Autor Tópico: [Ciclismo] Tour de France - 12ª Etapa - 16 Julho 2010  (Lida 1826 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Carlos_Lucas

  • Administrador
  • C
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Out 2006
  • Localidade: Faralhão
  • Mensagens:
    58578
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    1395


Perfil da 12ª Etapa: Bourg-de-Péage » Mende - 210,5 Km



« Última modificação: 16 de Julho de 2010, 16:58 por Blanc »



ExpertBoy

  • HighRoller
  • E
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jun 2006
  • Localidade:
  • Mensagens:
    8014
    Pts Tipsr:
    59
em: 15 de Julho de 2010, 20:56
Contador a @4.5 na sportingbet e a @24 na betfair! LOLOL



ExpertBoy

  • HighRoller
  • E
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jun 2006
  • Localidade:
  • Mensagens:
    8014
    Pts Tipsr:
    59
em: 15 de Julho de 2010, 21:08
Dia 16 de Julho - Etapa 12

H2H A. Vinokourov vs Nicolas Roche  :arrow: A. Vinokourov @2.25 sportingbet - 5 unidades

H2H Ivan Basso vs J.V.D. Broeck  :arrow: J.V.D. Broeck @1.65 sportingbet - 5 unidades

H2H Ivan Basso vs Denis Menchov  :arrow: Denis Menchov @2.20 unibet - 5 unidades


Quanto ao vencedor de etapa, prefiro esperar pelo live para saber se vai existir uma fuga ou não a vencer, mas no caso de o grupo de favoritos chegar na frente é uma etapa que se adapta a ciclistas explosivos como Contador, Rodriguez e Sanchez (todos espanhóis curiosamente) e o próprio Andy Schleck. Contudo acho que o vencedor vai novamente sair de uma fuga, em que mais uma vez estarão os homens que lutam pela montanha.
« Última modificação: 15 de Julho de 2010, 23:13 por ExpertBoy »



Forum de Apostas

Re: [Ciclismo] Tour de France - 12ª Etapa - 16 Julho 2010
« Responder #2 em: 15 de Julho de 2010, 21:08 »

rapior

  • Multimilionário
  • r
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jun 2006
  • Localidade:
  • Mensagens:
    6590
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    1727
em: 15 de Julho de 2010, 21:42
16/07/2010 a partir das 11h
H2H: Alexandre Vinokourov (AST) vs Nicolas Roche (ALM)
Pick: Alexandre Vinokourov (AST)      Odd: 2.25 @  Sportingbet


Depois de dois anos suspenso Vinokourov regressou para tentar limpar a sua imagem. Está a ter uma excelente época tendo ganho a Liége-Baston-Liége e sido sexto classificado no Giro. Decidiu participar no Tour, provavelmente pela última vez, para ajudar Contador a ganhar. Prestou uma grande ajuda a Contador na etapa de pavé e nas etapas de montanha tem tido um papel importante, o que não impede que mesmo assim ocupe a 14ª posição da geral.

Nicolas Roche é um jovem irlandês que no ano passado esteve por várias vezes perto de ganhar uma etapa no Tour. Este ano era a aposta da equipa para a geral, porém parece não estar no seu topo de forma e ainda sente algumas dificuldades em defender-se na alta montanha. Apesar da liberdade dentro da equipa, apenas está um lugar acima de Vinokourov. No Paris-Nice, prova em que estava em excelente forma, nesta chegada foi somente 16º.

A chegada é bastante dura, com dois quilómetros com inclinações médias superiores a 11%, porém é relativamente curta, somente 3 km, e ainda fica a dois quilómetros da meta, pelo que creio que amanhã Vinokourov não terá que trabalhar muito para Contador e inclusive pode adoptar uma estratégia como na última etapa de montanha, onde atacou, pelo que penso que pode vencer este duelo.
« Última modificação: 15 de Julho de 2010, 21:45 por rapior »
"O insucesso é apenas uma oportunidade para começar de novo com mais inteligência."



