Autor Tópico: [UFC on Fuel TV 9 - Mousasi vs. Latifi] - 06/04/2013  (Lida 629 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

rafacorreia

  • Milionário
  • r
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jun 2012
  • Localidade: Rio de Janeiro
  • Mensagens:
    1404
  • Nacionalidade: br
  • Pts Tipsr:
    123





Lista de Análises e Previsões
« Última modificação: 06 de Abril de 2013, 02:10 por rafacorreia »



rafacorreia

  • Milionário
  • r
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jun 2012
  • Localidade: Rio de Janeiro
  • Mensagens:
    1404
  • Nacionalidade: br
  • Pts Tipsr:
    123
em: 06 de Abril de 2013, 02:07
UFC on Fuel TV 9
Papy Abedi vs. Besam Yousef - 06/04/2013 - 15:00 BRT

Papy Abedi: O congolês naturalizado sueco, Papy Abedi, é um lutador com 10 lutas profissionais, possuindo 8 vitórias e 2 derrotas. O lutador chegou ao UFC com bastante status, vindo de uma série invicta e tido como prospect para a categoria dos meio-médios, porém decepcionou e nas suas duas lutas no evento até agora, sofreu duas derrotas. Estreou contra o brasileiro Thiago "Pitbull" Alves e acabou derrotado por finalização. Em sua segunda luta no evento, foi novamente finalizado, desta vez por James Head.

Abedi é um lutador de muita força fisica, com socos poderosos e conquistou a maioria de suas vitórias por nocaute. Apesar de ser faixa preta de judô e roxa de jiu jitsu, o jogo de chão é o seu ponto fraco, porém vem trabalhando sobre este aspecto, treinando na academia Alliance MMA, a mesma de grapplers de respeito como Dominick Cruz (campeão dos galos do UFC), Michael Chandler (campeão peso-leve do Bellator) e Phil Davis.


Besam Yousef: De inicio, confesso que tenho informações limitadas sobre o sirio Besam Yousef. Minha análise se dá pelo que vi da sua primeira luta no UFC, quando foi finalizado por Simeon Thoresen no segundo round. Yousef é especialista na trocação, tendo seu background no kickboxing, apesar da maioria das suas vitórias terem sido por finalização. Yousef mostrou como principal qualidade uma defesa de quedas bem razoável, conseguindo frustrar as quedas do norueguês no primeiro round e conectou alguns bons golpes (socos e joelhadas) a partir do clinch, quando a luta foi para o chão, se limitou a fechar a guarda e tentar travar a luta. Porém, no segundo round foi atingido por um forte soco cruzado que lhe deixou grogue e terminou sendo finalizado.

O que me pareceu de Yousef é se tratar de um lutador algo limitado na luta em pé e no grappling apenas manteve a guarda fechada, sem demonstrar muita habilidade de costas no chao. Thoresen é um grappler, com uma trocação bastante débil e sem muita potência, mesmo assim, a luta foi parelha na trocação, o que me leva a acreditar que o sirio terá problemas em lidar com um atleta forte e com mãos pesadas como é a característica de Abedi.


Conclusão: Na minha opinião, temos frente à frente dois lutadores que prometiam muito, mas mostraram muito pouco. Ambos chegaram ao UFC invictos e com um "hype" considerável, porém não mostraram no cage grandes qualidades.

Apesar das deficiências, Papy Abedi demonstrou ser um lutador melhor e também é mais forte fisicamente. Tem mãos poderosas e um boxe consideravelmente superior ao do adversário de logo mais e com poder de nocaute. Além disso, vem treinando numa academia que tem ótimos nomes do grappling, o que também mostra que ele está preocupado em tentar evoluir na sua maior fragilidade.

Não é esta uma luta fácil, como as odds equilibradas indicam, mas como disse, pelo que já mostrou até aqui, mesmo não sendo muita coisa, Abedi demonstra ser superior, tem mais recursos, mais força e mesmo mais experiência, tendo enfrentado atletas mais gabaritados do que os que foram superados por Yousef.

