Autor Tópico: Ciclismo - Tirreno-Adriático, 7 a 13 Março  (Lida 5032 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Rui Q.

  • Bilionário
  • R
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jan 2010
  • Localidade: Algarve
  • Mensagens:
    3030
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    632
em: 02 de Março de 2012, 21:40
Tirreno-Adriático
7 a 13 de Março



"A Corrida dos Dois Mares", que une o mar Tirreno e o mar Adriático, uma prova histórica, que vai para a a sua 47ª edição e recebe todos os anos muitos dos melhores corredores do mundo. Todos voltistas italianos têm no Tirreno-Adriático um objectivo, alguns estrangeiros também e muita gente o utiliza como preparação para a Milano-Sanremo, a realizar no dia 17. Ainda faltam cinco dias para a prova, mas devido ao Paris-Nice estar quase a arrancar e já ter apostas abertas em vários sites, vejo-me forçado a estudar já o Tirreno-Adriático e partilhar aqui a informação base.

Etapas

#1 (7/03): San Vincenzo - Donoratico, 16.9 km (CRE)
#2 (8/03): San Vincenzo - Indicatore, 230 km
#3 (9/03):  Indicatore - Terni, 178 km
#4 (10/03): Amelia - Chieti, 252 km
#5 (11/03): Martinsicuro - Prati di Tivo, 196 km
#6 (12/03): Offida - Offida, 181 km
#7 (13/03): San Vincenzo - Donoratico, 16.9 (CRE)

O Tirreno-Adriático 2012 começa com um contra-relógio colectivo de quase 17 quilómetros que certamente será importante para a classificação final da corrida, pois algumas equipas perderão mais de meio minuto e, numa prova de uma semana, é tempo precioso. Seguem-se duas etapas talhadas para sprinters, onde homens com ambições para a Milano-Sanremo farão um teste às suas formas. A quarta etapa, depois de mais de 250 quilómetros, terá chegada a Chieti, onde já houve um final em 2010 e 2011 e se podem fazer diferenças bem interessantes. A quinta etapa será a rainha, com uma subida final de 14,5 quilómetros a 7,1% de inclinação média, sendo a primeira grande chegada em alto da temporada. No sexto dia haverá chegada a Offida (onde decorreram os Europeus de 2011) com sete voltas a um circuito final exigente e que certamente fará novas alterações nos primeiros lugares da classificação geral antes do contra-relógio final de 9,3 quilómetros totalmente plano. É o mesmo contra-relógio do ano passado e poderá deixar a vitória na prova em aberto até ao final.


