Autor Tópico: Alguém já passou por isto ?  (Lida 857 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

RATINI

  • HighRoller
  • R
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jul 2006
  • Localidade: Vila Franca de Xira
  • Mensagens:
    13529
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    123
em: 03 de Junho de 2013, 10:01
Bem amigos, isto deverá ser um tópico estranho, mas como estamos no Offtopic, penso não haver problema.

Como considero o AG uma família, apesar de actualmente eu ser um membro ausente, vou partilhar uma coisa com vocês de foro bastante pessoal.

De há 1 a 2 meses para cá, infelizmente estou a sentir na pele o que é "cuidar" e sozinho de uma pessoa com demência e forte ( não sei explicar bem mas um inicio e misto de Alzeimer - parkinson ) , apesar de só hoje ir a um especialista, já andei em médicos e sei que para já o nome é AC - Atrofia cerebral bastante avançada. Adiante ...

Claro que isto mudou radicalmente a minha vida e a maneira de a viver .

Também conforto e apoio não me falta da família e amigos, estilo força, tens que ter calma, etc etc.

Não vale a pena estar a por aqui os sintomas e " as peripécias " que passo por dia e noite, porque deve ser conhecimento geral e quem já passou ou passa por elas sabe bem ao que me refiro.

Ora bem, e é aqui nesta ultima frase que é a razão deste meu post ( além também de um pequeno desabafo) .

Queria perguntar a uma comunidade tão grande, se infelizmente alguém já passou ou passa por uma situação idêntica que me possa dar uns conselhos ou até contar a evolução da doença . É-me importante falar com pessoas que tenham experiência de ter vivido isto na 1ª pessoa , para eu tentar perceber e aguentar muita coisa .  pois cai tudo para cima de mim, porque sou só eu e essa pessoa ( e algumas vizinhas que fazem a sua higiene) .

Claro que agradeço sempre os apoios que me dão e as visitas cá a casa que me fazem, mas faziam - me bastante falta falar com alguém que tenha passado na 1ª pessoa ou muito próximo por algo igual, porque eu além de não estar a aguentar, estou mesmo fora de mim , nem durmo, e já nem penso direito.

Quem quiser, e se houver alguém interessado ( era bom que não houvesse ninguém com esse problema claro ), pelo menos para dizer se houve melhoras com certa medicação ou não, como aguentar,etc etc, que me mande PM em vês se expor , porque isto cada um sabe da sua vida. ( Já li artigos na internet, tenho uma ideia das coisas, mas é diferente falar com alguém do que ler artigos comuns na net )

A quem perdeu um bocadinho a ler este tópico os meus agradecimentos.

RATINI
Demasiado fiel para desistir .



k3nzo

  • Multimilionário
  • k
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jun 2006
  • Localidade: Porto
  • Mensagens:
    7264
    Pts Tipsr:
    106
em: 03 de Junho de 2013, 10:11
Força Ratini! Abraço e coragem!




mara

  • Magnata
  • m
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jun 2006
  • Localidade: Vila Praia de Âncora / Covilhã
  • Mensagens:
    46536
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    1633
em: 03 de Junho de 2013, 10:20
Força Ratas, coragem...  :bom:
Se você é capaz de tremer de indignação a cada vez que se comete uma injustiça no mundo, então somos companheiros.



Forum de Apostas

Re: Alguém já passou por isto ?
« Responder #2 em: 03 de Junho de 2013, 10:20 »

Enak222

  • HighRoller
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jan 2012
  • Localidade: Porto
  • Mensagens:
    11213
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    2363
em: 03 de Junho de 2013, 10:47
Força Ratini! Estamos contigo!



emef11

  • Magnata
  • e
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jul 2007
  • Localidade: Alhos Vedros - Moita
  • Mensagens:
    17686
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    246
em: 03 de Junho de 2013, 10:54
Olá RATINI,

em primeiro lugar, gostaria de te endereçar um forte abraço e força para a tua enorme tarefa.

Como tu dizes é muito importante que não te feches em ti próprio, é fundamental que tenhas algum interlocutor para te ajudar a levares a bom porto o teu problema.

Tenta entrar em contacto com esta associação e quem sabe se não poderá ser o ponto de partida: http://www.orpha.net/consor/cgi-bin/SupportGroup_Search.php?lng=PT&data_id=25843&title=Rar-ssimas---Associac-o-Nacional-de-Deficiencias-Mentais-e-Raras

Abraço e força.