Assim sendo, a minha aposta cairá para a vitória do sueco-congolês Papy Abedi.


Previsão: Papy Abedi @1.80 - Bet365
Confiança: 10/10


« Última modificação: 06 de Abril de 2013, 06:21 por rafacorreia »



rafacorreia

  • Milionário
  • r
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jun 2012
  • Localidade: Rio de Janeiro
  • Mensagens:
    1404
  • Nacionalidade: br
  • Pts Tipsr:
    123
em: 06 de Abril de 2013, 03:18
UFC on Fuel TV 9
Adlan Amagov vs. Chris Spang - 06/04/2013 - 15:00 BRT

Adlan Amagov: O russo um lutador que tem a sua base no grappling, tendo sido campeão do NAGA (evento de grappling nos EUA). Apesar dessa base na luta agarrada, Amagov desenvolveu também a sua luta em pé, tendo hoje uma boa qualidade também na trocação, tirando proveito da sua boa envergadura. Ele ganhou notoriedade com o seu famoso chute rodado com o calcanhar (em inglês spinning hook kick), um golpe muito bonito e de extrema eficiência, com o qual nocauteou Maskhat Akhmetov num evento chamado ProFC, na Rússia.

O detalhe curioso é que Amagov começou sua carreira como meio-pesado, baixou para os médios e amanhã fará sua estréia nos meio-médios. Ou seja, desceu de uma categoria até 93kg para uma categoria até 77kg. Uma diferença importante, mas, julgando pela sua aparência na pesagem, ele não demonstrou ter sentido tanto o corte de peso. Amagov treina na academia Jackson's MMA, do famoso head coach Greg Jackson que trabalhou/trabalha com vários atletas famosos das artes marciais mistas.


Chris Spang: O sueco fará, também, a sua estréia no UFC. O atleta vem de uma vitória destacada por nocaute no primeiro round sobre Nah-Shon Burrell no extinto StrikeForce. Spang é especialista na trocação, tendo como carro-chefe o boxe, já tendo, inclusive, lutado boxe profissional.

Spang, assim como Amagov, é um atleta grande para a categoria dos meio médios, medindo 1.87m de altura.



Conclusão: Nesta luta teremos o duelo entre dois atletas de bom nível na trocação, mas acredito que o diferencial será a parte de quedas e jiu jitsu. Spang já demonstrou contra Ricky Legere, no StrikeForce, uma defesa de quedas deficiente e acredito que Amagov irá tirar proveito disto. Com Greg Jackson no córner, um técnico que sempre orienta muito bem seus lutadores e tem boa visão de luta e estratégia, o wrestling e jiu jitsu parece ser o caminho certo para a vitória de Amagov.

Em pé a luta se torna mais parelha, Amagov é mais versátil, tem chutes poderosos em seu arsenal, mas um boxe inferior ao de Spang. Acredito que Spang tentará manter esta luta em pé, é onde ele tem chances, porém, a não ser que tenha evoluído muito (o que eu não acredito, pelas informações que busquei sobre seu camp) ele não conseguirá frustrar as quedas do russo. Além disso, com a preocupação de não ser derrubado, Spang pode sentir-se intimidado para soltar também a sua trocação e baixar um pouco a guarda, deixando com que Amagov tome para si o dominio do cage e, com uma guarda mais baixa preocupado em defender quedas, abrindo espaço para os perigosos chutes que Amagov tem na cartola, especialmente o rodado com o calcanhar.

Assim sendo, vejo o russo Adlan Amagov com um jogo mais versátil e mais habilidades para faturar este combate e é sobre ele que cairá a minha aposta.


