º lugar no ranking ATP.

O espanhol é especialista na terra batida, contando com 417 vitórias ao longo da sua carreira neste tipo de piso. Depois dos quartos-de-final em Vina Del Mar, está a jogar com grande qualidade aqui em Oeiras. Passou pelas qualificações vencendo por 2-0 os 3 jogos contra adversários teoricamente mais fracos. Na 1ª ronda jogou com o argentino Alejandro Gonzalez , não facilitando vencendo também por 2-0 (6-1 e 6-4). Na 2ª ronda teve como adversário o português Rui Machado, que vinha de uma vitória história sobre Tursunov. Apoiando-se bem na sua direita e com um serviço forte venceu por 6-3 o 1º set. O 2º set foi a tie-break, mas o espanhol nunca pareceu estar com dificuldades perante um Rui diferente do que aquele que venceu por duplo 6-0 a na 1ª ronda.

Marcel Granollers é espanhol e tem 28 anos. Ocupa neste momento o 25º lugar do ranking ATP, tendo como melhor posição o quarto lugar de Fevereiro do ano passado.

Como quase todos os espanhóis Granollers tem melhores resultados em piso lento, como é a terra batida, contudo também é forte em pisos rápidos. Na terra batida soma 290 vitórias contra 201 derrotas. Depois de 7 torneios só com uma vitória, conseguiu chegar à final de Casablanca, perdendo com o seu compatriota Garcia-López. Em Monte Carlo, ainda ganhou um set em Dimitrov, acabando por perder. Em Barcelona, foi surpreendido por Thiem, apresentando-se neste ATP de Oeiras com uma vitória por 2-1 sobre Albert Montanes.

Head-to-Head:
Gimeno-Traver 4-2 Marcel Granollers

Já não se defrontam há 3 anos, com o último jogo a sorrir a Gimeno-Traver, vencendo por 6-3 o 1º set, com Granollers a abandonar o encontro por lesão. Antes disso em 2010 e 2008 duas vitórias para Granollers, ambas por 2-0. As restantes vitórias datam de 2005 e 2007, para Gimeno-Traver, também por 2-0. Creio que o ascendente está claramente para Marcel Granollers, que nas últimas 3 partidas entre eles, venceu duas e uma saíu por lesão, dando a vitória a Gimeno-Traver. Para além disso Granollers está melhor fisicamente, pois este é só o segundo jogo que faz em Oeiras, enquanto que Gimeno-Traver vai para o 6º em poucos dias. Granollers cedeu um set frente a Montanes, mas também temos que ver que Montanes se bate bem que terra batida, causando dificuldades à maioria dos tenistas do circuito neste tipo de piso. O ranking dá favoritismo a Granollers e o desgaste pode ser essencial. Visto que entre eles o resultado acaba sempre em 2-0, e acreditando na vitória de Granollers, vou no 2-0.

SKIP: Marcel Granollers vence 2-0
ODD: 2,50
Bet365

 :arrow: portal - 10 unidades
 :arrow: Bet365 - 5 unidades





bruno_scg93

  • Milionário
  • b
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Fev 2014
  • Localidade:
  • Mensagens:
    1522
  • Nacionalidade: 00
  • Pts Tipsr:
    702
em: 02 de Maio de 2014, 02:54
ATP Oeiras - Quartos-de-final
2 de Maio às 16H
Gastão Elias v Victor Hanescu

Gastão Elias é português e tem 23 anos. No ano passado esteve perto do top 100, porém não conseguiu entrar, situando-se agora no lugar 179 do ranking ATP.

Os quartos-de-final alcançados frente a Garcia Lopez são sem duvida um feito para a carreira deste jovem tenista. O espanhol estava só no top 40 do ranking e este ano já tinha vencido o ATP de Casablanca. Em relação à sua carreira, esta é a segunda vez que Gastão Elias consegue os quartos-de-final, repetindo a proeza do ano passado. Jogador que se divide entre a terra batida e os pisos rápidos, tem 129 vitórias em pó de tijolo. Em 2014 tem jogado praticamente em terra batida, principalmente em challengers.  Conseguiu chegar às meias-finais em São Paulo e à final em Santos. Neste ATP de Oeiras, venceu facilmente Volandri por 6-4 e 6-3 e frente a Garcia Lopez, ganhou o 1º set por 6-4, perdeu o 2º por 3-6 e arrasou no 3º por 6-2. Brilhante mesmo o último jogo do português que agora sonha com algo mais.