Participantes
Lista de Inscritos

Cadel Evans (BMC), vencedor no ano passado, é um dos maiores candidatos à vitória na prova, juntamente a Roman Kreuziger (Astana), Michele Scarponi (Lampre), Stefano Garzelli (Acqua & Sapone), Peter Velits (Omega Pharma), Steven Kruijswijk (Rabobank), Wout Poels (Vacansoleil) e Chris Horner (Radioshak). Outros homens a poder lutar por lugares no top-10 parecem-me Andrew Talansky (Garmin), Frederik Kessiakoff (Astana), Thomas Lovkvist (Sky), Johnny Hoogerland (Vacansoleil) e Beñat Intxausti (Movistar), sem se poder descuidar com a prsença de Joaquin Rodríguez, que sai claramente prejudicado pelos contra-relógios mas é uma das maiores referências para as chegadas a subir. Nas chegadas em colina, atenção também para Philippe Gilbert (BMC), Rinaldo Nocentini (Ag2r), Enrico Gasparotto (Astana), Giovanni Visconti (Movistar) e o português Rui Costa (Movistar), também com possibilidade de boa classificação no contra-relógio e, quem sabe, na geral. Alguma curiosidade para ver o que fazem Jelle Vanendert (Lotto), Daniel Moreno (Katusha) e Chris Anker Sorensen (Saxo Bank), bem como os jovens Fabio Duarte e Darwin Atapuma (Colombia-Coldeportes) e Thibaut Pinot (FDJ).
Para as chegadas ao sprint, Mark Cavendish (Sky), Andre Greipel (Lotto), Tyler Farrar (Garmin), Alessandro Petacchi (Lampre), Peter Sagan (Liquigas) e Edvald Boasson Hagen (Sky), sem dúvida dos melhores do mundo, estarão presentes. Além deles, outros grandes sprinters, como Danielle Bennati (Radioshak), Matt Goss (GreenEdge), Oscar Freire (Katusha), Matti Breschel e Michael Matthews (Rabobank), Sacha Modolo (Colnago), Lloyd Mondory e Manuel Belleti (Ag2r), Pim Ligthart e Kris Boeckmans (Vacansoleil), Gert Steegmans (Omega Pharma), Daniel Oss (Liquigas) e Borut Bozic (Astana). De realçar ainda, Tony Gallopin (Radioshak) e Gerald Ciolek (Omega Pharma), que não só são bons srinters, como passam bem as pequenas subidas e estão em grande forma. Greg Van Avermaet (BMC), além de poder destacar-se nas chegadas em pelotão compacto, é homem para se aguentar na frente em algumas das etapas de média dificuldade, tal como Matteo Carrara e Marco Marcato (Vacansoleil).
Os italianos Marco Pinotti (BMC) e Filippo Pozzato (Farnese Vini) são duas incógnitas, o primeiro porque teve um 2011 muito azarado e o segundo porque já foi operado este ano e não se sabe bem em que ponto está a sua recuperação, e Fabian Cancellara (Radioshack), David Millar (Garmin), Lars Boom (Rabobank) e Adriano Malori (Lampre) são dos grandes candidatos à vitória no contra-relógio final. Sérgio Paulinho e Bruno Pires (Saxo Bank) figuram também eles na lista de inscritos.

Sites Úteis
www.cyclingnews.com
www.cqranking.com
www.biciciclismo.com
tv.eurosport.pt
www.cyclingfever.com
Site Oficial



pais365

  • Bilionário
  • p
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Nov 2011
  • Localidade:
  • Mensagens:
    2648
    Pts Tipsr:
    455
em: 02 de Março de 2012, 23:04
 :venia: :venia: :venia: :venia:



Rui Q.

  • Bilionário
  • R
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jan 2010
  • Localidade: Algarve
  • Mensagens:
    3030
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    632
em: 06 de Março de 2012, 18:47
07/03 (13h): Tirreno-Adriático - Rui Costa vs Peter Velits - Peter Velits a 1.75 @ Bet365, 2/2

Toda a Omega Pharma-Quick Step está a andar em grande nível e Peter Velits é um dos que mais se destacou até agora, vencendo a Volta a Omã com uma grande demonstração de força, não só pela etapa em que foi segundo mas também pelos vários ataques desferidos, tal como no Trofeo Deiá, em Maiorca.

Rui Costa fez uma Volta ao Algarve muito boa e é um grande contra-relogista. Também se dá bem na média montanha mas até agora nunca deu demonstrações de poder ombrear com os melhores na alta montanha. Este Tirreno-Adriático te várias etapas que poderão fazer diferenças, mas a principal é a chegada a Prati di Tivo, quinze quilómetros a 7% de inclinação e aí Velits poderá ganhar tempo considerável (até 2 minutos) a Rui Costa. No crono colectivo também poderá ganhar e de resto devem andar ela por ela.

Não me vou alongar muito mais porque rapidamente a odd pode cair para 1.50 ou menos.