ExpertBoy

  • HighRoller
  • E
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jun 2006
  • Localidade:
  • Mensagens:
    8014
    Pts Tipsr:
    59
em: 15 de Julho de 2010, 23:37
Rapior, só queria fazer um reparo, o fim da subida é apenas a 400 metros da meta e não a cerca de 2km como dizes. Se quiseres ver os últimos 4km da chegada do Paris Nices, tens o vídeo no site da Eurosport. Quanto à pick nada a dizer, aliás eu próprio a fiz  ;) Boa sorte pra nós  :bom:



diogo_duarte

  • Multimilionário
  • d
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jun 2008
  • Localidade:
  • Mensagens:
    4055
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    659
em: 15 de Julho de 2010, 23:44
pelo gráfico dos últimos km's o rapior tem razão ;)



ExpertBoy

  • HighRoller
  • E
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jun 2006
  • Localidade:
  • Mensagens:
    8014
    Pts Tipsr:
    59
em: 16 de Julho de 2010, 00:07
O gráfico pouco interessa, o que interessa é o que é na realidade. E vi aquela subida no Paris Nice e posso garantir que só os últimos 400metros é que são planos.



cordonbleu

  • Rico
  • c
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jul 2006
  • Localidade: Maia
  • Mensagens:
    970
    Pts Tipsr:
    42
em: 16 de Julho de 2010, 00:13
A julgar por esta imagem, o ExpertBoy é que tem razão.




Forum de Apostas

Re: [Ciclismo] Tour de France - 12ª Etapa - 16 Julho 2010
« Responder #7 em: 16 de Julho de 2010, 00:13 »

ExpertBoy

  • HighRoller
  • E
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jun 2006
  • Localidade:
  • Mensagens:
    8014
    Pts Tipsr:
    59
em: 16 de Julho de 2010, 00:45
A julgar por esta imagem, o ExpertBoy é que tem razão.



Exacto, a chegada é essa. Normalmente quando falo é porque tenho a certeza, mas às vezes podiam ter mudado em relação ao Paris Nice.



Oxia

  • Sem Dívidas
  • O
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Mar 2010
  • Localidade:
  • Mensagens:
    394
    Pts Tipsr:
    7
em: 16 de Julho de 2010, 02:16
Uma ajuda --» Ultima passagem do Tour pela etapa de hoje

« Última modificação: 16 de Julho de 2010, 02:18 por Oxia »
If you can accept losing, you can't win.

Vince Lombardi



Ferraz87

  • Rico
  • F
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Dez 2007
  • Localidade:
  • Mensagens:
    988
    Pts Tipsr:
    491
em: 16 de Julho de 2010, 03:37
Volta a França

Étapa 12 – Frente a Frente, 11h00

Samuel Sanchez vs Joaquin Rodriguez

A étapa número 12 do Tour não deverá constituir um grande obstáculo aos pretendes à vitória no Tour se excluirmos a subida final com inclinações bastante acentuadas e que poderá gerar pequenas diferenças  , isto se os homens da frente decidirem acelarar a corrida. Samuel Sanchez têm estado a um nível bastante elevado neste Tour sendo o homem que quase consegue acompanhar o duo Schleck e Contador na frente e que já mostrou ser capaz de se adaptar na perfeição a este género de súbidas curtas e duras que exigem o desenvolvimento de uma elevada potência ao estilo das clássicas.
Já Joaquin Rodriguez não me parece um ciclista com tanta capacidade de explosão, certamente tentará a sua sorte mas por força da classificação que ocupa não terá carta verde para sair. No caso de não existirem mexidas no grupo da frente por força de uma eventual fuga este não é homem de  se preocupar muito com a sua colocação no grupo ao contrário de Samuel Sanchez que certamente estará bem perto  Contador e Andy Schleck , que acabam por adoptar sempre colocações na frente do grupo para evitar qualquer tipo de surpresas.

Samuel Sanchez 1.64@Betfair



Rotsen10

  • Magnata
  • R
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Mai 2009
  • Localidade: Porto
  • Mensagens:
    23305
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    1311
em: 16 de Julho de 2010, 05:17
Não terá Cunego pedalada para vencer o Evans?



sniperthebest

  • Magnata
  • s
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Fev 2010
  • Localidade:
  • Mensagens:
    18080
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    4632
em: 16 de Julho de 2010, 07:53
Ciclismo – Tour de France – 12ª Etapa
16 de Julho, 11h
12ª Etapa: Vinokourov vs Kloden
Pick: H2H: Vinokourov Unibet 1,62