Marco.Costa

  • Magnata
  • M
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Abr 2009
  • Localidade: Lisboa
  • Mensagens:
    21270
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    221
em: 03 de Junho de 2013, 11:13
Não dá sequer para imaginar o que é passar por isso pois nunca passei por isso, e ouvindo alguns testemunhos acredito que não seja nada mas mesmo nada fácil. 

Resta-me desejar-te muita força Ratini e qualquer coisa dispõe. :bom:



Mr_Devil

  • HighRoller
  • M
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Mar 2006
  • Localidade: Águeda City
  • Mensagens:
    8627
    Pts Tipsr:
    66
em: 03 de Junho de 2013, 11:28
Ratini, muita força e não te deixes ir abaixo. Tu és forte e vais conseguir superar toda esta situação.

Grande abraço :bom:
Sexo, Orgia, Electrotecnia!!!!



mar de pedra

  • Multimilionário
  • m
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jul 2009
  • Localidade:
  • Mensagens:
    5908
    Pts Tipsr:
    85
em: 03 de Junho de 2013, 11:31
Ratini, antes de mais, cabeça fria. Tens de ter a calma suficiente para poderes pensar sobre o assunto e tomar decisões.

Eu e a minha mulher somos cuidadores de uma pessoa idosa, com Alzheimer diagnosticado, e que vive connosco cá em casa.

Se não consegues aguentar sozinho, e isso é a coisa mais natural do mundo, então tens de procurar ajuda.

Começa pela família. Há alguém que possa assumir contigo essa responsabilidade de cuidar desse familiar que está doente? Se houver alguém, tens de ter uma conversa muito séria e partilhar as responsabilidades, porque isto custa a todos e amanhã podemos ser nós a precisar.

Não havendo família ou outros cuidadores com relação familiar/afectiva, podes considerar a hipótese de um lar/centro de dia. Vai à Segurança Social informar-te sobre os que existem na tua zona, os apoios que poderão dar, etc. Podes optar por diversas modalidades, desde idas ao domicílio para tratar de refeições/higiene, passando por centro de dia (dormindo em casa) até ao internamento permanente.

Quanto à medicação, não sendo eu médico, lamento mas acho que não vai curar nada nem voltar ao estado mental saudável que em tempos teve. O Alzheimer é uma doença degenerativa e a medicação apenas permite retardar o avanço da demência.

Resta-nos cuidar o melhor possível desse ente querido, com amor, carinho, e muuuuuuuita paciência. Passar tempo de qualidade com essa pessoa. Falar, falar muito sobre o que ela quiser, normalmente remetem sempre para o passado muito distante pois essa memória é a última a ir embora. Dar ou fazer em conjunto tarefas simples do dia a dia, tipo por a mesa ou levar o lixo lá fora. No fundo, dar-lhes amor e fazê-los sentirem-se integrados.

Coragem! No mundo actual com o envelhecimento da população cada vez mais pessoas passam por esta experiência, fala com os teus familiares e não hesites em pedir ajuda, cuidar é um acto de amor acima de tudo e todos aqueles que amam essa pessoa doente têm essa responsabilidade.  :bom:
Maior espectáculo que o mar é o céu. Maior espectáculo que o céu é a alma. – Victor Hugo



Forum de Apostas

Re: Alguém já passou por isto ?
« Responder #7 em: 03 de Junho de 2013, 11:31 »

Pedro Pauleta

  • Magnata
  • P
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2005
  • Localidade:
  • Mensagens:
    218797
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    710
em: 03 de Junho de 2013, 11:38
É muito complicado cuidares de uma pessoa sozinho, se tiveres alguém que ajude, o fundamental é ajudarem-se mutuamente quando algum for mais abaixo. É preciso muita coragem e seres forte, fazeres o que for preciso para ajudar a pessoa que precisa, e para isso precisas de ter calma e saber tomar decisões. É doloroso, muito doloroso.

Eu durante 9 meses vi o meu pai morrer, e tinha 17 anos. Não tinha salvação possível, vi a vida que restava nele ser sugada dia após dia, até o corpo não aguentar mais, até o cérebro começar a falhar. Claro que vai haver momentos em que vais pensar que não és capaz, que vais estar mais em baixo, mas depois há que manter cabeça fria. Quando a minha mãe me disse que ele tinha morrido, eu soltei um "ainda bem", não por mim ou por ela, não pelo trabalho e esforço, mas porque custava mais vê-lo daquela maneira. Custou-me mais ver o meu pai numa cama do hospital, possivelmente sem me conhecer, do que morto. Ou menos descansou.

Isto, era só para te falar um pouco da minha experiência. Força Ratini, muita coragem e olha que eu sou um pessoa muito reservada, mas não guardes tudo para ti, se tens família ou amigos, não hesites em recorrer a eles. Vão ser uma ajuda preciosa.