Victor Hanescu tem 32 anos e é romeno. Presença constante no top 50 em largos anos, está agora no 93º lugar do ranking ATP.

Depois dos quartos-de-final do ano passado, aqui em Portugal, o romeno quer pela primeira vez chegar às meias-finais. Tenista de terra batida, tem como registo 284 vitórias. Este ano, fez até Março torneios em piso rápido, chegando aos quartos-de-final em Doha e à 2ª ronda do Australia Open. Em Casablanca, no seu primeiro torneio em terra batida, chegou aos quartos de final, derrotando K. Anderson por duplo 6-4, pelo caminho. Em Bucareste foi surpreendido por G. Simon em 3 set's. Aqui em Oeiras, perdeu um set com Albot e derrotou Carreno-Busta por 6-3, 4-6 e 6-3.

Head-to-Head:
Gastão Elias 1-0 Hanescu

Curiosamente o único jogo entre eles, teve vitória portuguesa. Foi em 2012, em piso rápido, com Gastão a perder o 1º set 3-6, vencedo os seguintes por 7-5 e 6-3. Ambos têm obtido bons resultado este ano em terra batida, com Elias a jogar challengers, tendo desta maneira menos competitividade que Hanescu. O português vem de uma vitória assombrosa e pode aproveitar as quebras de serviço que Hanescu tem cedido neste torneio para voltar a surpreender. Para mim, Hanescu é inferior a Garcia Lopez, mas há jogos e jogos, contudo com um court central cheio e a qualidade de Gastão Elias ao nível de hoje, pode muito bem vencer o romeno, que também ficará pressionado por ser favorito e querer chegar pela 1ª vez às meias-finais em Portugal

SKIP: Gastão Elias
ODD: 2,20
Bet365

 :arrow: portal - 10 unidades
 :arrow: Bet365 - 5 unidades



bruno_scg93

  • Milionário
  • b
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Fev 2014
  • Localidade:
  • Mensagens:
    1522
  • Nacionalidade: 00
  • Pts Tipsr:
    702
em: 02 de Maio de 2014, 03:17
ATP Oeiras - Quartos-de-final
2 de Maio às 14H
Milos Raonic v Carlos Berlocq

Milos Raonic é do Canadá e tem 23 anos. Atingiu o 9º lugar do ranking ATP este ano, sendo uma das grandes promessas do ténis mundial.

Jogador de piso rápido, consegue também em terra batida jogar de igual para igual com os melhores. 42 vitórias e 29 derrotas são o registo do jovem tenista canadiano. Este ano chegou à terceira ronda do Australia Open, perdendo com Dimitrov por 3-1. Em Indian Wells foi travado por Dolgopolov nos quartos de final por 6-3 e 6-4. Pelo caminho havia derrotado Vasselin, Falla e Andy Murray. Em Miami, novamente nos quartos de final, perdeu com Rafael Nadal por 6-4, 2-6 e 4-6. Começou no mês passado a sua época em terra batida, no ATP 1000 de Monte Carlo. Conseguiu uma boa vitória sobre Robredo por 2-0 e ainda complicou a vida a Wawrinka, que viria a ser o vencedor do ATP, levando o suiço a tie-break no 1º set. Depois de 2 semanas sem jogar, derrotou Pablo Cuevas por 6-2 e 6-3 aqui em Oeiras.

Carlos Berlocq é argentino e tem 31 anos. Ocupa neste momento a 62ª posição do ranking ATP.

