Autor Tópico: [Mundial 2018 - 1/4 - Final ] Uruguai vs França 06.07 15:00  (Lida 548 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Ricardo Matos

  • Administrador
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Dez 2012
  • Localidade: Coimbra
  • Mensagens:
    31428
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    753

Lista de Análises e Previsões/Prognósticos
AKA Spinosa
AG Brasil: http://www.apostaganhabr.com/



pikachu

  • Rico
  • p
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Ago 2017
  • Localidade:
  • Mensagens:
    691
  • Nacionalidade: br
  • Pts Tipsr:
    323
em: 03 de Julho de 2018, 11:27
Evento: Copa do Mundo
Jogo: Uruguai x França
Data/Hora: 06/07 15:00 (BR)
Aposta: Ambas equipes marcam? Sim
Odds premiwin: 2,40


Uruguai: a seleção uruguaia venceu os 3 jogos na fase de grupos e se classificou em primeiro lugar do grupo, nas oitavas de finais passou por Portugal vencendo por 2 à 1, tendo assim 100% de aproveitamento na competição. A briga pelo título já é uma realidade, o Uruguai vem fazendo ótimas partidas, mostrando um futebol de encher os olhos do seu torcedor. Para este importante jogo a seleção uruguaia tem uma dúvida no time, o atacante Cavani ainda sente dores na panturrilha, por isso realiza um trabalho diferenciado e passa por recuperação.

França: a seleção francesa fez 7 pontos na fase de grupos e se classificou em primeiro lugar do grupo, nas oitavas de finais passou pela Argentina vencendo por 4 à 2 de virada. O futebol da França vem subindo de produção e a equipe já é uma das favoritas a vencer a copa. Agora é uma fase muito importante, nesta fase não tem margem para erros, uma vitória representa um passo importante ao título e uma derrota é a eliminação. O ponto forte da equipe tem sido seu ataque, que já balançou as redes 7 vezes na competição, mas a sua defesa sofreu 3 gols na copa.

Conclusão: A França costuma marcar muitos gols e não tem uma defesa muito boa, portanto, acredito que apostar no mercado Ambas equipes marcam seja bem seguro e com um ótimo retorno.



azcomeon

  • Milionário
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Mar 2018
  • Localidade:
  • Mensagens:
    1337
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    867
em: 04 de Julho de 2018, 02:06
06-07-2018, 15h00 | Mundial 2018
Uruguai - França


A seleção uruguaia conseguiu o apuramento para estes quartos-de-final após ter eliminado Portugal na ronda anterior, com vitória por 2-1. Na fase de grupos, tinham conseguido outras três vitórias, pelo que chega aqui com pleno de triunfos, num saldo total de 7 golos marcados e apenas 1 sofrido em 4 jogos. No grupo A, enfrentou Egito (1-0), Arábia Saudita (1-0) e Rússia (3-0).

Na jornada inaugural, o Uruguai sentiu algumas dificuldades para bater uma seleção egípcia que acabaria por ser das poucas a sair da Rússia sem qualquer ponto somado. Muito por culpa do desperdício de algumas oportunidades que criaram, especialmente com Luis Suárez em foco no capítulo da finalização, já que defensivamente estiveram razoavelmente bem e não permitiram grandes chances a um Egito que não teve Salah. O golo da vitória acabou por chegar na sequência de uma bola parada, em cima do minuto 90, pelo central Giménez, repondo alguma justiça no marcador e catapultando o Uruguai para um bom arranque.

Na segunda ronda, uma exibição demasiado q.b. contra uma Arábia Saudita sedenta por mudar a imagem deixada após a goleada de 5-0 sofrida com a Rússia na estreia. Nesse jogo, o Uruguai venceu por 1-0, com novo golo após bola parada, desta feita um canto, com Suárez a redimir-se do desperdício do primeiro jogo e a aproveitar sem marcação uma falha defensiva dos sauditas. A ganhar por 1-0 a meio da primeira parte, o Uruguai não forçou minimamente o 2-0, limitou-se a gerir a vantagem, sem deixar, é verdade, a Arábia ficar perto do 1-1. Ainda assim, exibição cinzenta, claramente intencional por parte de Tabarez, a jogar para os mínimos.

Na terceira jornada da fase de grupos, vitória por 3-0 à anfitriã Rússia, com a melhor exibição no Mundial até então. Ainda assim, foi um jogo com contornos especiais. Suárez adiantou, de livre direto, a sua equipa logo aos 10 minutos, aos 23' o Uruguai chegou ao 2-0 num lance algo fortuito, em que a FIFA acabou por atribuir auto-golo a Cheryshev. Para ajudar à festa, aos 36 minutos o defesa Smolnikov foi expulso e deixou os russos a perder por 2-0 e em inferioridade numérica. O Uruguai geriu a vantagem, não permitiu à Rússia grandes ocasiões e acabou por fixar o 3-0 final já nos descontos, novamente num golo que nasce de um pontapé de canto, com Cavani a estrear-se a marcar.

