Autor Tópico: Doação de sangue - uma forma diferente de solidariedade  (Lida 15503 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

mackies

  • Multimilionário
  • m
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Out 2006
  • Localidade: Coimbra
  • Mensagens:
    6809
    Pts Tipsr:
    202
em: 25 de Maio de 2007, 00:37
Nao és de coimbra e conheces melhor coimbra que eu..
Tenho que me informar entao
Curiosidade: és de onde? =)




Breda

  • Bilionário
  • B
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jan 2006
  • Localidade: Mealhada
  • Mensagens:
    3655
    Pts Tipsr:
    13
em: 25 de Maio de 2007, 01:44
Ele disse num topico qualquer que era das Caldas... onde fazem aquelas coisas jeitosas :lol:



miguelyn

  • Administrador
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Nov 2005
  • Localidade: Lamego
  • Mensagens:
    63840
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    1579
em: 25 de Maio de 2007, 01:48
Ele disse num topico qualquer que era das Caldas... onde fazem aquelas coisas jeitosas :lol:

Tais como... :mrgreeen:

manguitos :oops:
:roll:



Forum de Apostas

Re: Doação de sangue - uma forma diferente de solidariedade
« Responder #17 em: 25 de Maio de 2007, 01:48 »

Sandra

  • Iniciado
  • S
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Dez 2009
  • Localidade:
  • Mensagens:
    1
    Pts Tipsr:
    0
em: 24 de Dezembro de 2009, 00:52
Boa Noite!

Sou doadora de medula ossea! Gostava de doar sanguem tambem pois sou O-, o que geralmente é mais utilizado pois todos recebem! mas nao tenho peso... peso 45Kg mas para a minha estatura ( 1,55m ) penso que esteja dentro da media...

Ja agora, ja li em muitos sitios que doadores de sanguem tem vantagem como "Isenção das taxas moderadores nos hospitais e centros de saúde", e doadores de medula ñ??

Mas tambem nao é importante, nao me inscrivi por vantagens, mas sim porque sempre foi uma coisa que quis fazer



Bruno Coutinho

  • Administrador
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2005
  • Localidade: Lisboa
  • Mensagens:
    226885
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    108
em: 24 de Dezembro de 2009, 00:53
 :venia: :venia: :venia:



Guilherme

  • Multimilionário
  • G
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Out 2006
  • Localidade: Lisboa
  • Mensagens:
    5615
    Pts Tipsr:
    190
em: 24 de Dezembro de 2009, 01:08
Boa Noite!

Sou doadora de medula ossea! Gostava de doar sanguem tambem pois sou O-, o que geralmente é mais utilizado pois todos recebem! mas nao tenho peso... peso 45Kg mas para a minha estatura ( 1,55m ) penso que esteja dentro da media...

Ja agora, ja li em muitos sitios que doadores de sanguem tem vantagem como "Isenção das taxas moderadores nos hospitais e centros de saúde", e doadores de medula ñ??

Mas tambem nao é importante, nao me inscrivi por vantagens, mas sim porque sempre foi uma coisa que quis fazer


Olá e benvinda ;)

Sim, ao seres dadora de sangue tens isenção de taxas moderadoras e outras vantagens...que não sei especificar.

Só para teres ideia sou dador já há alguns anos e infelizmente já precisei de ir a hospitais algumas vezes e nunca me lembrei da isenção das taxas, de mostrar o cartão de dador e sempre paguei :lolada: O outro dia é que me lembrei das dezenas de euros que poderia ter poupado.

Mas é como dizes, eu não sou dador para ter vantagens, ou melhor a única vantagem que tenho e quero é saber que estou a ajudar alguém.  :)

since 2005



emef11

  • Magnata
  • e
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jul 2007
  • Localidade: Alhos Vedros - Moita
  • Mensagens:
    17686
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    246
em: 24 de Dezembro de 2009, 09:10
kenny,

O cartão de dador só por si, não te garante isenção de taxas moderadores no serviço nacional de saúde.

Para usufruires de tal isenção tens de fazer 2 dádivas por ano (excepto se por motivos de saúde, ou outros motivos especiais estiveres impedido de doar sangue) e no Centro de saúde associares a insenção ao teu cartão de saúde.

Quanto a outros beneficios os que conheço sâo:
- Acesso a parque de estacionamento para dadores de sangue (para fazer a colheita)
- Acesso a visitas a pessoas doentes fora dos horários habituais de visitas.
- Entrega de diplomas ou Medalhas de acordo com o nº de dádivas.

Também sou doador de medula óssea (fui, pois a idade limite são os 45 anos e eu já os vejo lá muito atrás) e não conheço nenhuma isenção ou outra, a não ser, o facto de como ser humano, poder salvar outra vida e essa para mim, ser dos maiores beneficios que se possa ter.
« Última modificação: 24 de Dezembro de 2009, 09:12 por José Pedro »



XavierCosta

  • HighRoller
  • X
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jan 2006
  • Localidade: Tomar
  • Mensagens:
    10401
    Pts Tipsr:
    152
em: 24 de Dezembro de 2009, 10:58
o facto de como ser humano, poder salvar outra vida e essa para mim, ser dos maiores beneficios que se possa ter.