Tenista claramente de piso lento, leva 418 vitórias em terra batida, a maior parte delas entre os anos 2005 a 2011. Sem grandes resultados este ano, Berlocq conseguiu aqui em Oeiras chegar pela 1ª vez a uns quartos-de-final em 2014. Em Bucareste, na semana passada, perdeu com Stakhovsky por 2-1. Stakhovsky  é o número 89 do ranking e a terra batida é um dos seus piores pesadelos, revelando bem as dificuldades que Berlocq tem sentido. Em Oeiras venceu por 2-0 a T. Daniel e L.Kubot, sendo favorito nestes dois jogos por larga vantagem.

Head-to-Head:
Milos Raonic 2-0 Carlos Berlocq

Jogaram em 2012 e 2013 com duas vitórias claras para Raonic. 2-0 no piso rápido de Indian Wells e 3-0 na relva de Wimbledon, revelam bem o favoritismo do canadiano. É certo que Berlocq é mais forte na terra batida que nos pisos acima referidos, mas este ano, nem em terra batida tem conseguido destacar-se. A idade certamente já pesa e perante uma espontaneidade tão caracteristica de Raonic, Berlocq nem um set conseguirá ganhar. O canadiano quer vencer este ATP, sendo um dos principais favoritos e o 2-0 é o único resultado que lhe passa pela cabeça. Raonic não é pro na terra batida, mas este ano já conseguiu boas vitórias, tendo 2 semanas de descanso para preparar este ATP.

SKIP: Milos Raonic vence 2-0
ODD: 1,80
Bet365

 :arrow: portal - 10 unidades
 :arrow: Bet365 - 5 unidades



Stifmeister

  • Bilionário
  • S
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2011
  • Localidade:
  • Mensagens:
    2153
    Pts Tipsr:
    533
em: 02 de Maio de 2014, 08:34
Ontem estive presente no grande jogo do Gastão no Centralito e digo sem grandes dúvidas que o Gastão só ganhou o jogo porque foi no Centralito daquela maneira. A minha aposta era para o Garcia Lopez ganhar este torneio, mas depois de ontem tive de fazer contas à vida. Atenção que o Gastão depois do jogo com o Garcia Lopez ainda jogou pares, ao lado do João Sousa, e bem, o João só fazia asneira, mas o Gastão, seja serviço, seja esquerda, seja direita, seja volley, está completamente overconfident. Hoje será bem diferente, muito menos público, muito menos intensidade, mas ainda assim acredito que o Gastão roube o jogo ao Hanescu. Adorei a consistência de jogo dele, e do que vi do Hanescu com o Carreno Busta, o Hanescu não está a servir nada por aí além e também não ataca muito...
Links não permitidos na assinatura.



pastaH

  • Bilionário
  • p
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Mai 2012
  • Localidade:
  • Mensagens:
    2113
    Pts Tipsr:
    31
em: 02 de Maio de 2014, 09:55
Amanhã ainda deixo aqui a minha pick sobre o jogo do Gastão, mas a minha aposta irá para a sua vitória.

Depois do que mostrou hoje frente ao Garcia-Lopez e com todo aquele apoio no Centralito tem tudo para voltar a surpreender e continuar a orgulhar as cores lusas :bom:

O problema é que jogar no court central é bem diferente do que jogar no Centralito. se o jogo aqui fosse apostaria sem qualquer dúvida no Elias, mas no Central é ambiente é muito mais fraquinho e morno. Não se cria tanto aquele ambiente de taça davis que tanto parecem os jogos no centralito e beneficiam os jogadores da casa. Por isso ainda não sei bem para que lado vou, mas provavelmente ficarei de fora.

Concordo perfeitamente contigo, o court central é mais calmo e morno que o centralito e basta comparar o jogo do João Sousa com este do Gastão Elias, muito devido à proximidade que há com os jogadores!
O Gastão foi o próprio a referir isso, dizendo que hoje havia pessoas na relva, telhado... e que o ambiente ajuda bastante, tal e qual, como na Taça Davis!