El Apostador

  • Multimilionário
  • E
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2011
  • Localidade: Sintra
  • Mensagens:
    6721
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    957
em: 03 de Junho de 2013, 11:44
Só te posso dizer duas coisas:

1º Que tenhas muita força nesta fase muito difícil da tua vida  :bom:

2º Que tentes arranjar alguma ajuda, como disseste tratas dessa pessoa sozinho e já nem aguentas o que acaba por ser normal com as fortes emoções que tens vivido e muitas vezes isso é muito mau (ansiedades/depressões). Um gajo diz sempre que não, está tudo bem connosco, que aguentamos, mas quanto menos esperamos temos uma em cima, por isso não te deixes também de tratar de ti rapaz  ;)



Joao.Gomes

  • Magnata
  • J
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Dez 2008
  • Localidade:
  • Mensagens:
    18275
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    638
em: 03 de Junho de 2013, 11:45
Ratini, também passei por uma situação dessas há uns anos, com a minha avó. Também faleceu devido a Alzheimer, e é algo muito muito doloroso. Se for mesmo Alzheimer, a doença tem várias fases, sendo que quando chega a última fase a pessoa torna-se praticamente um vegetal. Vai ter momentos mais lúcidos, outro momentos em que sequer não sabe o teu nome.  Por acaso lembro-me perfeitamente que nos últimos meses a minha avó até começou a dizer imensos palavrões, ela que nunca na vida tinha dito um.

Por isso, vais ter que ser muito forte e ter muita disponibilidade, e também ter o apoio da restante família e amigos. Como o Pedro disse, chega a um ponto em que pedes que ela "nos deixe", porque a determinada altura aquilo já não é vida nenhuma.

Isto foi o que me lembro de ter visto e vivido, e obviamente que o meu pai e tia passaram por muito mais. Sê forte, não desistas e vai falando disto, pois não podes guardar tudo para ti!
Muita força :bom:
« Última modificação: 03 de Junho de 2013, 11:46 por Joao.Gomes »
Registo NBA: +36.40un | 63-49-1



PauloMarques

  • HighRoller
  • P
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jan 2012
  • Localidade: Aveiro
  • Mensagens:
    12276
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    0
em: 03 de Junho de 2013, 14:22
RATINI,muita,muita força companheiro.Ve no mar de pedra,Joao,etc,uma força pois sofreram e/ou passam pelo mesmo.Muita força interior RATINI...é uma doença que,na parte final,causa...sem palavras :( :( :cry:
Vive a vida,e da importancia a todos os detalhes,por muito insignicantes que pareçam...



miguel_

  • Bilionário
  • m
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jul 2011
  • Localidade:
  • Mensagens:
    2147
    Pts Tipsr:
    1
em: 03 de Junho de 2013, 15:43
Grande Abraço Ratini  :bom:



Bruno Coutinho

  • Administrador
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2005
  • Localidade: Lisboa
  • Mensagens:
    226650
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    108
em: 03 de Junho de 2013, 16:06
Força RATINI!

Eu sobrevivi ao cancro do meu Pai durante 5 anos, e desde o 1º dia que me diziam que ele so inha 1 ou 2 meses de vidas. Horrivel ver uma pessoa a perder todas as capacidades e não podermos fazer nada a não ser reconfortar...



PauloMarques

  • HighRoller
  • P
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jan 2012
  • Localidade: Aveiro
  • Mensagens:
    12276
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    0
em: 03 de Junho de 2013, 16:10
Força RATINI!

Eu sobrevivi ao cancro do meu Pai durante 5 anos, e desde o 1º dia que me diziam que ele so inha 1 ou 2 meses de vidas. Horrivel ver uma pessoa a perder todas as capacidades e não podermos fazer nada a não ser reconfortar...

Eu,do meu sogro...é horrivel ver o dia o dia,e temos que nos mostrar fortes,mesmo estando destruidos por dentro :( :(
Lamento imenso pelo teu Pai Bruno.
« Última modificação: 03 de Junho de 2013, 16:10 por PauloMarques »
Vive a vida,e da importancia a todos os detalhes,por muito insignicantes que pareçam...




 


Casas de Apostas: bet pt / Betclic / ESC Online / Nossa Aposta / Casino Portugal

Rede Apostaganha: Apostas e Prognósticos / Palpites e Dicas de Apostas / Pronósticos de Apuestas / Betting Tips and Predictions / Melhores Cassinos Online Brasil / Mejores Casinos Online de América Latina