Autor Tópico: Valete sobre Obama.  (Lida 301 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

awesome

  • Moderadores
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jul 2008
  • Localidade: Amora
  • Mensagens:
    26171
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    1989
em: 06 de Novembro de 2008, 13:07
Não sou nenhum politólogo, nem pretendo aqui fazer nenhuma análise ou profecia política que sirva para marcar uma posição sobre o que quer que seja. Como vocês já me conhecem bem, eu teria obviamente que opinar sobre estas últimas eleições americanas e o fenómeno Obama.
O resultado foi bom. Saiu Bush, entrou um democrata, apesar de no meio do que é o pragmatismo economicista dos políticos americanos eu até nutrir alguma simpatia por John Mccain. Ele não seria certamente uma continuação de Bush.
Obama é mesmo um fenómeno. Amado e aclamado pelos afro-americanos que ontem rejubilavam com a sua vitória, sentindo também que era uma vitória da raça, e amado e aclamado por outra meia América branca e multi-racial que hoje vivem apaixonados pela sua figura, carisma, inteligência e carácter.
Na minha opinião nestas eleições a questão racial sempre foi muito relativa. Isto porque não nos esqueçamos que Obama é um mulato. Filho duma mulher branca com um homem negro. Obama será sempre o tipo de negro que não aleija, o tipo de negro que os brancos racistas costumam chamar de "preto diferente". Este mesmo Obama com uma pele mais escura acredito que nem teria hipótese de chegar a esta etapa final das eleições, quanto mais vir a ser presidente. Este Obama com uma pele mais escura certamente também não teria metade da aclamação que hoje tem pelo mundo.
Mesmo assim, a vitória de Obama, representa um enorme reforço de auto-estima para a comunidade negra, principalmente a americana. Comunidade que viveu séculos de humilhação, segregação, opressão, inferiorização tem hoje com a vitória de Obama um momento simbólico para se orgulhar. As crianças negras americanas que há muito crescem com referências mediáticas da música que só sabem propagandear a cultura Gangster, o machismo, a futilidade, o consumismo hoje têm uma referência maior, até ver mais inspiradora, mais iluminada, mais altruísta.
Obama é também um fenómeno, porque foi provavelmente dos últimos grandes políticos da cena mundial que mais conseguiu passar credibilidade às populações. Obama que quase não tem nenhuma história de grandes decisões políticas, até agora só fez promessas, conseguiu pôr o mundo todo a falar de Mudança e a acreditar que ele é o Messias dessa Mudança.
Mas que mudança pode fazer Obama? Ele falou em mudar as regras do financiamento das campanhas ( que desde sempre foram financiadas pelas grandes multinacionais e lobbistas de Washington), tornar as coisas mais limpas,  mas acabou por ser o candidato que mais dinheiro gastou numa campanha em todo o mundo ( quase 1 bilião de dólares) e com muito dinheiro de multimilionários ligados a grandes corporações, que obviamente não financiam candidatos porque gostam da cara deles. Apesar de tudo também teve o mérito de conseguir angariar muito dinheiro público para a campanha, através de contribuições feitas pela Internet.
Os Estados Unidos são fundamentalmente uma Nação Económica. Uma Nação onde o Estado existe fundamentalmente para servir o Poder Económico. E tudo é economia. Por exemplo, o principal argumento para Obama querer a retirada de tropas americanas do Iraque era porque a guerra estava a sair muito cara aos bolsos dos americanos. Quase Metade do orçamento de Estado americano era gasto nas "Guerras contra o Terrorismo". Triliões de dólares. Os Estados Unidos é também uma espécie de transnacional em forma de país. Mantém o vigor da sua economia com as várias relações comerciais que tem com outros países e com os vários interesses económicos que tem fora de portas. É uma infinidade de matéria prima, recursos naturais, mão de obra que não estão em território americano, mas que pertencem directa ou indirectamente a corporações americanas. Para se puder manter isto tudo sem prejuízos para essas corporações é necessário que se corrompam governos locais, que se desrespeitem direitos humanos, que se danifique gravemente o ambiente, que se faça extorsão de coisas alheias, e até que se criem guerras forjadas. Sem este jogo sujo e sanguinário algumas dessas corporações americanas não seriam tão lucrativas e imponentes e os estados unidos não seria a potência económica que ainda é ( apesar desta crise). É *****, mas estas são as regras do jogo. E o que pode Obama fazer?? Simplesmente nada. Não só porque nunca o deixariam fazer. Assassinar um presidente não é uma coisa assim tão difícil e porque se quisesse realmente "limpar" esta ***** o seu país iria empobrecer a olhos vistos, e ele não teria nem um centavo para cumprir as suas promessas sociais. A história da riqueza americana tem sido feita de sangue, corrupção, extorsão, etc. Com potências emergentes como a Rússia, China, Índia, Brasil etc, os estados unidos não poderia dar-se ao luxo de derrubar o seu sistema económico carniceiro, porque levaria séculos a adaptarem-se a novas formas ( mais limpas) de operar e fazer negócios e poderiam mesmo assim não conseguir competir com outros.
Obama sabe bem que irá presidir e manter uma nação depravada. Então de que mudança fala ele? Ele parece ser um homem de esquerda, quer dar mais Estado Social à América. Para além de querer taxar mais nos impostos aos ricos, diz que quer deixar de gastar tanto dinheiro com guerras e no Sistema Militar para aplicar em várias medidas sociais, como mais dinheiro para pensões, subsídios de pobreza e para uma espécie de sistema nacional de saúde que sirva para dar assistência médica principalmente a quem não tem seguro de saúde. 40 milhões de americanos. Mas pode Obama realmente enfraquecer o poderio militar americano? Um pouco acho que pode, dá sempre para gastar menos dinheiro, mas Obama também sabe bem que se lhe aparecer um cenário pela frente parecido como foi a Invasão do Iraque ao Kwait em 1990, não terá outra hipótese senão de intervir militarmente para proteger os interesses económicos americanos. Sabe bem que terá de manchar as suas mãos de sangue como todos os presidentes americanos e que provavelmente nunca intervirá militarmente quando houver genocídios como houve no Ruanda ou no Darfur porque os americanos não têm lá interesses económicos que justifiquem.
Não podendo reduzir assim tanto dinheiro para o Sector da Defesa porque uma Nação com tantos interesses fora de portas tem que ter um grande poderio militar para protegê-los, provavelmente não terá dinheiro que chegue para cumprir as suas promessas altruístas. Para proteger interesses económicos e criar novas possibilidades de negócios os americanos sempre preferiram gastar triliões em guerras, em vez de resolverem o problema de milhões de sem abrigo, pobres e de pessoas sem direito a assistência médica que têm no seu país. Isto porque tudo sempre foi Economia. Economia direccionada para o lucro das empresas. E enquanto for assim não há Mudança nenhuma.
Obama é um político essencialmente. É um grande orador, grande comunicador, parece inteligentíssimo e grande sedutor. Sabe manipular. Teve quase 1 ano em campanha a falar de Mudança como se fosse trazer o Mundo Novo, e hoje um ano depois quase ninguém sabe explicar senão de forma muito vaga, que transcendente Mudança é essa
Conseguiu o que queria, e hoje é presidente da América. Mas a mim, nesta altura parece-me mesmo que Obama é o homem mais enrascado do mundo. Não vai mudar porque não pode e não vai mudar porque não dá. Acho que proporcionará um festival de desilusões a todos aqueles que se apaixonaram pelo seu ar messiânico. Obama viverá num conflito interior terrível entre a necessidade do pragmatismo político à americana e a expectativa que o mundo tem dele. Resta-nos a consolação de termos a certeza que nunca será tão genocida como Bush.
QUERES CONHECER O PROJECTO MAIS REVOLUCIONADOR ALGUMA VEZ CONHECIDO NO MUNDO DAS APOSTAS?



GODZI

  • Magnata
  • G
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Nov 2005
  • Localidade: Quarteira
  • Mensagens:
    21450
    Pts Tipsr:
    260
  • Banido!
em: 06 de Novembro de 2008, 13:33
 :venia: :venia: :venia:

Valete sempre em grande estilo!!



Dunadan

  • Magnata
  • D
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2005
  • Localidade: Lisboa
  • Mensagens:
    218230
  • Nacionalidade: 00
  • Pts Tipsr:
    359
em: 06 de Novembro de 2008, 18:26
Muito esclarecido e sempre com um toque salgado na ferida.



Forum de Apostas

Re: Valete sobre Obama.
« Responder #2 em: 06 de Novembro de 2008, 18:26 »


 


Casas de Apostas: bet pt / Betclic / ESC Online / Nossa Aposta / Casino Portugal

Rede Apostaganha: Apostas e Prognósticos / Palpites e Dicas de Apostas / Pronósticos de Apuestas / Betting Tips and Predictions / Melhores Cassinos Online Brasil / Mejores Casinos Online de América Latina