Autor Tópico: ATP Xangai - Outubro de 2019  (Lida 461 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

sniperthebest

  • Magnata
  • s
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Fev 2010
  • Localidade:
  • Mensagens:
    19050
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    5158
em: 09 de Outubro de 2019, 21:05
10 de outubro de 2019, 05h30
Ténis
ATP Xangai
Fabio Fognini - Karen Khachanov
Pick: Vencedor do encontro: Fabio Fognini Betclic 2.55
   


   O transalpino Fabio Fognini de 32 anos, é o número 12 do mundo, apenas 3 lugares abaixo do seu melhor de sempre.
   Fognini no pós Wimbledon, sobressaiu com uma presença no pó de tijolo dos quartos de final em Hamburgo, a que se seguiu uma presença nos quartos de Los Cabos e na Rogers Cup, ambas as provas em pisos sintéticos. Depois na ronda inaugural do US open perdeu com R.Opelka, em 4 parciais. Fez bem melhor nos pisos rápidos de Pequim, onde só foi batido nos melhores 8 pelo oponente desta ronda em Xangai, em 3 parciais. Já neste Masters bateu S.Querrey em 2 sets e A.Murray, em 3 parciais.
   Fognini é um baseliner muito consistente, não é fácil ter pontos grátis com ele, já que é um jogador que não comete muitos erros não forçados e que taticamente e tecnicamente é muito evoluído.




   O russo Karen Khachanov, de 23 anos, é o número 9 do mundo, apenas um posto abaixo do seu melhor de sempre e a sua ascensão tem sido meteórica, no ATP tour.
   Na mini temporada de relva, Karen teve performances interessantes em relva com presença nos melhores 8 em Halle e com a 3ª ronda em Wimbledon. Já em pisos rápidos, depois de somar uma segunda ronda em Washington, fez um brilharete na Rogers Cup, onde bateu, por exemplo, S.Wawrinka e A.Zverev, perdendo nas meias-finais com D.Medvedev. Já em Cincinnati, atingiu os oitavos de final do certame, onde perdeu com L.Pouille, em 3 sets. Seguiram-se eliminações precoces no Us open e em S.Petersburgo, para voltar à ribalta com uma presença nas meias-finais de Pequim, onde foi derrotado por Thiem, na negra. Já em Xangai bateu T.Fritz, com mais facilidade do que esperado.
   Obviamente, tendo em conta a sua envergadura física, que o russo é um big hitter mas para além de ter uma direita temível, também tem uma backhand acima da média mas, por vezes, tem demasiada pressa em acabar os pontos.



Conclusão: Apesar do triunfo recente do russo, no head-2-head, creio que o italiano pode levar a melhor, já mais rotinado ao estilo de jogo do russo e além disso Karen tendo uma direita poderosíssima, muitas vezes acusa demasiada ansiedade a concluir os pontos e Fognini costuma vender os pontos muito caro.
              Além disso, Fognini é um jogador que os big hitters não gostam particularmente pois é muito forte na mudança de ritmos e estilos de jogo e isso irá dificultar a implementação do plano de ação do russo.


   

   
O que têm em comum Lionel Messi, Eddy Merckx, Michael Jordan e Sniperthebest? 3 TITLES IN A ROW!
VENCEDOR...LIGA SPORTINGBET + BET365 + FANTASTICWIN Futebol Dez. 2012



sniperthebest

  • Magnata
  • s
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Fev 2010
  • Localidade:
  • Mensagens:
    19050
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    5158
em: 09 de Outubro de 2019, 22:48
10 de outubro de 2019, 12.30
Ténis
ATP Xangai
Alexander Zverev - Andrey Rublev
Pick: Vencedor do encontro: Alexander Zverev Betclic 1.58



   O germânico Alexander Zverev é o número 6 do mundo, mas já pertenceu ao top-3 e já venceu um ATP World Tour.   
   Alexander Zverev, de 22 anos, depois de uma temporada de relva para esquecer, esteve em bom nível em Hamburgo, onde atingiu as meias-finais. Na Rogers Cup perdeu nos quartos de final da prova com Khachanov, por duplo 3-6. Em Cincinnati nem aqueceu o hotel, mas no Us open elevou o seu jogo ao atingir os oitavos de final, baqueando aí perante Schwartzman, em 4 sets. Já em Pequim atingiu os melhores 4 mas nessa fase perdeu com Tsitsipas em 2 sets.
   Zverev sobressai por ser um jogador muito completo. Tem um serviço acima da média e pela sua agressividade no fundo do court e pela qualidade da sua backhand pode ir muito longe.


