Autor Tópico: Tragédia no Rio de Janeiro  (Lida 395 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Rodrigo Cesar

  • Administrador
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Ago 2008
  • Localidade: São Paulo - Brasil
  • Mensagens:
    39310
  • Nacionalidade: br
  • Pts Tipsr:
    5233
em: 07 de Abril de 2010, 21:53
Como muitos de vocês já vieram, ou um dia virão ao Brasil e inclusive ao Rio, fica aqui a noticia, caso não saibam, da tragédia que acometeu a cidade em razão das chuvas!

Até o momento 119 mortos, mas muitos ainda estão desaparecidos e devem, infelizmentem, entrar nesta contagem macabra.


Citar
Rio procura vítimas e responsáveis pela tragédia que deixou 113 mortos


Rio de Janeiro, 7 abr (EFE).- O Rio de Janeiro amanheceu hoje procurando os 60 desaparecidos deixados pelas chuvas e pelos deslizamentos que resultaram até agora em 113 mortos no estado e se pergunta onde está o plano de contingência prometido por diferentes autoridades há mais de quatro décadas.

Enquanto a cidade do Rio e sua área metropolitana tentam voltar à normalidade após o caos vivido nesta terça-feira, quando a região ficou paralisada por um aguaceiro de mais de 24 horas, os bombeiros e outras equipes de emergência escavam a terra desprendida das encostas em busca dos desaparecidos nas avalanches.

A cidade mais afetada pela catástrofe foi Niterói, situada frente ao Rio de Janeiro, na boca da baía de Guanabara, e onde o número de mortos chegou hoje a 54, segundo os números oficiais.

No próprio Rio foram registradas 43 mortes, e outras 12 na cidade vizinha de São Gonçalo e em Nilópolis, Engenheiro Paulo de Frontin, Magé e Petrópolis.

O prefeito de Niterói, Jorge Roberto da Silveira, declarou estado de calamidade pública e luto oficial de uma semana. Ele calcula que a Prefeitura necessitará de 15 milhões de reais para realojar as 2.025 pessoas que perderam suas casas.

"Onde está o plano de emergência?", questionam hoje os principais meios de comunicação, ao se referir à falta de preparo das autoridades para fazer frente a uma tragédia que se repete periodicamente, ultimamente com mais frequência.

Apesar da quantidade de chuva que caiu no estado do Rio de Janeiro entre a segunda e a terça-feira ter sido o dobro do esperado para todo o mês de abril, as mortes por deslizamentos de terras em bairros pobres quando há chuvas fortes não são uma novidade.

O governador Sérgio Cabral afirma que a gravidade da tragédia se deve a força da tempestade, que superou as enchentes que castigaram o estado em 1966, 1988 e em 1998, quando também foram registrados grande número de mortes devido as precipitações.

Cabral, que governa o Rio há três anos, atribuiu a tragédia aos Governos anteriores que permitiram o crescimento das favelas em áreas montanhosas consideradas de risco.

Apesar dos antecedentes, o Rio de Janeiro, uma cidade espremida entre o mar e as montanhas e em onde a água da chuva corre com força pelas encostas, não conta com um plano de contingência para este tipo de caso nem com uma política de realocação das casas que estão em áreas de risco.

"Os administradores públicos têm que levar em conta que não é possível permitir que as pessoas ocupem áreas inadequadas para viver. É preciso revisar isso", disse o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, ao atribuir também a responsabilidade a seus antecessores.

Dos 646,6 milhões de reais que o Governo nacional distribuiu ano passado para municípios com programas de prevenção contra desastres, o estado do Rio de Janeiro só recebeu 1%.

A maioria dos recursos foram destinados à Bahia, sem problemas tão graves com as chuvas, mas onde Geddel Vieira Lima, ministro de Integração Nacional até semana passada, tem um eleitorado forte.

O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, que também atribuiu a responsabilidade a administrações anteriores que permitiram o crescimento das favelas nas encostas, só realocou 800 famílias que vivem em áreas de risco desde que assumiu o governo há 15 meses.

Como sempre, a maioria das vítimas desta nova tragédia são precisamente os habitantes das favelas construídas em zonas montanhosas consideradas de risco.

Apesar da chuva ter dado uma trégua na manhã de hoje e o sol ter voltado a aparecer por momentos em algumas partes da cidade, Paes alertou que ainda há riscos de novos deslizamentos.

Os meteorologistas prevêem que as precipitações continuem até quinta-feira, embora já não com a intensidade de segunda.

O Rio começou a voltar hoje a normalidade. O transporte público operava sem problemas e o comércio e escritórios voltaram a funcionar.

A água que cobria parcial ou totalmente as ruas e dificultava a circulação dos veículos desapareceu e só ficaram algumas poças, apesar de algumas vias permanecerem bloqueadas.

Segundo o último boletim da Defesa Civil, além de haver resgatado 113 mortos e atendido 104 feridos, as equipes de emergência conseguiram salvar com vida 135 pessoas.

Fonte: Globo.com

Além das mortes, milhares de familias perderam tudo, e a cidade está arrasada em algumas de suas partes.
The wisdom of the fool won't set you free

http://www.apostaganhabr.com/



Bruno Coutinho

  • Administrador
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2005
  • Localidade: Lisboa
  • Mensagens:
    227167
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    108
em: 07 de Abril de 2010, 21:56
Rodrigo já não haviam alertas? tinha lido que só nos morros havia perigo para as pessoas que a residiam...