07/03 (13h): Tirreno-Adriático - Rui Costa vs Peter Velits - Peter Velits a 1.75 @ Bet365, 2/2



Forum de Apostas

Re: Ciclismo - Tirreno-Adriático, 7 a 13 Março
« Responder #2 em: 06 de Março de 2012, 18:47 »

manives

  • Magnata
  • m
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2005
  • Localidade:
  • Mensagens:
    218681
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    3059
em: 06 de Março de 2012, 19:34
já está a 1,45  :lol:  :venia: :venia: :venia: :venia: :venia:



rapior

  • Multimilionário
  • r
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jun 2006
  • Localidade:
  • Mensagens:
    6590
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    1727
em: 06 de Março de 2012, 22:29
07/03/2012 a partir das 13h50m
Tirreno Adriático  – 1ª Etapa: San Vicenzo – Donoratico (TTT)
Pick: Winner :arrow: Garmin Barracuda (GRM)      Odd: 2.80 @ Bet365


Tal como no ano passado o Tirreno Adriático inicia-se com um contra-relógio por equipas com aproximadamente 17 km e num percurso totalmente plano.

Penso que a principal candidata a vencer é a Garmin-Barracuda. São especialistas neste tipo de provas e fazem sempre questão de obter bons resultados, sendo que esta época já ganharam na Volta ao Qatar. Na época passada foram segundos no contra-relógio de abertura desta mesma prova. Apresentam-se nesta prova com homens como David Millar, ex-campeão do mundo e que no ano passado ganhou no Giro); Navardauskas, ex-campeão lituano e que esteve em excelente nivel no Tour de Oman); Alex Rasmussen, que começou na pista e é muito forte sobretudo em contra-relógios desta extensão e Andrew Talansky, jovem norte-americano que na época passada terminou quase todos os contra-relógios em que participou no Top10 e que na Volta ao Algarve foi 7º. Depois contam ainda com VanSummeren, um excelente rolador e Farrar e Hunter dois sprinters que sendo homens rápidos defendem-se bastante bem em contra-relógios mais curtos. O elo mais fraco é Wegmann porém eles não vão abrandar se ele ficar para trás.

Penso que os principais adversários deverão ser a Radioshack, que conta com um super Cancellara mas que penso que não deverá ser suficiente para fazer a diferença no conjunto dos oito ciclistas e sobretudo a GreenEdge que se apresenta com um misto de contra-relogistas como Cameron Meyer, Langeveld, Tuft e Mouries e homens rápidos como Goss, O’Grady, Cooke e Vaitkus.

Penso porém que os cilistas da Garmin aparentam estar em boa forma e têm mais experiência neste tipo de provas, pelo que aposto na sua vitória.
"O insucesso é apenas uma oportunidade para começar de novo com mais inteligência."



rapior

  • Multimilionário
  • r
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jun 2006
  • Localidade:
  • Mensagens:
    6590
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    1727
em: 06 de Março de 2012, 22:52
07/03/2012 a partir das 13h50m
Tirreno Adriático  – 1ª Etapa: San Vicenzo – Donoratico (TTT)
H2H: Liquigás (LIQ) vs Rabobank (RAB)
Pick: Liquigás (LIQ)      Odd: 1.70 @ Bet365


Tal como no ano passado o Tirreno Adriático inicia-se com um contra-relógio por equipas com aproximadamente 17 km e num percurso totalmente plano.

A Liquigás conta com um dos principais candidatos à vitória o italiano Vicenzo Nibali pelo que é fundamental pelo menos não perder muito tempo para os seus principais rivais. Os seus melhores especialistas são Nibali, que vem de um excelente resultado no Tour de Oman; Sagan, que se defende muito bem e que está em crescendo de forma; Bodnar, que não obtém melhores resultados por ser um gregário, Daniel Oss, homem rápido que também se defende bem e o esloveno Koren. Os restantes são ciclistas que darão o tudo em prol da equipa. De referir que apesar de não ter especialistas puros conseguem surpreender muitas vezes pela positiva, sendo que na época passada tanto no Giro como na Vuelta terminaram no pódio. Esta época foram quintos na Volta ao Qatar.

A Rabobank o ano passado foi das primeiras a partir e tirou algum beneficio tendo mesmo acabado por vencer. Esta ano não tem estado tão fortes como na época passada e penso que se apresentam com uma equipa com menos argumentos. Os seus homens mais fortes serão Lars Boom, que todavia apresenta-se com menos rodagem do que na época passada e com resultados mediocres esta época e Michael Matthews, homem rápido e forte em contra-relógios curtos e Kruijswik, que não esteve muito bem na Volta a Andalucia. Os restantes homens são sobretudo roladores que estão a subir de forma para as clássicas.