   O russo Andrey Rublev, é uma das novas coqueluches do ténis mundial e com apenas 21 anos já é o número 33 do mundo.
   Rublev nem recomeçou muito bem a temporada de pisos rápidos mas ripostou em Cincinnati, prova onde passou o qualifying e ainda atingiu os quartos de final, onde foi desfeiteado por D.Medvedev, em sets diretos. Já em Winston Salem quedou-se pelos quartos de final, sendo nessa fase derrotado por Shapovalov, em 2 sets. Já no US open, não foi além dos oitavos de final, sendo derrotado pelo surpreendente M.Berrettini, em sets diretos. Em S.Petersburgo teve um resultado similar ao quedar-se pelos quartos de final, perdendo outra vez com Medvedev. Já em Pequim acabou nos melhores 16 às mãos de Fognini.
   Rublev é um jogador de alta rotação que arrisca tudo com a sua direita, que realmente é muito forte, mas também um jogador que rapidamente se descontrola e entra numa espiral de erros não forçados.



Conclusão: Creio que o alemão vai acabar por vencer este encontro. Zverev tem sido muito mais pendular e consistente nesta fase da temporada e isso costuma ser um indicador muito importante para os desfechos dos encontros, dado o acumular da fadiga e a variedade de estados de espírito dos tenistas neste período.
              Outra questão a ter em conta é que entre dois ótimos servidores, a maior consistência de Zverev no fundo do court e a melhor calibragem da sua backhand deverão ser determinantes para o score final.
   
O que têm em comum Lionel Messi, Eddy Merckx, Michael Jordan e Sniperthebest? 3 TITLES IN A ROW!
VENCEDOR...LIGA SPORTINGBET + BET365 + FANTASTICWIN Futebol Dez. 2012



sniperthebest

  • Magnata
  • s
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Fev 2010
  • Localidade:
  • Mensagens:
    19050
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    5158
em: 09 de Outubro de 2019, 23:33
10 de outubro de 2019, 12.30
Ténis
ATP Xangai
Novak Djokovic - John Isner
Pick: Total de jogos: Mais 21.5 jogos Betclic 1.53


   O sérvio Novak Djokovic é o número um mundial e dispensa apresentações já que é o terceiro tenista da história com mais majors conquistados.
   Novak Djokovic venceu epicamente Wimbledon, derrotando na final Fed Express. Em Cincinnati perdeu nas meias-finais com Medvedev, mas surpreendeu pela negativa no Us open, ao ser eliminado nos oitavos de final ao desistir no terceiro set com Wawrinka. Já no open do Japão voltou ao ser melhor nível, ao vencer o certame, tendo derrotado nos derradeiros encontros D.Goffin e J.Millman.
   Djokovic tem das melhores respostas do circuito, não deixa aos big hitters uma vida facilitada na subida à rede, devido aos seus passing shots e mais que a potência, sobressai pela fiabilidade da sua forehand e pela colocação dos seus golpes.