Nos oitavos-de-final, o craque do PSG deu o triunfo ao Uruguai, num jogo repartido e equilibrado na primeira parte e com grande domínio português na segunda. No entanto, ficou novamente em evidência a solidez defensiva de um conjunto que prioriza o resultado, já que Portugal teve muita bola e presença no meio-campo uruguaio, mas criou muito poucas oportunidades de golo, havendo, de destaque, apenas o golo de Pepe (ironia do destino, o primeiro golo que o Uruguai sofreu no Mundial foi de bola parada) e o perigo criado na jogada imediatamente antes do canto que dá o 1-1 e noutro lance em que Bernardo Silva com Muslera fora da baliza atirou por cima. Além da solidez defensiva, o Uruguai mostrou que com a categoria de Suárez e Cavani não precisa de criar muito para marcar, tendo mesmo feito apenas 3 remates à baliza em todo o jogo e marcado 2 golos, com Cavani a assinar os dois, numa falha de marcação da defesa portuguesa no primeiro e a aproveitar mau posicionamento de Patrício no 2-1, numa jogada com três toques, onde o primeiro é do guarda-redes Muslera.

Para esta partida dos quartos-de-final, Edison Cavani está em dúvida, ele que saiu lesionado do jogo com Portugal aos 74 minutos.

A França afigura-se como um dos favoritos resistentes num Mundial com muitas surpresas e onde já muitos tubarões foram para casa, à cabeça a campeã em título Alemanha. A presença nestes "quartos", deve-se ao triunfo perante a Argentina, por 4-3, nos "oitavos", depois de uma fase de grupos de serviços mínimos, com 7 pontos, conquistados contra a Austrália (2-1), o Peru (1-0) e a Dinamarca (0-0).

No jogo com os australianos, os franceses venceram mas deixaram a desejar. Com um futebol lento, previsível, pouco intenso, acabaram por marcar de penalty e num auto-golo. A Austrália deixou uma boa imagem e também só marcou por uma infantilidade de Umtiti, que tocou a bola com a mão dentro da sua grande área, oferecendo a Jedinak a possibilidade de, na altura, fazer o 1-1 pouco tempo depois do golo de Griezmann que deixou a França em vantagem (58'). O lance do auto-golo de Behich, a meias com Pogba, veio no minuto 80, com a França a chegar ao 2-1 sem forçar muito para ganhar.

Na segunda jornada, triunfo muito sofrido contra um Peru dinâmico, atrevido e ofensivo. Na primeira parte, a França praticou o melhor futebol da sua fase de grupos, marcou um e poderia ter marcado mais e não permitiu aos peruanos a criação de muitas oportunidades. No segundo tempo, Deschamps baixou as suas linhas, viu o Peru encostar a sua equipa ao último terço, sem capacidade sequer para ferir no contra-ataque, ora por não conseguir sair, ora por desperdiçar as rarissimas vezes em que conseguiram chegar com perigo à baliza de Gallese. Acabariam por ganhar, fruto do golo de Mbappé na primeira parte, mas com muito suor à mistura.

À distância de um empate para confirmar o 1.º lugar do grupo, frente a uma Dinamarca que também só precisava do ponto para carimbar o 2.º lugar e consequente apuramento, a França contribuiu para o que muitos apontam como o pior jogo do Mundial 2018 até ao momento. O empate sem golos, por sinal o único até ao momento em mais de 40 jogos efetuados, fala por si.

Nos oitavos-de-final, dominaram a Argentina e foram melhores do que o resultado de 4-3 revela. Na primeira parte, conseguiram colocar em sobressalto a defesa argentina em algumas ocasiões, não permitindo a criação de nenhuma oportunidade aos argentinos, que chegariam ao intervalo empatados fruto de um grande golo de Di María, num claro gesto de inspiração individual. Apesar de terem ficado em desvantagem no início da segunda parte, a França mostrou grande personalidade e viria a virar de 1-2 para 4-2 no espaço de 20 minutos. O 4-3 surgiu já no penúltimo minuto da compensação, com Agüero a cabecear uma excelente bola de Messi a estragar o handicap francês e a relançar hipoteticamente a Argentina na eliminatória, algo que não conseguiram. Nesse jogo, a França voltou a entusiasmar, à imagem do que fez na primeira parte do jogo do Peru, revelando qualidade na gestão do resultado, mas também que pode ser muito perigosa quando decide acelerar o jogo e, especialmente, em transição.

O médio Blaise Matuidi é a única baixa confirmada, depois de ter visto cartão amarelo no jogo contra a Argentina, estando em risco de falhar o jogo dos "quartos". Baixa de peso, que contribui e de que maneira para o equilíbrio no meio-campo francês, quer a defender, quer a gerir a construção recuada do jogo da França.