Ora nem mais...!
Em pleno "mundo moderno" alguém que preencha os requisitos, não ser dador de medula óssea...é de um egoísmo assustador!!
I am the master of my faith...I am the captain of my soul



Forum de Apostas

Re: Doação de sangue - uma forma diferente de solidariedade
« Responder #22 em: 24 de Dezembro de 2009, 10:58 »

miguelyn

  • Administrador
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Nov 2005
  • Localidade: Lamego
  • Mensagens:
    63840
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    1579
em: 26 de Dezembro de 2009, 15:24
Aproveito para actualizar a minha 22ª doação, efectuada no dia 17 :P

E o post do José Pedro é importantíssimo.
kenny,

O cartão de dador só por si, não te garante isenção de taxas moderadores no serviço nacional de saúde.

Para usufruires de tal isenção tens de fazer 2 dádivas por ano (excepto se por motivos de saúde, ou outros motivos especiais estiveres impedido de doar sangue) e no Centro de saúde associares a insenção ao teu cartão de saúde.

Quanto a outros beneficios os que conheço sâo:
- Acesso a parque de estacionamento para dadores de sangue (para fazer a colheita)
- Acesso a visitas a pessoas doentes fora dos horários habituais de visitas.
- Entrega de diplomas ou Medalhas de acordo com o nº de dádivas.

Também sou doador de medula óssea (fui, pois a idade limite são os 45 anos e eu já os vejo lá muito atrás) e não conheço nenhuma isenção ou outra, a não ser, o facto de como ser humano, poder salvar outra vida e essa para mim, ser dos maiores beneficios que se possa ter.

Ressalvo a parte a bold, porque sem essa associação não têm direito aos benefícios ;)
:roll:



miguelyn

  • Administrador
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Nov 2005
  • Localidade: Lamego
  • Mensagens:
    63840
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    1579
em: 01 de Julho de 2011, 00:51
Ó pessoal do outro lado do Atlêntico. Com uma patrocinadora destas já não há desculpa :lol:

Citação de: greensavers
Gisele Bündchen em campanha para doação de sangue
Publicado em 30 de June de 2011. Tags: Brasil, cidadania, Gisele Bundchen

Além de abraçar causas ambientais, Gisele Bündchen aderiu agora à iniciativa “5porcento”, que pretende aumentar o número de doadores de sangue no Brasil.
Actualmente, apenas 2% dos brasileiros doa sangue, num país onde, a cada dois minutos, há necessidade de uma transfusão de sangue. A Organização Mundial de Saúde recomenda que 5% da população doe sangue anualmente, pelo que a campanha assumiu mesmo esse valor como meta, utilizando a Internet como grande ferramenta de divulgação.
Promovida pela Santa Casa de Misericórdia de São Paulo, a iniciativa criou um site, onde um mapa indica os pontos de colheita disponíveis em todo o país. Além disso, os cibernautas podem ainda sugerir outros locais e agendar, online, a sua doação. Quem tiver perfis na Internet, pode ainda divulgar a campanha, através de um pequeno espaço no avatar ou na página criada.

Fonte: Greensavers
:roll:



miguelyn

  • Administrador
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Nov 2005
  • Localidade: Lamego
  • Mensagens:
    63840
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    1579
em: 03 de Março de 2012, 21:25
Força :bom:

Citação de: JN
Dadores de sangue querem isenção das taxas moderadoras discutida na AR

As associações de dadores de sangue decidiram, este sábado, pedir uma audição à comissão parlamentar de saúde para insistir na discussão parlamentar da petição que exige a isenção das taxas moderadoras para os dadores.



 
Mais de uma dezena de associações de dadores de sangue estiveram reunidos durante toda a manhã na Carapinheira para discutir a falta de sangue nos hospitais e a decisão governamental de acabar com o direito de os dadores estarem isentos das taxas moderadoras, contou à Lusa Alberto Mota, presidente da Direcção da Associação de Dadores de Sangue de Guimarães.

Alberto Mota considera que a redução de sangue disponível nos hospitais está diretamente ligada com o fim da isenção das taxas: "há uma percentagem muito grande de pessoas que se sentiu prejudicada. A isenção não era um pagamento mas era certamente um incentivo ao dador de sangue", disse à Lusa.

As associações decidiram por isso insistir para serem "recebidas rapidamente pela comissão de saúde", onde pretendem fazer pressão para que a proposta entregue a 18 de janeiro seja debatida no parlamento.

"Entregámos uma petição com 6.200 assinaturas a defender a abolição das taxas moderadoras e queremos que o tema seja discutido", contou Alberto Mota, acrescentando que vão ainda fazer contactos no sentido de também serem recebidos pelo Ministério da Saúde.