   John Isner é justamente conhecido pelo saque canhão e mesmo não estando no topo do seu jogo é o número 17 do mundo.
   Isner desiludiu em Wimbledon, mas emendou a mão em Newport, prova em que venceu na final Bublik, em sets diretos. Seguiu-se dois oitavos de final em Atlanta e Washington, respetivamente. Depois na Rogers Cup não foi além da ronda 2, tendo aí perdido com Garin em sets diretos. Enquanto em Cincinnati, na mesma ronda baqueou diante de Carreno-Busta. Já no US open também esteve aquém das expetativas ao não ir além da ronda 3, onde perdeu para M.Cilic, em 4 sets e ainda conseguiu uma presença nos melhores 8, em Pequim.
   O gigante norte-americano faz jus à sua altura e é capaz dos serviços mais demolidores e é um jogador que não se importa de cometer erros não forçados ou duplas faltas para rentabilizar a sua poderosa direita. Naturalmente falta-lhe jogo de rins e versatilidade e isso acaba por penalizá-lo contra jogadores de ranking mais elevado do que o seu.



Conclusão: Apesar do franco favoritismo de Novak Djokovic, é bem possível um over de jogos, já que Djokovic tem tido algumas oscilações físicas na parte final desta temporada e enquanto estiver fresco, especialmente no primeiro parcial vai ser muito difícil de quebrar o saque ao americano.
             Outra questão a ter em conta é que Isner tem estado muito consistente nos winners de direita, L.Pouille que o diga já em Xangai e Djokovic mesmo obrigando o americano a correr não deve ter vida fácil neste encontro, já que Isner está a começar a encarreirar neste certame.
   
O que têm em comum Lionel Messi, Eddy Merckx, Michael Jordan e Sniperthebest? 3 TITLES IN A ROW!
VENCEDOR...LIGA SPORTINGBET + BET365 + FANTASTICWIN Futebol Dez. 2012



Forum de Apostas

Re: ATP Xangai - Outubro de 2019
« Responder #32 em: 09 de Outubro de 2019, 23:33 »

joelsant0s

  • Multimilionário
  • j
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Mai 2013
  • Localidade:
  • Mensagens:
    5884
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    2023
em: 11 de Outubro de 2019, 00:35
Alexander Zverev vs Roger Federer
11/10/2019
11.30
ATP Shanghai

Alexander Zverev, tenista alemão de 23 anos, número 6 do ranking ATP. Zverev é um jogador talentoso e com capacidade para estar no top10 durante muitos anos mas que subiu muito e muito rápido e parece lhe ter custado. Ele tem tido uma época má, com várias derrotas inesperadas e não parece ter ténis muitas vezes para oponente de rankings abaixo mas depois da Laver Cup melhorou bastante. Zverev é um tenista com um óptimo serviço e que mentalmente é forte, conseguindo lutar sempre pelo jogo e mostrando consistência. Tem um estilo ofensivo mas não é um jogador que suba muito à rede, preferindo jogar do fundo do court mas a ditar os rallies. É inteligente nas suas pancadas e cobre bem todo o court. Este ano venceu o ATP de Geneva.

Roger Federer, tenista suíço de 38 anos, número 3 do ranking ATP. Muito conhecido por ser o melhor jogador de sempre da modalidade, é sem dúvida incrível o que ele ainda joga com esta idade, uma idade em que muitos já se retiraram, mas o seu talento e a sua capacidade faz-lho estar ainda na lista de melhores jogadores do mundo. É um jogador muito inteligente, com grande toque de bola e com uma excelente backhand a uma mao. Gosta de misturar o seu jogo mas procura mais atacar os pontos (principalmente pois as suas pernas já não estão as mesmas). Usa muito os slices e serve bastante bem. Venceu este ano o ATP do Dubai, o Masters de Miami e o ATP de Halle.

Até queria apostar em Zverev porque ele tem subido muito o nível e sei que vai dar tudo mas a verdade é que Federer é sempre aquele oponente super difícil de ganhar e muitos oponentes acusam ao jogar contra ele. Acima de tudo acho que vai ser equilibrado, Zverev anda a servir bem e Roger não é um grande returner, teve perto de perder o 1º set frente a Goffin ontem e acredito que isto terá over de jogos.

Pick: Mais de 22.5 jogos a 1.75 na betclic




 


Casas de Apostas: bet pt / Betclic / ESC Online / Nossa Aposta / Casino Portugal

Rede Apostaganha: Apostas / Palpites e Dicas de Apostas / Pronósticos de Apuestas / Betting Tips and Predictions