Penso que a Liquigas está mais forte do que na época passada ao contrário da Rabobank, pelo que penso que desta vez possam sair vencedores.
"O insucesso é apenas uma oportunidade para começar de novo com mais inteligência."



rapior

  • Multimilionário
  • r
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jun 2006
  • Localidade:
  • Mensagens:
    6590
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    1727
em: 06 de Março de 2012, 23:21
Termina a 13/03/2012
Tirreno Adriático - Classificação Geral
Pick: Winner :arrow: Vicenzo Nibali (LIQ)      Odd: 3.8 @ Sportingbet


O Tirreno-Adriático é a segunda grande prova por etapas servindo de preparação para a clássica Milan-SanRemo. É uma prova que apresenta algumas caracteristicas particulares, nomeadamente algumas etapas muito longas, acima dos 200 km. O percurso é semelhante ao do ano passado, destacando-se somente a presença desta vez de um final de etapa (Prati di Tivo) com uma subida de aproximadamente 15km. Para além dessa etapa deverão ser decisivos os dois contra-relógios e a chegada a Chieti.

Penso que os principais favoritos deverão ser Cadel Evans, Michele Scarponi e Vicenzo Nibali.

Evans venceu esta prova na época passada sem dar grandes hipóteses ao seus adversários, tendo sido a primeira vitória de uma época que culminaria com a vitória no Tour. Esta época  ainda competiu pouco, porém na época passada também chegou a esta prova com pouca competição e venceu. Penso todavia que este ano na etapa que acaba com uma longa subida pode acusar essa falta de competição.

Scarponi é um veterano que sempre que corre em Itália obtém excelentes resultados e que já venceu esta prova em 2009. Será prejudicado nos contra-relógios e neste inicio de época competiu menos do que em épocas anteriores. O que lhe puderá prejudicar na tal subida longa.

A minha aposta vai recair por isso em Nibali, que procura inscrever o seu nome no palmarés desta prova, depois de um quinto lugar na época passada, sendo que desta vez será o líder incontestado da equipa. Ao contrário de outras épocas começou a competir muito cedo, com um 5º no Tour de San Luis, depois perdeu o Tour de Oman por um segundo, sendo que foi o mais forte na chegada em alto, dando sinais de estar em crescendo de forma. Já venceu uma Vuelta e é um ciclista completo defendendo-se bem em todo o tipo de terreno. De salientar por exemplo que na época passada Gesink depois de ter vencido a Volta a Omã foi segundo nesta prova, pelo que penso que Nibali pode conseguir uma prestação semelhante e vencer mesmo a prova.
"O insucesso é apenas uma oportunidade para começar de novo com mais inteligência."



rapior

  • Multimilionário
  • r
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jun 2006
  • Localidade:
  • Mensagens:
    6590
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    1727
em: 07 de Março de 2012, 00:12
07/03/2012 a partir das 13h50m
Tirreno Adriático  – 1ª Etapa: San Vicenzo – Donoratico (TTT)
H2H: Liquigás (LIQ) vs GreenEdge (GEC)
Pick: GreenEdge (GEC)      Odd: 1.90@ Sportingbet


Tal como no ano passado o Tirreno Adriático inicia-se com um contra-relógio por equipas com aproximadamente 17 km e num percurso totalmente plano.

A Liquigás conta com um dos principais candidatos à vitória o italiano Vicenzo Nibali pelo que é fundamental pelo menos não perder muito tempo para os seus principais rivais. Os seus melhores especialistas são Nibali, que vem de um excelente resultado no Tour de Oman; Sagan, que se defende muito bem e que está em crescendo de forma; Bodnar, que não obtém melhores resultados por ser um gregário, Daniel Oss, homem rápido que também se defende bem e o esloveno Koren. Os restantes são ciclistas que darão o tudo em prol da equipa. De referir que apesar de não ter especialistas puros conseguem surpreender muitas vezes pela positiva, sendo que na época passada tanto no Giro como na Vuelta terminaram no pódio. Esta época foram quintos na Volta ao Qatar.