Preocupado com a diminuição brutal de colheitas no início do ano e com a "falta de sangue que ainda se verifica nos hospitais", Alberto Mota lembrou o caso dos dadores que terão enviado para o Instituto Português do Sangue e da Transplantação (IPST) cartões de dador destruídos.
:roll:



miguelyn

  • Administrador
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Nov 2005
  • Localidade: Lamego
  • Mensagens:
    63840
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    1579
em: 15 de Março de 2012, 19:35
1º o fim dos benefícios nas taxas moderadores

Agora, negócios com o meu sangue

Não irei mais doar enquanto este governo lá estiver. É uma ideia cada vez mais vincada que tenho.

Citação de: Visão
Sangue em outsourcing

O sangue e a sua administração tornaram-se um negócio apetecível para empresas privadas, com hospitais do Estado a quererem recorrer ao outsourcing para os seus serviços de medicina transfusional
Francisco Galope
8:36 Quinta feira, 15 de Mar de 2012
Partilhe este artigo: 5  0   


Inaugurado, há menos de uma semana, o Hospital Beatriz Ângelo, em Loures, foi o primeiro a contratar uma empresa externa para prestar serviços de imunohemoterapia, tendo escolhido a Hemovida - a mesma que trabalhava para a Clínica de Santo António, na Amadora, onde um homem levou seis transfusões com o sangue errado e acabou por morrer, em fevereiro.

Um mês antes, o Estado havia concedido autorização para o outsourcing em Loures, apesar de a Ordem dos Médicos (OM) ter emitido um parecer em sentido contrário.

Entre outros aspetos, o colégio da especialidade de imunohemoterapia da OM considera que "o exercício consistente e seguro da medicina transfusional consubstancia-se numa atividade que muito dificilmente será compatível com uma estruturação comercial de hemoterapia de componentes, nomeadamente quando geridas por sociedades com fins lucrativos, que pela sua natureza nesta área de serviços de saúde as torna redutoras e eticamente frágeis".

Segundo a Ordem dos Médicos, o fim lucrativo só dificilmente atenderá ao principal critério de segurança e qualidade da transfusão de sangue: a minimização do recurso a ela.

O parecer da OM lembra ainda que o relatório do grupo de trabalho da reforma hospitalar admite o outsourcing em áreas como a imagiologia ou patologia clínica mas exclui a imunohemoterapia.

A Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARSLVT) garantiu em e-mail enviado à VISÃO que "procedeu à avaliação da idoneidade, capacidade técnica e capacidade financeira da entidade proposta para subcontratação, tendo concluído, numa primeira análise, que todos os requisitos se encontravam reunidos, exceto o do licenciamento da empresa para o exercício desta atividade".

Ou seja, uma luz verde final ficou condicionada a uma avaliação posterior da Autoridade dos Serviços de Sangue e Transplantação e do Instituto Português do Sangue. Após uma inspeção, a 31 de janeiro abriu-se caminho à entrada da iniciativa privada na medicina transfusional de um hospital público (se bem que o de Loures seja gerido por privados, a Espírito Santo Saúde), por um período, para já, de oito meses, após os quais o contrato deverá ser renovado.

Loures poderá, num futuro próximo, não figurar como o único hospital do Estado neste tipo de regime. A VISÃO sabe que o recurso a esta opção tem sido equacionado pela administração do Hospital de Cascais. Pelo menos até segunda-feira, 12, ainda não tinha chegado à ARSLVT qualquer pedido de autorização.

O bastonário da Ordem dos Médicos, José Manuel Silva, é cético em relação ao negócio em torno do sangue: "O lucro põe em causa a qualidade e aumenta os riscos."

Uma vez que o sangue usado para transfusões em Portugal resulta da doação benévola dos cidadãos, o bastonário receia que os dadores, tendo a perceção de que há negócios à volta do sangue, se possam restringir na dádiva.

Essa pode ser apontada, entre várias, como uma das causas para o declínio das colheitas de sangue em Portugal, que só nos primeiros dois meses do ano registaram uma quebra superior a 18% em relação a janeiro e fevereiro de 2011.
:roll:



3monkeys

  • Bilionário
  • ?
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jan 2010
  • Localidade:
  • Mensagens:
    2169
    Pts Tipsr:
    24
em: 20 de Março de 2012, 16:53
1º o fim dos benefícios nas taxas moderadores

Creio que foi um erro grave por parte do governo.

Apareceram na comunicação social casos de hospitais com problemas de stock de sangue.
Segundo os responsáveis de saúde o facto de ter havido um aumento dos transportes e fim da isenção de taxas moderadoras foram os grandes responsáveis pelas quebras no número de doações.

Se um dia quem tomou essa decisão se magoar e precisar de sangue e tiver dificuldade para o encontrar talvez se aperceba do erro que cometeu.




 


Casas de Apostas: bet pt / Betclic / ESC Online / Nossa Aposta / Casino Portugal

Rede Apostaganha: Apostas e Prognósticos / Palpites e Dicas de Apostas / Pronósticos de Apuestas / Betting Tips and Predictions / Melhores Cassinos Online Brasil / Mejores Casinos Online de América Latina