Autor Tópico: Disputar um jogo 5 minutos após saber da morte da filha  (Lida 424 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Diogo Carvalho

  • Magnata
  • D
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Out 2007
  • Localidade:
  • Mensagens:
    19575
    Pts Tipsr:
    384
Disputar um jogo 5 minutos após saber da morte da filha

LETÃO KASPARS KAMBALA DEU LIÇÃO DE PROFISSIONALISMO
   
      
O pivô letão Kaspars Kambala deu esta terça-feira uma lição de profissionalismo para com a sua equipa, o Enisey Krasnoyarsk.

O jogador, que há representou Efes Pilsen, Real Madrid e Kazan, entre outros clubes, recebeu a notícia da morte da filha de apenas 5 meses 5 minutos antes do início do jogo da Eurochallenge entre a formação russa e o Liège, da Bélgica. Mas não quis faltar ao compromisso e disputou todo o encontro, conseguindo mesmo 19 pontos.

No final da partida, Kambala não conseguiu evitar as lágrimas, viajando de imediato para a Letónia, a fim de estar junto da família.

Esta trágica notícia chega apenas 4 dias antes de Kambala completar 31 anos.

In Record.pt


 :venia: :venia: :venia: :venia: :venia: :venia: :venia: :venia: :venia: :venia:



miguelyn

  • Administrador
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Nov 2005
  • Localidade: Lamego
  • Mensagens:
    63016
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    1526
em: 09 de Dezembro de 2009, 20:45
:venia:

Profissionalismo a toda a prova.

Infelizmente, já há poucos dispostos a estes sacrifícios. Se bem, que não jogar, não possa ser minimamente criticável.
:roll:



Bruno Coutinho

  • Administrador
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2005
  • Localidade: Lisboa
  • Mensagens:
    225372
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    108
em: 09 de Dezembro de 2009, 20:46
Eu vejo nisso loucura não profissionalismo, 5 minutos antes??? ou então é homem que não sente.



Forum de Apostas

Re: Disputar um jogo 5 minutos após saber da morte da filha
« Responder #2 em: 09 de Dezembro de 2009, 20:46 »

dvck

  • Multimilionário
  • d
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Fev 2007
  • Localidade:
  • Mensagens:
    5700
    Pts Tipsr:
    2
em: 09 de Dezembro de 2009, 20:53
Jamais conseguiria.
"I'm not normally a religious man, but if you're up there, save me, Superman!" (Homer Simpson)



Bruno Coutinho

  • Administrador
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2005
  • Localidade: Lisboa
  • Mensagens:
    225372
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    108
em: 09 de Dezembro de 2009, 20:55
Jamais conseguiria.


Se calhar sou eu mas isto não é normal, um Pai, Mãe já era mau mas uma filha?!?



OLX

  • Visitante
em: 09 de Dezembro de 2009, 20:57
Eu vejo nisso loucura não profissionalismo, 5 minutos antes??? ou então é homem que não sente.

Claro!

Profissionalismo??  :shock: :doido: Estamos a falar de um filho!



mara

  • Magnata
  • m
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jun 2006
  • Localidade: Vila Praia de Âncora / Covilhã
  • Mensagens:
    46536
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    1633
em: 09 de Dezembro de 2009, 21:02
Jamais conseguiria.


Se calhar sou eu mas isto não é normal, um Pai, Mãe já era mau mas uma filha?!?
Mas alguem acha normal, fdx de certeza que nem os Nómadas...

Já me morreu um cão e andei doente 1 mês, então uma coisa destas nem quero pensar...
Se você é capaz de tremer de indignação a cada vez que se comete uma injustiça no mundo, então somos companheiros.