A GreenEdge é uma nova equipa com base australiana com um plantel sem aspirações para lutar por classificações gerais em provas por etapas, sendo constituida sobretudo por contra-relogistas, sprinters e alguns homens para as clássicas. Conseguiram vencer em casa o Tour Down Under, sendo que desde aí tem estado muito discretos, sendo necessário para os patrocinadores dar nas vistas agora que começam a competir na Europa. Segundo o seu director desportivo apostam muito nesta primeira etapa, sendo que já estão à vários dias em Itália a treinar em bicicletas de contra-relógio. Apresentam-se com um lote bastante forte de contra-relogistas, casos de Cameron Meyer, por diversas vezes campeão australiano; Tuft, já medalhado em Mundiais; Langeveld, forte sobretudo em contra-relógios mais curtos; Mouris, vice-campeão holandês e com vários Top15 na época passada. A juntar a estes temos O´Grady, Cooke, Vaitkus e Goss, homens rápidos que apostam nas clássicas e que por isso estão já em boa forma e que rolam bastante bem defendendo-se bem em contra-relógios curtos. Penso que se não cometerem erros podem vencer este duelo.
« Última modificação: 07 de Março de 2012, 00:20 por rapior »
"O insucesso é apenas uma oportunidade para começar de novo com mais inteligência."



Forum de Apostas

Re: Ciclismo - Tirreno-Adriático, 7 a 13 Março
« Responder #7 em: 07 de Março de 2012, 00:12 »

manives

  • Magnata
  • m
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2005
  • Localidade:
  • Mensagens:
    218681
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    3059
em: 07 de Março de 2012, 00:41
Luca Ascani vs Fredrik Kessiakoff
7 de mar-13 de mar
Classificação final

Aposta: Fredrik Kessiakoff a 1.75 na bet365

Luca Ascani é um ciclista italiano que corre pela Farnese Vini. È um corredor razoavel a subir, mas o seu palmarés é algo modesto na temporada passada destaca-se um 5º lugar na Tour de Slovénie e um terceiro no Giro del Trentino. È um contra relogista muito razoavel capaz de fazer nos 15 primeiros no ultimo dia. Este ano esteve no qatar e em oma onde passou descreto.

Fredrik Kessiakoff é um ciclista sueco, corre pela astana. È um exelente trepador capaz de andar com os melhores a subir é no entanto fraco no contra relogio. No ano passado esteve a bom nivel na vuelta onde andou duas semanas em grande forma e depois quebrou.

Este é basicamente um confronto montanha vs contra relogio. Eu vou na montanha. São dois corredores muito diferentes, Kessiakoff vai tentar proteger ao maximo o seu lider para esta corrida e caso este quebre pode sempre assumir a liderança da equipa. Na etapa de Prati di Tivo deve ganhar ao seu adversário mais de 2 min que é o que deve perder para ele no contra relogio e deve ficar nos 30-40 primeiros coisa que não vejo o homem da casa fazer que até pode relachar para chegar ao contra relogio mais fresco.



aavf

  • Rico
  • a
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Abr 2008
  • Localidade: Funchal
  • Mensagens:
    598
    Pts Tipsr:
    53
em: 07 de Março de 2012, 00:41
Geral
Vencedor final: Cadel Evans @ 5.00 - vencedor da ediçao passada, percurso à sua medida, boa equipa.
confiança: 3/10

Comparativa: Roman Kreuziger v Steven Kruijswijk @ 3.00 - odd mt alta, Kruijswijk não é tão conhecido mas similar em talento, diferença deverá ser mínima.
confiança: 3/10

Etapa 1 - comparativas:
Liquigas v Rabobank @ 2.30 - equipas similares em qualidade no contra relógio por equipas, acho que Rabo tem alguma vantagem, único senão pode ser motivação da Liquigas correr em casa.
confiança: 4/10