A 12ªEtapa vai acrescentar um pouco de emoção ao Tour de France com uma etapa de média montanha que favorece os trepadores de média e alta montanha que tenham características de explosão como Vinokourov, Samuel Sanchez ou mesmo Gesink. A etapa termina com praticamente com uma contagem de segunda categoria  com 3 km e 10 por cento de inclinação média que pode fazer algumas diferenças entre os primeiros.
Alexander Vikourov é um cazaque que é uma das referências da equipa Astana, regressou à competição à cerca de um ano após 2 anos de suspensão por doping e neste ano, principalmente, tem limpo  sua imagem quer pela vitória na clássica Liége-Bastogne-Liége quer pelo sexto lugar no Giro. Eleque já venceu o Paris-Nice e outras clássicas e já atingiu o pódio em Paris.
Esta chegada é bem ao seu estilo pois pede um corredor com grande capacidade de ataque, com habilidade de explosão e com espírito de correr agressivo e essas sempre foram características fortes de Vinokourov que perante subidas mais longas com percentagens elevadas de inclinação tem dificuldades mas com montanhas mais curtas tem as características certas pois ataca com facilidade.
Andreas Kloden é um alemão que foi visto por muitos como o sucessor de Ullrich embora tenha sempre ficado aquém das expectativas. É um ciclista que se defende bem na alta montanha, mas sem carácter o agressivo e de mudanças de velocidade que a chegada da décima segunda etapa solicita, e é um bom especialista em contra-relógio, factores que lhe permitiram atingir por duas vezes a segunda posição no Tour.
Contudo os tempos áureos deste ciclista já passaram e a sua missão será essencialmente de proteger o seu líder Leipheimer e além disso a sua prestação nas anteriores montanhas não deixam prever grande desempenho hoje.
È assim de esperar que Vinokourov fique à frente de Kloden, quer pelo facto deste, o cazaque, ser melhor na média e alta montanha quer pelo facto do corredor da Astana ir ter mais liberdade táctica que Kloden. Para além de Vinokourov estarem melhor forma.
O que têm em comum Lionel Messi, Eddy Merckx, Michael Jordan e Sniperthebest? 3 TITLES IN A ROW!
VENCEDOR...LIGA SPORTINGBET + BET365 + FANTASTICWIN Futebol Dez. 2012



sniperthebest

  • Magnata
  • s
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Fev 2010
  • Localidade:
  • Mensagens:
    18080
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    4632
em: 16 de Julho de 2010, 08:26
Ciclismo – Tour de France – 12ª Etapa
16 de Julho, 11h
12ª Etapa: Damian Cunego vs Sylvain Chavanel (H2H)
Pick: H2H: Damian Cunego Betclic 1,50



A 12ª Etapa vai ter apresentar um perfil de média montanha com uma chegada praticamente em alto – uma contagem de montanha de segunda categoria com 3 km de extensão e com 10,5% e 10,9% nos últimos dois km – rampas muito duras que favorecem ciclistas explosivos. A etapa vai ser um autêntico sobe e desce com 3 contagens de montanha de terceira categoria e duas de segunda categoria.
Damian Cunego é um ciclista italiano que tem sido uma promessa adiada nas grandes voltas embora já tenha alcançado um feito ao alcance de muitos – venceu o Giro de Itália em 2004 e 4 clássicas de topo mundial: Giro da Lombardia em 2004,2007 e 2008 e a holandesa Amstel Gold Race em 2008.
Realmente Cunego nos últimos tem-se revelado um especialista em clássicas e a etapa de hoje é uma típica etapa de clássica com montanhas curtas mas com rampas de grande percentagem de elevação, sendo um corredor que é explosivo e que gosta de atacar, embora às vezes pague isso mais tarde em montanhas de maior extensão, este tipo de chegas favorecem-lhe o estilo.
As últimas etapas importantes para a Geral têm dado bons indicadores, quer pelo facto de ter subido na Geral quer pelo facto de estar bem interessado pela luta pela montanha.
Sylvain Chavanel é um ciclista francês com 31 anos, de grande qualidade que para além de ter ganho várias vezes os 4 dias de Dunquerque e a volta à Bélgica em 2004, tem como maiores feitos ter sido campeão de França de fundo e de contra-relógio e mais recentemente em 2008 ter vencido uma etapa do Tour, Paris-Nice e volta à Catalunha, para além de ter vencido o prémio da combatividade no Tour de France em 2008.
No Tour deste ano Chavanel mostrou a sua combatividade ao vencer duas etapas e ao andar vestido de amarelo mas ao primeiro percalço, queda, foi-se abaixo e não a defendeu da melhor maneira a amarela. Nas etapas de montanha tem mostrado alguma descompressão e tem ficado em grupetos mais recuados em relação àqueles que lutam pela Geral. È um ciclista de etapas planas e pequena média montanha, mas esta etapa parece ser muito complicada para um ciclista que andou muito tempo em solitário na primeira semana e que tem na montanha final, uma chegada demasiada agressiva para as suas características.
Tendo em conta que Cunego parece mais fresco e em melhor forma que Chavanel parece certo que o italiano vai ficar à frente do francês nesta etapa. Além disso Cuneo tem muita experiência neste tipo de chegadas, e com bons resultados, dado ser um especialista em clássicas e depois as características da montanha final são ao seu jeito com extensão curta e rampas agressivas.
O que têm em comum Lionel Messi, Eddy Merckx, Michael Jordan e Sniperthebest? 3 TITLES IN A ROW!
VENCEDOR...LIGA SPORTINGBET + BET365 + FANTASTICWIN Futebol Dez. 2012