Previsão: Adlan Amagov @1.58 - Bet365
Confiança: 10/10



Forum de Apostas

Re: [UFC on Fuel TV 9 - Mousasi vs. Latifi] - 06/04/2013
« Responder #2 em: 06 de Abril de 2013, 03:18 »

rafacorreia

  • Milionário
  • r
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jun 2012
  • Localidade: Rio de Janeiro
  • Mensagens:
    1404
  • Nacionalidade: br
  • Pts Tipsr:
    123
em: 06 de Abril de 2013, 07:25
UFC on Fuel TV 9
Michael Kuiper vs. Tom Lawlor - 06/04/2013 - 15:00 BRT

Michael Kuiper: O holandês Kuiper é um grappler, faixa preta de judô e roxa de jiu jitsu brasileiro. Além disso, também treina muay thai.

Kuiper, apesar de ter sua base no grappling, é um lutador de mãos pesadas e queixo durissimo. Em seu cartel de 13 lutas, possui 12 vitórias sendo 7 por nocaute e 4 por finalização. Sua única derrota foi na estréia no UFC, quando perdeu para o brasileiro Rafael Sapo na decisão unânime em uma boa luta, onde chegou a aplicar um knockdown no brasileiro. Na luta seguinte, contra Jared Hamman, teve um ótimo desempenho dominando o combate e conseguindo o nocaute no segundo round após uma sequência devastadora de socos.


Tom Lawlor: O americano Tom Lawlor participou do TUF8, onde foi derrotado pelo campeão daquela edição, Ryan Bader. Lawlor é um veterano do UFC, contando com 8 lutas, tendo acumulado 4 vitórias e 4 derrotas. Em sua última luta perdeu para Francis Carmont numa luta de baixo nível, mas que teve um resultado contestável.

Assim como Kuiper, Lawlor também tem mãos pesadas e um ótimo queixo. Nunca foi nocauteado e conquistou 3 de suas 8 vitórias por nocaute.

O americano demonstra muita raça e agressividade em suas lutas, porém peca na parte técnica, o que reflete no seu irregular cartel no evento.


Conclusão: Teremos nesta luta um duelo interessante entre dois lutadores com poder de nocaute e ótimos queixos. Ambos são durissimos na queda, porém, vejo o holandês Kuiper com mais possibilidades.

O holandês possui, além da trocação, um jogo de quedas oriundo do judô, o que dificultará para Lawlor trabalhar o clinch como ele gosta, pois poderá ser derrubado. Na trocação, a luta se desenha equilibrada com dois lutadores que tem mais disposição do que técnica, porém Kuiper é um jovem que vem evoluindo nitidamente luta após luta, especialmente a sua trocação e essa evolução foi percebida contra Jared Hamman.

Dito isto, eu não consigo compreender todo o favoritismo dado a Lawlor. A luta, no confronto de estilos, é muito mais equilibrada do que as odds sugerem. Kuiper tem as armas necessárias para anular a maior força de Lawlor, frustrando o seu trabalho de clinch com quedas do judô. Some-se a isso a limitação técnica de Lawlor para trocar na longa distância, Kuiper, mais completo, deverá se sentir mais a vontade no cage para dominar a distância e sabendo que, se estiver levando a pior em pé, tem armas para tentar mudar o rumo da luta levando-a para o chão.

Sem dúvidas essa é uma luta dificil e deverá ficar para a decisão dos árbitros, porém o valor está ao lado do holandês que é apontado como underdog, mas como disse no texto é um lutador com caracteristicas que podem pôr em dificuldades e anular a maior força do adversário e é sobre ele, Kuiper, que cairá a minha aposta.


Previsão: Michael Kuiper @2.50 - Bet365
Confiança: 6/10



rafacorreia

  • Milionário
  • r
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jun 2012
  • Localidade: Rio de Janeiro
  • Mensagens:
    1404
  • Nacionalidade: br
  • Pts Tipsr:
    123
em: 06 de Abril de 2013, 07:48
UFC on Fuel TV 9
Ben Alloway vs. Ryan LaFlare - 06/04/2013 - 15:00 BRT

Ben Alloway: Este lutador participou do TUF: The Smashes (disputa entre Austrália x Inglaterra), tenso sido eliminado na semi-final. Foi escalado para lutar no evento da final do reality e impressionou a todos com um nocaute devastador, após aplicar um lindissimo chute alto frontal.