FDJ v Vacansoleil @ 2.00 - conta com melhores contra relogistas.
confiança: 8/10

Katusha Team @ 2.10 v Saxo Bank - saxo traz equipa fraca, os contra relogista razoáveis são: Paulinho e Sorensen; Katusha tem Brutt, Ignatiev, Gusev e Freire.
confiança: 8/10

Radioshack v Team Sky @ 2.75 - Radioshack é Cancellara e + um punhado de razoáveis no contra, Sky tem Hagen + Lovkvist e restantes são todos bons roladores, vale risco, diferença deverá ser pequena, podendo cair para a Sky.
confiança: 3/10

Multipla combinada duplas
Katusha Team @ 2.10 v Saxo Bank
FDJ v Vacansoleil @ 2.00
Astana @ 1.25 v Lotto-Belisol
Omega Pharma-Quick Step v BMC Racing @ 1.25
confiança: 6/10

Etapa 1 vencedor: BMC Racing @ 7.00 - deve ser entre Garmin e BMC sendo que esta odd tem + valor pois a diferença será mínima, BMC tem 1 grande contra relogista no Evans, 1 mt bom em Pinotti, 3 bons em Hincapie, Quinziato e gilbert, bons roladores em ballan e avermaet, sobrando schar.
Garmin tem 1 grande em Millar, 1 mt bom em Rasmussen, 3 bons em Navardaukas, Farrar e Talansky, bons roladores no van summeren e hunter, sobrando wegmann.
confiança: 3/10

As de confiança 3/10 são apostas com risco (stake baixa) mas que acho têm valor.

Tudo na bet365



manives

  • Magnata
  • m
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2005
  • Localidade:
  • Mensagens:
    218681
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    3059
em: 07 de Março de 2012, 00:53
Jelle Vandendert vs Matteo Carrara
7 de mar-13 de mar
Classificação final

Aposta: Jelle Vandendert a 1.75 na bet365

Matteo Carrara é um ciclista italiano, corre pela Vacansoleil. È um corredor para provas por etapas razoavel, na temporada passada fez 11 no paris nice e um 17º lugar no giro. È bom a subir mas fraco nos contra relogios. Este ano esteve Vuelta a Andalucia onde foi 21º na geral.

Jelle Vandendert é um ciclista belga, corre pela lotto. Na temporada passado foi o fiel tenente de gilbert e as vitórias desta são também um pouco suas. Depois brilhou no tour onde venceu uma etapa e fez 20º na geral. Este ano esteve Vuelta a Andalucia onde foi 18º na geral.

Com a saida de gilbert para a bmc, Vandendert passa a ser o lider da equipa nas classicas de ardenas. O ciclista belga lidera aqui a equipa no que a classificação geral diz respeito pois o objectivo principal é vitórias de etapas para gripel. Carrara é forte a subir mas perde para Vandendert nas colinas e no contra relogio, para além disso deve ter que trabalhar para hoogerland e poels que devem liderar a equipa. Como tal espero que o belga faça nos 15-20 primeiros e fique a frente do seu oponente.



manives

  • Magnata
  • m
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2005
  • Localidade:
  • Mensagens:
    218681
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    3059
em: 07 de Março de 2012, 01:10
Marco Pinotti v Thomas Lovkvist
7 de mar-13 de mar
Classificação final

Aposta: Thomas Lovkvist a 1.85 na sportingbet

Marco Pinotti é um corredor italiano, corre pela bmc. È um grande contra relogista e um homem razoavel a subir. Na temporada passada foi 6º nesta prova, depois caiu no giro o que lhe destruiu o resto da temporada. Este ano esteve em espanha a fazer classicas e esteve em Oman onde foi 17º na geral

Thomas Lovkvist é um corredor sueco, corre pela sky. È um ciclista para provas por etapas, é bom a subir e no contra relogios. No ano passado foi 10º nesta prova, Este ano esteve no algarve onde trabalhou para porte e foi 66º na geral.