Pedro23

  • HighRoller
  • P
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Mar 2006
  • Localidade: Leça da Palmeira
  • Mensagens:
    9347
  • Nacionalidade: zw
  • Pts Tipsr:
    3
em: 09 de Dezembro de 2009, 21:03
Acto de loucura é o que é  :doido:



Forum de Apostas

Re: Disputar um jogo 5 minutos após saber da morte da filha
« Responder #7 em: 09 de Dezembro de 2009, 21:03 »

Diogo Carvalho

  • Magnata
  • D
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Out 2007
  • Localidade:
  • Mensagens:
    19575
    Pts Tipsr:
    384
em: 09 de Dezembro de 2009, 21:05
Eu treinei no dia em que a minha avó morreu, para aí uma hora depois da notícia, e joguei no dia seguinte, a vida continua e nessas alturas, a abstracção penso que é o melhor :bom:



LuísCarlos

  • Magnata
  • L
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Fev 2006
  • Localidade: Évora
  • Mensagens:
    20594
    Pts Tipsr:
    507
em: 09 de Dezembro de 2009, 23:02
Eu treinei no dia em que a minha avó morreu, para aí uma hora depois da notícia, e joguei no dia seguinte, a vida continua e nessas alturas, a abstracção penso que é o melhor :bom:

Penso que não se pode comparar, pois sabemos que as pessoas quando chegam a uma certa idade não duram para sempre e é um fim inevitável e há que seguir a vida...

Agora receber notícia de uma filha bebe com muitos anos pela frente e sem estar ao pé da família :doido:

É um acto de profissionalismo, mas se não o fizesse teria a mesma ou mais consideração por parte do clube pois certamente estaria psicologicamente em péssimas condições de ajudar a equipa...



Bruno Coutinho

  • Administrador
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2005
  • Localidade: Lisboa
  • Mensagens:
    225372
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    108
em: 09 de Dezembro de 2009, 23:03
Desculpem lá a minha insistência, Diogo não tem comparação contigo!

Para mim este homem não estava em si de certeza ou não é bom da caximonia.



miguelyn

  • Administrador
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Nov 2005
  • Localidade: Lamego
  • Mensagens:
    63016
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    1526
em: 10 de Dezembro de 2009, 00:01
Discordo, frontalmente

Cada um reage à morte dos entes queridos de maneira diferente.

Entrando no campo da especulação
- Sabem lá se já não era uma notícia "esperada";
- Sabem lá se este não é daqueles que fez "das tripas coração" para dedicar o jogo à filha (e pelo que consta, fez um bom jogo);
- Sabem lá se este não é daqueles que acha que a morte é uma passagem para um mundo melhor;

Motivos não faltam, tal como não faltam exemplos similares a este.
:roll:



Rotsen10

  • Magnata
  • R
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Mai 2009
  • Localidade: Porto
  • Mensagens:
    23305
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    1311
em: 10 de Dezembro de 2009, 00:09
Para desanuviar a cabeça é uma coisa mas jamais conseguiria.



Dunadan

  • Magnata
  • D
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2005
  • Localidade: Lisboa
  • Mensagens:
    218230
  • Nacionalidade: 00
  • Pts Tipsr:
    359
em: 10 de Dezembro de 2009, 00:15
Discordo, frontalmente

Cada um reage à morte dos entes queridos de maneira diferente.

Entrando no campo da especulação
- Sabem lá se já não era uma notícia "esperada";
- Sabem lá se este não é daqueles que fez "das tripas coração" para dedicar o jogo à filha (e pelo que consta, fez um bom jogo);
- Sabem lá se este não é daqueles que acha que a morte é uma passagem para um mundo melhor;

Motivos não faltam, tal como não faltam exemplos similares a este.


Cada um é como cada qual. Se calhar a filha até podia ter problemas graves de saúde e a notícia não o especifica.



Diogo Carvalho

  • Magnata
  • D
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Out 2007
  • Localidade:
  • Mensagens:
    19575
    Pts Tipsr:
    384
em: 10 de Dezembro de 2009, 03:32
Desculpem lá a minha insistência, Diogo não tem comparação contigo!

Para mim este homem não estava em si de certeza ou não é bom da caximonia.

sim, sem duvida, so disse que nao era totalmente anormal :bom:



Tags:

 


Rede Apostaganha: Apostas e Prognósticos / Palpites e Dicas de Apostas / Pronósticos de Apuestas / Betting Tips and Predictions