Autor Tópico: Aquecimento Global  (Lida 325 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Bruno Coutinho

  • Administrador
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2005
  • Localidade: Lisboa
  • Mensagens:
    227128
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    108
em: 25 de Maio de 2008, 15:41
[sapo=425,350]v53Oba9zFSsnUfYNPcp5[/sapo]




 :venia: :venia: :venia: :venia: :venia:



Kajolas

  • HighRoller
  • K
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jul 2006
  • Localidade: UK
  • Mensagens:
    8744
    Pts Tipsr:
    138
em: 08 de Junho de 2009, 16:38
Quem tiver 2 horas livres, veja este documentário muito bem realizado e com uma qualidade fantástica.




[youtube=425,350]tCVqx2b-c7U[/youtube]

HOME, filme da autoria do realizador francês Yann Arthus-Bertrand, é constituído por paisagens aéreas do mundo inteiro e pretende sensibilizar a opinião pública mundial sobre a necessidade de alterar modos e hábitos de vida a fim de evitar uma catástrofe ecológica planetária.

Dá muito que pensar  :bom:
« Última modificação: 08 de Junho de 2009, 16:38 por Kajolas »



miguelyn

  • Administrador
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Nov 2005
  • Localidade: Lamego
  • Mensagens:
    64047
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    1596
em: 19 de Julho de 2009, 02:10
E porque sabe bem recordar.

Este vídeo já tem uns anos valentes, mas demonstra que pouco ou nada tem sido feito desde então.

[youtube=425,350]5g8cmWZOX8Q[/youtube]
:roll:



Forum de Apostas

Re: Aquecimento Global
« Responder #2 em: 19 de Julho de 2009, 02:10 »

Dunadan

  • Magnata
  • D
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2005
  • Localidade: Lisboa
  • Mensagens:
    218230
  • Nacionalidade: 00
  • Pts Tipsr:
    359
em: 26 de Julho de 2009, 05:47
Já agora, em relação ao aquecimento global e às alterações climáticas, estas são muito mais importantes e perigosas que o aquecimento global. O Ser Humano sempre foi influênciado pelo Gelo, seja glaciares, seja calotas polares ou Icebergues. As Eras Glaciares são cíclicas e se não estou em erro, estamos à porta da próxima. Também há quem diga que o nosso sistema solar de tempos a tempos atravessa umas zonas mais sujas e com isso, a capacidade de iluminação e aquecimento do planeta é afectada.


Partindo do princípio que o aquecimento global é realmente responsável pelas alterações climáticas, o mesmo não passa de uma oportunidade de negócio. Basta lembrar que os EUA (e a China também?) não assinaram o Protocolo de Quioto, que serviu apenas e só para criar um negócio de muitos milhares de milhões que apenas serve aos intermediários...



DrPoe

  • Bilionário
  • D
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Nov 2006
  • Localidade:
  • Mensagens:
    2547
    Pts Tipsr:
    198
em: 26 de Julho de 2009, 17:02
Partindo do princípio que o aquecimento global é realmente responsável pelas alterações climáticas, o mesmo não passa de uma oportunidade de negócio.

Há sempre quem veja oportunidades de negócio a cada crise que aparece.

Basta lembrar que os EUA (e a China também?) não assinaram o Protocolo de Quioto, que serviu apenas e só para criar um negócio de muitos milhares de milhões que apenas serve aos intermediários...

Mas neste caso não creio que se trate de uma oportunidade de negócio mas sim interesse em que tudo se mantenha como até aqui.

O que eles querem é continuar a produzir energia a partir de combustíveis fósseis e por isso é que não assinaram o protocolo. Pois ainda devem ser mais baratas (se bem que um dia vamos pagar o preço) que as tão faladas energias renováveis. E depois as energias renováveis têm limitações pois nem sempre vamos ter dias ventosos, soalheiros, etc.

