Autor Tópico: Dados e Homens, Teoria das Probabilidades, Lei dos Grandes Números.  (Lida 1858 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Dunadan

  • Magnata
  • D
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2005
  • Localidade: Lisboa
  • Mensagens:
    218230
  • Nacionalidade: 00
  • Pts Tipsr:
    359
Com um simples computador de escritório e o seu próprio software, o animador cinematográfico John Weldon criou esta brilhante, humorística e empolgante visão dum tema geralmente mal compreendido, a teoria das probabilidades. Vítima de um acidente, o Sr. Talvez acorda num hospital. A assisti-lo, encontra-se o Dr. Fortuna. Enquanto o Sr. Talvez teme pela sua vida, o Dr. Fortuna debita estatísticas e disserta sem parar sobre o "acaso", a "incerteza", a teoria das probabilidades e a lei dos grandes números.

[youtube=480,385]<object width="480" height="385"><param name="movie" value="http://www.youtube.com/v/pn8cpVEe00A&amp;hl=en_GB&amp;fs=1"></param><param name="allowFullScreen" value="true"></param><param name="allowscriptaccess" value="always"></param><embed src="http://www.youtube.com/v/pn8cpVEe00A&amp;hl=en_GB&amp;fs=1" type="application/x-shockwave-flash" allowscriptaccess="always" allowfullscreen="true" width="480" height="385"></embed></object>[/youtube]



Entre as várias aplicações da teoria das probabilidades, temos a indústria dos Seguros (actuários), a medicina ou os casinos e as casas de apostas, por exemplo. ;)

[youtube=480,385]<object width="480eight="385"><param name="movie" value="http://www.youtube.com/v/rBc5Sp9q6xo&amp;hl=en_GB&amp;fs=1"></param><param name="allowFullScreen" value="true"></param><param name="allowscriptaccess" value="always"></param><embed src="http://www.youtube.com/v/rBc5Sp9q6xo&amp;hl=en_GB&amp;fs=1" type="application/x-shockwave-flash" allowscriptaccess="always" allowfullscreen="true" width="480" height="385"></embed></object>[/youtube]



ludlow_man

  • Bilionário
  • l
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Mar 2006
  • Localidade:
  • Mensagens:
    2142
    Pts Tipsr:
    168
Duna és grande  :venia:

este é o melhor post deste forum nos ultimos meses  :venia:

Para quem não percebeu a velha ideia que Duna vem defendendo aqui no forum das grandes amostras, aqui vem tudo "tim-tim por tim-tim"

para quem ve o "punting" como investimento aqui está o porque de procurar o valor nas odd, a longo prazo a sorte passa para segundo plano.



rapior

  • Multimilionário
  • r
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jun 2006
  • Localidade:
  • Mensagens:
    6591
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    1727
Já agora esclarece-me uma dúvida.

Ultimamente tens falado bastante da distribuição binomial. Usas para determinar quantas apostas irás acertar num determinado número de apostas realizadas?! Presumo que consideres que cada aposta tem dois resultados possíveis: certo e errada, e que consideras que a probabilidade de acertar é constante independentemente da aposta? Se for esse o caso como determinas essa probabilidade? Usas uma amostra e utilizas essa percentagem de acerto? Além disso calculas essas percentagens de acerto para diferentes intervalos de odds?

Obrigado.
"O insucesso é apenas uma oportunidade para começar de novo com mais inteligência."



Forum de Apostas

Re: Dados e Homens, Teoria das Probabilidades, Lei dos Grandes Números.
« Responder #2 em: 02 de Julho de 2010, 21:35 »

cardozo7

  • Sem Dívidas
  • c
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Mar 2010
  • Localidade:
  • Mensagens:
    404
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    4
sou novo nisto será que me podem explicar como vem a percentagem de possibilidades a olhar para uma odd?
Obrigado



ludlow_man

  • Bilionário
  • l
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Mar 2006
  • Localidade:
  • Mensagens:
    2142
    Pts Tipsr:
    168
sou novo nisto será que me podem explicar como vem a percentagem de possibilidades a olhar para uma odd?
Obrigado

assim derrepente:

%=(1/odd)*100

ex: odd de 2.12

%=(1/2.12)*100
%= 47.2



Dunadan

  • Magnata
  • D
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2005
  • Localidade: Lisboa
  • Mensagens:
    218230
  • Nacionalidade: 00
  • Pts Tipsr:
    359
Já agora esclarece-me uma dúvida.

Ultimamente tens falado bastante da distribuição binomial. Usas para determinar quantas apostas irás acertar num determinado número de apostas realizadas?!