O australiano é especialista em kickboxing e um lutador bastante agressivo, do tipo que agrada o público, lutando sempre pra frente. Em seu cartel de 15 lutas, possui 12 vitórias sendo 6 por nocaute.


Ryan LaFlare: O americano Ryan LaFlare está invicto na sua carreira no MMA, com 7 vitórias em 7 lutas. 4 vitórias foram por nocaute e outras 3 por finalização. Ele fará a sua estréia no UFC.

LaFlare tem o seu background no wrestling e é faixa roxa de jiu jitsu brasileiro. Treina na academia Long Island MMA and Fitness Center, que conta com nomes de peso como Ryan Needle (ex All-American Divisão I da NCAA).

Importante ressaltar, também, que ele é um atleta alto para a categoria, medindo 1.85m e leva vantagem de 8cm sobre o adversário, que mede 1.77m.



Conclusão: Temos aqui o clássico duelo "grappler vs. striker".

Alloway irá querer manter a luta na longa distância e trocação, entrando e saindo para explorar o seu kickboxing, enquanto LaFlare vai buscar encurtar a distância e levar a luta para o solo para aplicar a sua técnica de jiu jitsu e ground and pound. Ben Alloway já demonstrou em lutas anteriores dificuldades em lidar com grapplers, tanto que todas as suas 3 derrotas foram por finalização. Ele não defende bem quedas e tem um jiu jitsu defensivo que dá muitas brechas. E isto será um problema e tanto contra o adversário de logo mais.

O americano tem um jogo bastante justo, boas quedas, ground and pound e finalizações.

O grappling bastante superior de LaFlare e a dificuldade de lidar com este estilo de luta por parte de Alloway deverão ditar o rumo da luta, o americano tem toda a possibilidade de tirar o adversário da sua zona de conforto e levar a luta para onde ele, LaFlare, é superior.

Ryan LaFlare é o favorito e acredito que vai confirmar este favoritismo sem grandes problemas impondo o seu jogo de quedas e jiu jitsu e poderá mesmo finalizar Alloway antes do fim dos 3 rounds, se aproveitando da fragilidade do adversário de costas no chão, porém, como não há mercado aberto para apostar no método de vitória, irei em vitória simples que apresenta uma odd razoável.


Previsão: Ryan Laflare @1.50 - Bet365
Confiança: 10/10



rafacorreia

  • Milionário
  • r
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jun 2012
  • Localidade: Rio de Janeiro
  • Mensagens:
    1404
  • Nacionalidade: br
  • Pts Tipsr:
    123
em: 06 de Abril de 2013, 17:55
UFC on Fuel TV 9
Papy Abedi vs. Besam Yousef - 06/04/2013 - 15:00 BRT


Previsão: Papy Abedi @1.80 - Bet365   :ganha:
Confiança: 10/10


UFC on Fuel TV 9
Adlan Amagov vs. Chris Spang - 06/04/2013 - 15:00 BRT

Previsão: Adlan Amagov @1.58 - Bet365  :ganha:
Confiança: 10/10


UFC on Fuel TV 9
Michael Kuiper vs. Tom Lawlor - 06/04/2013 - 15:00 BRT

Previsão: Michael Kuiper @2.50 - Bet365  :perdida:
Confiança: 6/10


O Kuiper venceu bem o primeiro round, frustrando o Lawlor e conseguindo os takedowns, estava com o dominio do combate. No segundo round levou uma guilhotina inacreditavelmente boba no começo do round, era perfeitamente possível de defender. Uma pena, coisas do MMA.


UFC on Fuel TV 9
Ben Alloway vs. Ryan LaFlare - 06/04/2013 - 15:00 BRT

Previsão: Ryan Laflare @1.50 - Bet365  :ganha:
Confiança: 10/10





 


Casas de Apostas: bet pt / Betclic / ESC Online / Nossa Aposta / Casino Portugal

Rede Apostaganha: Apostas / Palpites e Dicas de Apostas / Pronósticos de Apuestas / Betting Tips and Predictions