No outro dia estava a pensar neste assunto e cheguei à seguinte conclusão.
Esta conversão, que dificilmente será total, para energias renováveis tem como grande entrave o ainda baixo preço e as vantagens dos combustíveis fósseis, certo?
Agora com aumento dos projectos para energias alternativas a procura por combustíveis fósseis irá diminuir certo?
Pois mas aqui surge um grande problema pois se a procura diminuir os preços terão de cair.
Se os preços caírem os combustíveis fósseis serão ainda mais apetecíveis.

Não sei se faz sentido mas é assim que penso  :roll:



Dunadan

  • Magnata
  • D
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2005
  • Localidade: Lisboa
  • Mensagens:
    218230
  • Nacionalidade: 00
  • Pts Tipsr:
    359
em: 26 de Julho de 2009, 18:59
Esse é um lado de veres a questão. O outro são as oportunidades de negócio que a fileira das renováveis proporciona. Os EUA sozinhos, têm capacidade para aproveitarem o vento e o sol de tal maneira que se podem tornar teoricamente auto-suficientes. O problema é estrutural, pois para transportares a energia criada nos estados que mais potencial têm para a capturar, precisas de uma super-auto-estrada eléctrica para a transportar para as grandes cidades. E nos EUA, com tudo privado ou semi-privado, já podes imaginar o bico de obra que não vai ser fazer tal reforma.

Navarra aqui ao lado, já anda perto disso e já tira benefícios dessa aposta. Quanto aos preços dos combustíveis, em Portugal pelo menos, o ISP ou lá como se chama, não vai deixar grandes margens para baixar os preços e a EDP se conseguir uma boa fatia de um mercado automóvel eléctrico, pode depois tornar-se um importante actor a nível mundial.

A questão todavia, é que os políticos pouco podem realmente fazer em relação ao suposto aquecimento global. Mas que compraram a ideia do mercado dos carbonos, lá isso compraram e quem administra esse mercado, vai ganhar imenso dinheiro com ele. Dinheiro pago pelos estados... E quem financia os estados?



DrPoe

  • Bilionário
  • D
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Nov 2006
  • Localidade:
  • Mensagens:
    2547
    Pts Tipsr:
    198
em: 27 de Julho de 2009, 17:22
O problema é estrutural, pois para transportares a energia criada nos estados que mais potencial têm para a capturar, precisas de uma super-auto-estrada eléctrica para a transportar para as grandes cidades.

Há poucas semanas deu na RTP2 um documentário sobre energias alternativas focando apenas energias obtidas a partir do sol. E olha que em relação às centrais solares não são apenas problemas estruturais. Há ainda questões técnicas a ultrapassar e já para não falar dos custos de instalação destas centrais.

Um dos grandes problemas técnicos das centrais solares é que não conseguem produzir energia durante a noite ao contrário de uma central a carvão que produz 24 sobre 24 horas.

Mas já há ideias para resolver este problema. A estratégia parece ser armazenar calor durante o dia e converte-lo em energia durante a noite.

Por acaso nunca pensei que isto pudesse vir a ser um problema pois imaginava que a energia eléctrica fosse armazenada e distribuída na rede conforme as necessidades. Mas parece que as coisas não funcionam assim. Pelo que entendi, pegando nas centrais a combustíveis fósseis a produção destina-se a consumo na hora e a quantidade de energia produzida varia consoante as necessidades energéticas naquele instante.



miltonferreira

  • HighRoller
  • m
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jun 2006
  • Localidade: ílhavo / Águeda
  • Mensagens:
    11606
    Pts Tipsr:
    189
em: 27 de Julho de 2009, 18:21
O problema é estrutural, pois para transportares a energia criada nos estados que mais potencial têm para a capturar, precisas de uma super-auto-estrada eléctrica para a transportar para as grandes cidades.

Há poucas semanas deu na RTP2 um documentário sobre energias alternativas focando apenas energias obtidas a partir do sol. E olha que em relação às centrais solares não são apenas problemas estruturais. Há ainda questões técnicas a ultrapassar e já para não falar dos custos de instalação destas centrais.