Rodrigo Cesar

  • Administrador
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Ago 2008
  • Localidade: São Paulo - Brasil
  • Mensagens:
    39310
  • Nacionalidade: br
  • Pts Tipsr:
    5233
em: 07 de Abril de 2010, 22:00
Rodrigo já não haviam alertas? tinha lido que só nos morros havia perigo para as pessoas que a residiam...

Havia Bruno, mas o volume de agua foi grande (tenha idéia que tudo isso foi em um dia de chuva, mais ou menos numa tarde). Pegou todo mundo de surpresa. E até mesmo em regiões que em tese não seriam afetadas.

Aulas estão canceladas, o governo mandou as pessoas não sairem de casa. A cidade está em petição de miséria. Arrasada pela agua.
The wisdom of the fool won't set you free

http://www.apostaganhabr.com/



Forum de Apostas

Re: Tragédia no Rio de Janeiro
« Responder #2 em: 07 de Abril de 2010, 22:00 »

Rodrigo Cesar

  • Administrador
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Ago 2008
  • Localidade: São Paulo - Brasil
  • Mensagens:
    39310
  • Nacionalidade: br
  • Pts Tipsr:
    5233
em: 07 de Abril de 2010, 22:00
133 mortos!
The wisdom of the fool won't set you free

http://www.apostaganhabr.com/



Bruno Coutinho

  • Administrador
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2005
  • Localidade: Lisboa
  • Mensagens:
    227167
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    108
em: 07 de Abril de 2010, 22:02
Porra :s



Dunadan

  • Magnata
  • D
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2005
  • Localidade: Lisboa
  • Mensagens:
    218230
  • Nacionalidade: 00
  • Pts Tipsr:
    359
em: 07 de Abril de 2010, 22:18
O que aconteceu ao Rio de Janeiro foi semelhante ao que aconteceu na Madeira.


A natureza humana é fudida... Muito gostamos nós daquilo que nos pode matar...


Leia-se, dinheiro e o que ele pode comprar, por exemplo. ;)



BrunoAlex

  • Magnata
  • B
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Abr 2007
  • Localidade: Coimbra
  • Mensagens:
    50551
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    2500
em: 07 de Abril de 2010, 22:21
O ambiente e as condições meteorológicas estão cada vez mais instáveis e imprevisíveis...

Coisas destas têm sido às dezenas... :s
QUERES CONHECER O PROJECTO MAIS REVOLUCIONADOR ALGUMA VEZ CONHECIDO NO MUNDO DAS APOSTAS?

:cool: www.betarena.com :cool:



PAC1977

  • Magnata
  • P
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jan 2009
  • Localidade: Madeira - Funchal
  • Mensagens:
    16784
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    336
em: 07 de Abril de 2010, 22:46
Pois, nós estamos a pagar a factura do que andamos a fazer este anos todos, não há coisa mais perfeira do que a Natureza, e o que nós tiramos ela vai buscar é o ciclo eterno da Natureza.
Já agora aonde esta DEUS, deve ter ido de férias :incredulo:



Forum de Apostas

Re: Tragédia no Rio de Janeiro
« Responder #7 em: 07 de Abril de 2010, 22:46 »

Dunadan

  • Magnata
  • D
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2005
  • Localidade: Lisboa
  • Mensagens:
    218230
  • Nacionalidade: 00
  • Pts Tipsr:
    359
em: 07 de Abril de 2010, 22:55
Mas onde é que Deus é para aqui chamado?


O Aquecimento Global e as alterações climatéricas é tudo treta...


Quando sabes onde ficam os leitos de cheia e os sítios onde há maior probabilidades de haver acidentes e mesmo assim, licencias construção, querias o quê?


Sabes que o sal te faz mal, mas insistes até em salgar a salada, queres o quê?


Que Deus te salve de todas as besteiras que tens feito na vida?


Terra até ao momento só há uma e se não pensarmos nela como uma frágil nave espacial "perdida" no espaço e que temos de a estimar, pois não há outra (e mesmo que houvesse, não temos meios de sair destar para ir para outra), talvez as coisas mudem de figura... Mas para isso é preciso que todos nós tomemos consciência dessa fragilidade e da necessidade de preservar o pouco que ainda há.


E depois, de não insistir nos mesmos erros... Quem desconhece a história, está condenado a repeti-la.



Élio

  • Multimilionário
  • ?
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Dez 2007
  • Localidade: Pinhal Novo
  • Mensagens:
    5849
    Pts Tipsr:
    267
em: 08 de Abril de 2010, 12:25
Em relação a esta tragédia houve quem conseguisse safar-se e aproveitar  :tapado: :tapado:

Cada vez se vê mais tipsters à procura dos respectivos pontos do que dos lucros :tapado: :tapado:



3monkeys

  • Bilionário
  • ?
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jan 2010
  • Localidade:
  • Mensagens:
    2173
    Pts Tipsr:
    24
em: 08 de Abril de 2010, 15:09
...queres o quê?

Que Deus te salve de todas as besteiras que tens feito na vida?

Bem visto  :parabens:




 


Casas de Apostas: bet pt / Betclic / ESC Online / Nossa Aposta / Casino Portugal

Rede Apostaganha: Apostas e Prognósticos / Palpites e Dicas de Apostas / Pronósticos de Apuestas / Betting Tips and Predictions / Melhores Cassinos Online Brasil / Mejores Casinos Online de América Latina