Não o faço, mas acho que pode servir para isso. A primeira vez que ouvi falar disso foi na Pregame e a pessoa que falou disso estava a chamar à atenção para os restantes utilizadores que o desconhecimento por parte deles da função de distribuição binomial era de tal maneira gritante que as suposições que teciam só podiam ter origem em alguém com delírios de grandeza ou bastante ignorante.

Lá fora, especialmente nos EUA, uma das tácticas de marketing, publicidade e vendas mais usada é a divulgação e a insistência nas hot streaks. L10 9-1, L20 17-3 ou L6 6-0 são exemplos claros. O problema é que como bem sabes por experiência própria no póquer, o acaso pode no curto prazo ter um peso muito grande nas cartas que saem em cada jogo, ou no caso das apostas em desporto, pode pesar sobre a forma de MÁ SORTE ou BOA SORTE.


A distribuição binomial é uma função de distribuição de probabilidades e é usada para, por exemplo, numa inferência bayesiana determinar as probabilidades de acerto de alguém que tenha em duas mil apostas, uma percentagem de acerto a rondar os 54% em odds de 1,91...

Se alguém aposta em odds de 1,91 como faz muita gente na NBA por exemplo, a distribuição binomial servirá de indicador de quantas apostas esse alguém vai ganhar ou perder em função da sua taxa de acerto, que nos desportos americanos facilmente se converte em vantagem...


Este artigo exemplifica isto muito bem: http://www.professionalgambler.com/binomial.html


Todavia, pelo que tenho visto da análise de registos é que também serve para prever uma variância, pois se estás a acertar mais do que deverias, é certo e sabido que vais corrigir no futuro. O mesmo acontece para quem esteja a atravessar um período bem negro.

Mas também pode acontecer a alguém com enorme volume de apostas anual, tipo seis mil apostas anuais, passar seis meses a trabalhar para aquecer, não ganhando nem perdendo, já me contaram um caso desses. :bom:

Voltando ao exemplo das hot streaks, as mesmas para continuarem ou sucederem-se em elevado ritmo têm poucas probabilidades de se repetirem ou de prosseguirem, pois de certa maneira, a distribuição binomial isso mesmo nos indica. É daquelas coisas da vida que por mais que um tipo tente dar a volta, se fazem sentir presentes.

No caso das apostas, eu conheço um moço que volta e meia tem grandes momentos na NBA, com 2 ou 3 ou mesmo 4 dias seguidos a ganhar, como também alterna 2 ou 3 dias muito maus... Ainda assim o ROI dele na NBA e na MLB (neste desporto é só apenas até meio de Agosto) são bem acima dos 5%... ;)


Presumo que consideres que cada aposta tem dois resultados possíveis: certo e errada, e que consideras que a probabilidade de acertar é constante independentemente da aposta?

Para efeitos da distribuição binomial, creio que é assim que funciona. Mas cada aposta tem a sua própria margem de valor, mas ambos os conceitos não se excluem, como é óbvio. ;)


Se for esse o caso como determinas essa probabilidade? Usas uma amostra e utilizas essa percentagem de acerto? Além disso calculas essas percentagens de acerto para diferentes intervalos de odds?

Obrigado.


A distribuição binomial serve para em conjunto com o FACTOR SORTE teres uma ideia de em função do que te resta numa campanha, tu em função do que costumas acertar, ou da Vantagem que possuis, preveres no curto, no médio e no longo prazo, quanto poderás ganhar no futuro.


Já as apostas propriamente ditas, a distribuição binomial não é aplicada. O que aplicas é a tua avaliação das odds, e vais sempre procurar odds sobrevalorizadas para apostar a favor ou odds subvalorizadas para apostares contra, procurando sempre a Vantagem a teu favor.

A distribuição binomial serve é para teres uma ideia mais ou menos quantos acertos poderás ter em cada 20 ou 50 ou 100 apostas, por exemplo. ;)

Mas uma vez que as tuas questões são pertinentes, eu vou apresentá-las ao mestre para perceber se aprendi bem a lição ou se estou a meter a pata na poça em algum lugar. :bom:



rapior

  • Multimilionário
  • r
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jun 2006
  • Localidade:
  • Mensagens:
    6591
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    1727
Obrigado pelo esclarecimento.

O que disseste vai mais ou menos ao encontro do que eu pensava. Não tinha era reparado no pormenor da variância mas realmente será útil para quem aposta regularmente durante a época por exemplo da NBA e MLB, dar uma indicação sobre quando se deve parar de apostar.

Irei ler o artigo com mais atenção.

"O insucesso é apenas uma oportunidade para começar de novo com mais inteligência."