Um dos grandes problemas técnicos das centrais solares é que não conseguem produzir energia durante a noite ao contrário de uma central a carvão que produz 24 sobre 24 horas.

Mas já há ideias para resolver este problema. A estratégia parece ser armazenar calor durante o dia e converte-lo em energia durante a noite.

Por acaso nunca pensei que isto pudesse vir a ser um problema pois imaginava que a energia eléctrica fosse armazenada e distribuída na rede conforme as necessidades. Mas parece que as coisas não funcionam assim. Pelo que entendi, pegando nas centrais a combustíveis fósseis a produção destina-se a consumo na hora e a quantidade de energia produzida varia consoante as necessidades energéticas naquele instante.

A energia fica e não fica armazenada na rede.  :lol:

O que acontece é ela está em constante condução nas linhas de alta tensão em toda a rede, à espera que seja consumida.
Toda a Peninsula Iberica está ligada na mesma rede de distribuição de energia (alta tensão 60.000 Volts), para existir menos perdas e garantir picos de fornecimento caso sejam pedidos.

Se tens reparado em algumas éolicas, por vezes estas estão desligadas. É sinal que a rede de distribuição não necessita de energia.

Não sei se conheces o interior de alguma barragem, estas tem mais do que uma turbina para fornecer energia, por exemplo numa tarde de verão pode estar só uma a trabalhar e talvez a 30 %. Por aquilo que expliquei (ou tentei explicar) sobre a energia que está na rede no momento. Na mesma analogia, num dia de inverno as 19h00 quando está escuro será o pico de fornecimento por causa do consumo.

Sobre as centrais fotovaltáicas, estas funcionam através da luz infravermelha (que não faz parte do campo visível dos olhos de nos humanos) que o sol transmite, no entanto de noite com a reflacção da luz proveniente da lua podemos obter também luz infravermelha, claro que a intensidade não é a suficiente para criar uma diferença de potencial suficiente, mas no conjunto do painel pode-se conseguir, no entanto basicamente para aqueles pequenos paineis que servem para um poste de iluminação, ou como se está a desenvolver, para ligar nos semaforos chega perfeitamente.
Mas estes utilizam uma bateria de armazenamento em corrente continua que tem autonomia até as 14 horas e isso já é outra pequena história.  :mrgreen:
« Última modificação: 27 de Julho de 2009, 18:30 por miltonferreira »
Macho que é macho não bebe leite, come a vaca!



Forum de Apostas

Re: Aquecimento Global
« Responder #7 em: 27 de Julho de 2009, 18:21 »

DrPoe

  • Bilionário
  • D
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Nov 2006
  • Localidade:
  • Mensagens:
    2547
    Pts Tipsr:
    198
em: 27 de Julho de 2009, 19:23
A energia fica e não fica armazenada na rede.  :lol:

O que acontece é ela está em constante condução nas linhas de alta tensão em toda a rede, à espera que seja consumida.
Toda a Peninsula Iberica está ligada na mesma rede de distribuição de energia (alta tensão 60.000 Volts), para existir menos perdas e garantir picos de fornecimento caso sejam pedidos.

Se tens reparado em algumas éolicas, por vezes estas estão desligadas. É sinal que a rede de distribuição não necessita de energia.

Não sei se conheces o interior de alguma barragem, estas tem mais do que uma turbina para fornecer energia, por exemplo numa tarde de verão pode estar só uma a trabalhar e talvez a 30 %. Por aquilo que expliquei (ou tentei explicar) sobre a energia que está na rede no momento. Na mesma analogia, num dia de inverno as 19h00 quando está escuro será o pico de fornecimento por causa do consumo.

Muito interessante.
Já aprendi algo de novo.

Thanks milton  :bom:




 


Casas de Apostas: bet pt / Betclic / ESC Online / Nossa Aposta / Casino Portugal

Rede Apostaganha: Apostas e Prognósticos / Palpites e Dicas de Apostas / Pronósticos de Apuestas / Betting Tips and Predictions / Melhores Cassinos Online Brasil / Mejores Casinos Online de América Latina