Pinotti no ano passado ficou 19 seg á frente de Lovkvist. Tempo que lhe ganhou no contra relogio final onde o sueco esteve menos bem. Mas no ano passado o italiano liderava a sua equipa e este ano tem que trabalhar para o cadel evans o que lhe vai projedicar a classificação geral. Lovkvist vai ser o lider da equipa para a geral e este pode ser um dos seus unicas provas durante toda a epoca que vai der lider dada a qualidade da sky pelo que deve andar forte. No contra relogio Lovkvist  até pode voltar a perder algum tempo mas na montanha este ano deve ganhar. Espero o Lovkvist novamente no top10 coisa que o italiano este ano não deve ser capaz de fazer.



manives

  • Magnata
  • m
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2005
  • Localidade:
  • Mensagens:
    218681
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    3059
em: 07 de Março de 2012, 01:21
Rui Costa v Wouter Poels
7 de mar-13 de mar
Classificação final

Aposta: Wouter Poels a 1.75 na sportingbet

Rui Costa é um ciclista portugues, corre pela movistar. È um bom contra relogista, forte em colinas, mas em alta montanha ainda quebra. No ano passado venceu uma etapa no tour e uma classica no canada. Este ano esteve na volta ao algarve onde foi 5º na geral.

Wouter Poels é um ciclista holandes da Vacansoleil. È um homem talhado para a alta montanha a subir é que o homem se sente bem. No ano passado foi 18º aqui, foi 4º na polonia e 17º na vuelta. Este ano esteve no algarve onde foi 12º e em Murcia onde foi 3º.

Para esta corrida o rui deve ter liberdade, a movistar não trás um lider declarado pois visconti não parece ainda bem e como tal o portugues não tem que trabalhar para ninguem. Poels deve ser um dos lideres da sua equipa, ele que tem as provas de 3 semanas como meta. O rui costa até deve fazer melhor no contra relogio mas não deve dar para compensar o tempo que vai perder na montanha. Poels deve fazer no top15 coisa que o rui não deve ser capaz de fazer.



manives

  • Magnata
  • m
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2005
  • Localidade:
  • Mensagens:
    218681
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    3059
em: 07 de Março de 2012, 11:22
BMC Racing Team v Team Sky
7 de mar ás 13:30
Etapa 1

Aposta: BMC Racing Team a 1.85 na sportingbet

Team Sky tem os seus maiores contra relogistas em paris. Para esta prova o objectivo principal deve passar por vitórias de etapas por cav. A equipa trás essencialmente lançadores como eisel, sutton ou hunt. Vai ser a equipa dominante nos sprints. Amanha os mais fortes são boasson hagen, stannard e lovkvist.

BMC está aqui para ganhar, trás o vencedor do ano passado cadel evans e está aqui para repetir a proesa. Conta com uma equipa recheada de roladores como ballan, hincapie, quinziato e avermaet que se desenrascam bem em contra relogios e depois contam com evans, schar, pinotti e gilbert que são bons no contra relogio.

Para o dia de amanha a bmc vai tentar perder o minimo de tempo possibel para os rivais ou se possivel nenhum. A Sky deve manter nos 5 corredores o cav com esperança de bonificar e andar de amarelo e isso é uma desvantagem. Depois os homens para a geral da bmc são eximios contra relogistas.
« Última modificação: 07 de Março de 2012, 11:25 por manives »



manives

  • Magnata
  • m
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2005
  • Localidade:
  • Mensagens:
    218681
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    3059
em: 07 de Março de 2012, 15:56
BMC Racing Team v Team Sky
7 de mar ás 13:30
Etapa 1

Aposta: BMC Racing Team a 1.85 na sportingbet
:perdida: 4 vs 17 oi? :shock:




 


Casas de Apostas: bet pt / Betclic / ESC Online / Nossa Aposta / Casino Portugal

Rede Apostaganha: Apostas e Prognósticos / Palpites e Dicas de Apostas / Pronósticos de Apuestas / Betting Tips and Predictions / Melhores Cassinos Online Brasil / Mejores Casinos Online de América Latina