No entanto, para amanhã como o feriado foi a uma quinta feira haverá muita gente a optar pelo fim de semana prolongado e acredito no Court Central quase cheio, já estive a ver na BlueTicket e estará muita gente, apesar de não ser como no Centralito acredito também num grande ambiente para o jogo de amanhã.
Para além disso não podemos pôr um Hanescu no nível do Garcia-Lopez, vamos lá ver no que dá mas estou confiante que o Gastão ganha :bom:

O Hanescu nada tema  ver com o tenis do garcia isso é verdade, mas às vezes a maneira de jogar tenis pode não se adequar à maneira de jogar tenis do Gastão..



skim07

  • Multimilionário
  • s
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Dez 2011
  • Localidade:
  • Mensagens:
    5956
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    1831
em: 02 de Maio de 2014, 11:34
Portugal Open
02-05-2014, 16h

Gastão Elias vs Victor Hanescu

Aposta: Gastão Elias +2,5 Jogos@ 1,80 Bet365 (10/10)

Jogo a contar para os QF do Portugal Open, de um lado estará o português Gastão Elias nº179 do ranking ATP enquanto que do outro estará o romeno Hanescu nº93.

Gastão é um tenista ainda bastante jovem e com muita qualidade, aos 23 anos faz a sua nona participação neste participação e conseguiu com a vitória de ontem igualar a sua melhor marca neste torneio.
É um tenista dotado para a terra batida e com uma direita muito consistente, hoje terá mais um teste complicado mas se tiver todo o apoio de ontem e mantiver o bom nível tem excelentes chances de seguir em frente.
Até ao momento deixou pelo caminho Volandri (6-4 6-3) e Garcia-Lopez (6-4, 3-6, 6-2).

Citar
"Foi sem dúvida um momento que vou levar comigo para o resto da vida. Foi uma coisa única, nunca tinha vivido nada parecido. Nós, os jogadores, jogamos para isto e é sempre uma sensação única sentir o carinho das pessoas. Havia gente na relva, no telhado [risos]... Foi um dos melhores momentos da minha carreira até hoje e acredito que venha a ser para o resto da minha vida", afirmou Gastão Elias, reconhecendo que esta foi a sua melhor vitória da carreira.

Hanescu é um tenista bastante mais velho que o português e aos 32 anos faz a sua sexta participação no Portugal Open, no entanto, tal como Gastão nunca conseguiu ir além destes QF.
É um tenista dotado para a terra batida com uma direita segura e controlada, hoje terá que pela frente um tenista super motivado e todo um Court Central contra si, não será nada fácil para o romeno.
Até ao momento deixou pelo caminho Albot (3-6, 6-4, 6-4) e Carreno-Busta (6-3, 4-6, 6-3).

H2H: 1-0 para Gastão

Defrontaram-se apenas uma vez até ao momento e Gastão Elias levou a melhor ao vencer por 3-6 7-5 6-3. Hoje estou confiante que o português pode voltar a repetir o triunfo e seguir em frente pela primeira vez para as SF do Portugal Open.
O jogo será no Court Central e claro que não há toda aquela proximidade e vibração como no Centralito, mas ainda assim, espero muita gente hoje no Portugal Open para apoiar o português. Este realizou uma grande partida frente a Garcia-Lopez estando sempre bastante consistente, por sua vez, Hanescu tem tremido um pouco e não está muito seguro do seu serviço.
Estou crente que o português pode voltar a surpreender, mas a minha aposta ficará apenas pelo handicap a seu favor.



bruno_scg93

  • Milionário
  • b
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Fev 2014
  • Localidade:
  • Mensagens:
    1522
  • Nacionalidade: 00
  • Pts Tipsr:
    702
em: 02 de Maio de 2014, 13:07
engano
« Última modificação: 02 de Maio de 2014, 13:11 por bruno_scg93 »




 


Casas de Apostas: bet pt / Betclic / ESC Online / Nossa Aposta / Casino Portugal

Rede Apostaganha: Apostas e Prognósticos / Palpites e Dicas de Apostas / Pronósticos de Apuestas / Betting Tips and Predictions / Melhores Cassinos Online Brasil / Mejores Casinos Online de América Latina