sniperthebest

  • Magnata
  • s
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Fev 2010
  • Localidade:
  • Mensagens:
    18080
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    4632
em: 16 de Julho de 2010, 08:54
Ciclismo – Tour de France – 12ª Etapa
16 de Julho, 11h
12ª Etapa: Alberto Contador vs Andy Schleck(H2H)
Pick: H2H: Andy Schleck Betfair 2,22



          A decima segunda etapa da volta à França acaba praticamente ao alto e será uma etapa propícia a alguns ataques dos principais ciclistas da Geral. A etapa não sendo de alta montanha tem 5 contagens de montanha e uma montanha final de 3 km com percentagem média de declive acima de 10%. Não haverá grandes diferenças, mas poderá haver algumas.
   Alberto Contador é o que se pode dizer o número um mundial pois venceu a volta à França em 2007 e 2008 e o Giro e a Vuelta em 2008, pois foi privado de correr o Tour. Foi o primeiro ciclista desde Marco  Pantani, em 2008, a vencer duas grandes voltas no mesmo ano. Também já venceu o Paris-Nice por duas vezes.
   Alberto Contador é um ciclista completo: faz bons contra-relógios e na montanha é provavelmente o melhor trepador do mundo com grande capacidade de mudanças de velocidade e poder de explosão – os “puxões” que faz costumam ser demasiado fortes para os seus rivais “cavando” grandes diferenças.
   Contudo o Contador deste ano parece vulnerável e fraco momento de forma, não estando ao nível de edições anteriores. Viu-se isso na etapa de Ramaz quando o seu colega abriu para o lado na última montanha seria de esperar o seu ataque coisa que não aconteceu e esse sinal de fraqueza foi aproveitado por Schleck para ganhar vantagem perante ele. Contador já tinha dado sinal de fraqueza no Critério D.Liberé quando na etapa de montanha decisiva não conseguiu descolar do camisola amarela, Brakovic – Brakovic respondeu aos inúmeros ataques do espanhol com relativa facilidade.
   Andy Schleck, luxemburguês com 25 anos, é um dos mais fortes candidatos a vencer o Tour este ano e conta no seu palmarés com um segundo lugar no Giro em 2007, várias vitórias em competições nacionais do seu país, vitória na clássica de Liège e segundos lugares no Tour e na clássica Flèche Wallonne.
   Andy Schleck é muito forte na montanha sendo um trepador nato, capaz de mudanças de velocidade e de “arranques” nas altas montanhas, consegue imprimir um alto ritmo em subidas com grande percentagem de inclinação como hoje. Na etapa de Ramaz foi sem dúvida mais forte e deu a entender que é o trepador mais forte em competição, não só deixou Contador para trás como venceu a etapa – na etapa do Col de Madeleine não se coibiu de dar esticões que só Contador conseguiu acompanhar.
    A.Schleck deve ficar à frente nesta etapa pois apresenta-se em melhor forma que o espanhol, tem a moral e confiança em alta pela vitória na lata montanha e pelo facto de ser  o camisola amarela e além disso é um ciclista que está acostumado a fazer bons resultados em clássicas onde é comum rampas curtas e agressivas, Andy dá-se muito bem com rampas agressivas.
O que têm em comum Lionel Messi, Eddy Merckx, Michael Jordan e Sniperthebest? 3 TITLES IN A ROW!
VENCEDOR...LIGA SPORTINGBET + BET365 + FANTASTICWIN Futebol Dez. 2012




 


Casas de Apostas: bet pt / Betclic / ESC Online / Nossa Aposta / Casino Portugal

Rede Apostaganha: Apostas e Prognósticos / Palpites e Dicas de Apostas / Pronósticos de Apuestas / Betting Tips and Predictions / Melhores Cassinos Online Brasil / Mejores Casinos Online de América Latina