Roberto Silva

  • Magnata
  • R
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Dez 2008
  • Localidade: Leiria/Madeira
  • Mensagens:
    16461
    Pts Tipsr:
    84
Estou a gostar bastante deste tópico, é favor continuarem com ele. :bom: Já está nos meus favoritos. :bom:


Uncle. :cool:



Forum de Apostas

Re: Dados e Homens, Teoria das Probabilidades, Lei dos Grandes Números.
« Responder #7 em: 02 de Julho de 2010, 23:00 »

Dunadan

  • Magnata
  • D
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2005
  • Localidade: Lisboa
  • Mensagens:
    218230
  • Nacionalidade: 00
  • Pts Tipsr:
    359
Obrigado pelo esclarecimento.

O que disseste vai mais ou menos ao encontro do que eu pensava. Não tinha era reparado no pormenor da variância mas realmente será útil para quem aposta regularmente durante a época por exemplo da NBA e MLB, dar uma indicação sobre quando se deve parar de apostar.

Irei ler o artigo com mais atenção.




Isso do quando se deve parar de apostar é muito, muito relativo. O mais fácil mesmo é estabelecer um tecto que possa ser atingido em caso de estares a acertar mais do que devias e depois parares...

Por exemplo, há moços que têm periodos mais longos sem acertar ou a perder e depois têm periodos longos a ganhar... Outros são com sequências mais curtas. Agora, se souberes determinar o FACTOR SORTE... ;)

Voltando a um caso que conheço razoavelmente bem, no ano passado na MLB, ele atingiu o pico a meio de Agosto e depois foi sempre a perder por aí abaixo. Daí que ache que este ano, após o 15 de Agosto, o melhor é ele próprio parar ou começar de novo com token bets apenas. Já na NBA, teve alguma sorte na minha opinião na primeira ronda dos PO e acabou por chegar a atingir +18 unidades ganhas nos PO e +73 no total da temporada. Depois veio por aí abaixo nas finais de conferência e nas NBA FINALS e curiosamente, em exactamente 100 apostas nos PO, ganhou 57. Já na fase regular, teve salvo erro mais de 700 apostas e se juntarmos as que fez em ML em vez dos pointspreads nos dogs até aos +2,5 e a sua percentagem de acerto chegaria aos 57,5% ou 57% com perto de 800 apostas...

Já um outro moço, que anda nisto há mais tempo, no seu primeiro ano, teve dois maus períodos na mesma temporada e acabou por fechar tanto a temporada regular em grande, como continuou a matar nos PO... ;) Mas no ano seguinte, ficou muito aquém do esperado, mas este ano já voltou a andar ali perto do que fez no seu primeiro ano como profissional, mas mais uma vez, os maus períodos que teve, foram mais curtos e em tempos diferentes dos registados nas temporadas anteriores...

Mas as causas dos mesmos, não se explicam apenas com distribuição binomial ou o FACTOR SORTE... O FACTOR MENTAL também é muito importante. :bom:


Por exemplo, o meu mentor teve uma temporada em que teve a mais baixa Vantagem de sempre, ou seja, o seu ROI foi bastante inferior ao esperado, tendo em conta as temporadas anteriores, só que por outro lado, a diferença entre o ROI esperado e o ROI efectivo ou real foi apenas de 0,8%!!! Foi a temporada mais sharp que alguma vez teve!!!

Curiosamente, o intervalo de 2% para determinar se somos sharp ou não nas apostas em caso de termos Vantagem tem como base o erro de amostragem... Quanto maior for uma amostra, menor o erro de amostragem, certo? Ora se numa amostra de 100 picks, o erro é de 10%, já numa amostra de 400 picks, o erro baixa para apenas 3%. E numa amostra de um milhar de apostas, o erro ronda os 3%. Já numa grande amostra de dez mil apostas, o erro é de 1%. Para quem arrisque entre 6000 e 7000 apostas por ano, o erro deverá andar à volta dos 2%, se não for mesmo menos.


Usando uma a uma as ferramentas que as probabilidades nos dão, aplicando apenas as que têm aplicação correcta nas apostas e podemos criar metodologias inteligentes que potenciem os nossos ganhos e reduzam as nossas perdas. :cool:


No que ao FACTOR MENTAL diz respeito, como ele sempre usou estas ferramentas e metodologias quando passou a apostar profissionalmente, nunca duvidou do seu valor nem perdeu alguma vez confiança no seu trabalho. Mas estamos a falar de alguém com um perfil psicológico bastante peculiar. ;)
« Última modificação: 02 de Julho de 2010, 23:14 por Dunadan »




 


Casas de Apostas: bet pt / Betclic / ESC Online / Nossa Aposta / Casino Portugal

Rede Apostaganha: Apostas / Palpites e Dicas de Apostas / Pronósticos de Apuestas / Betting Tips and Predictions