A nível tático, este Uruguai - França deverá ser um dos melhores jogos deste Mundial. Para quem gosta de emoção e futebol espetáculo, nem tanto. Com a capacidade que os gauleses têm de ferir as defesas contrárias pela velocidade de Mbappé e Griezmann e a matreirice deste Uruguai, não é difícil prever uma França com mais bola mas com dificuldades para criar situações de golo e penetrar com efetividade no último terço do terreno. Tabarez vai jogar à imagem do que fez contra Portugal na segunda parte, vai dar bola aos franceses, porque de outra forma arrisca-se a sofrer e logo agora que Mbappé está com os níveis de confiança reforçados, depois do bis e excelente exibição frente à Argentina. Infelizmente para os franceses, o jovem craque do PSG não vai ter os mesmos espaços e vai sofrer com Godín para marcar. Prevejo uma primeira parte muito amarrada e nem excluo a possibilidade de prolongamento. No entanto, acredito que com o passar do tempo os franceses vão conseguir criar mais perigo, até porque correr sem bola cansa mais do que com bola e o Uruguai, à medida que o jogo se aproxime do fim, eventualmente irá acusar mais desgaste físico. A França é superior, a nível técnico e tático, é certo que Matuidi é indispensável, mas creio que Tolisso vai substituir bem o jogador da Juventus, e esta estratégia defensiva do Uruguai não vai resultar sempre. Se Cavani não for a jogo, dificilmente o Uruguai marca neste jogo, e mesmo que alinhe de início acredito que a França é mais capaz e deve conseguir ganhar nos 90 minutos, até porque levar o jogo a prolongamento é arriscar os penaltys e aí, já se sabe, tudo pode acontecer.

Portal > Empate HT/França FT @ 4.10 ESC (5/10)
Liga > França para se qualificar @ 1.43 ESC (10/10)



Forum de Apostas

Re: [Mundial 2018 - 1/4 - Final ] Uruguai vs França 06.07 15:00
« Responder #2 em: 04 de Julho de 2018, 02:06 »

LuisCristovao

  • Rico
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jul 2017
  • Localidade:
  • Mensagens:
    515
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    479
em: 04 de Julho de 2018, 11:32
Uruguai - França
Mundial 2018
6 julho, 15h

Under 2.5 golos @1.40 na BetPt



Os quartos-de-final trazem-nos grandes jogos, confirmando-se percursos de qualidade de equipas que apresentam ideias e estilos de jogo diferentes. Logo no primeiro encontro, entre Uruguai e França, estaremos perante essa mesma questão de encontrar uma equipa que pensa o jogo a partir do seu bloco defensivo, como é o caso dos uruguaios, perante um conjunto que olha o jogo a partir da sua capacidade de desequilibrar na frente, o caso dos franceses.

Para Óscar Tabárez, este jogo vem trazer novas questões sobre como organizar a sua equipa. Se frente a Portugal sentiu a necessidade de adaptar o seu sistema para uma visão assimétrica, tentando cobrir parte das qualidades portuguesas, nesta partida, será necessário conter o jogo a partir do corredor central, sobretudo as subidas de Pogba, enquanto fecha espaço para as correrias de Mbappé. Com dúvidas sobre a utilização de Cavani, perderá também por aí uma das suas principais armas para procurar o golo.

Didier Deschamps tem que encontrar um substituto para Matuidi, talvez a peça mais difícil de substituir na seleção francesa, tendo em conta a importância que tem para a ligação entre meio-campo e ataque, sendo também essencial nas questões do equilíbrio defensivo. Mesmo assim, será um jogo onde os franceses poderão estar expostos à necessidade de ter a bola, o que poderá desvendar algumas das suas dificuldades para criar desequilíbrio em posse, perante um bloco muito recuado.

O jogo poderá tender para a procura da paciência de ambas as partes, evitando erros e buscando, através das forças que têm disponíveis, criar desequilíbrios. Soltar um pouco mais Mbappé para aparecer em diagonais poderá criar problemas para o meio-campo uruguaio, mas será necessário que a equipa da América do Sul consiga apresentar forças ofensivas, de maneira a não ficar “enterrada” na tomada de iniciativa francesa.



Douglas10

  • Bilionário
  • D
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Mar 2013
  • Localidade:
  • Mensagens:
    3245
  • Nacionalidade: br
  • Pts Tipsr:
    1531
em: 04 de Julho de 2018, 18:48
Uruguai x França
06/05 - 11h
Pick: Over 9 cantos @2,05 Bet90


Uruguai e França abrem a fase de quartas-de-final nesta sexta-feira, no Nizhny Novgorod Stadium. Quem vencer enfrenta o vencedor de Brasil e Bélgica nas semis.

O Uruguai não tem o melhor futebol praticado neste mundial, mas tenho certeza absoluta que é um dos times que impoe um dos estilos mais competitivos e intensos de todos que vi até agora.
É uma equipe que consegue aliar uma marcação ferrenha, um sistema defensivo em que absolutamente todos os jogadores compõem uma sólida e equilibrada linha de defesa.
Assim que passou a primeira fase sem tomar gol, e nas oitavas bateu Portugal vencendo por 2-1, em grande atuação de Cavani.
A má notícia é que o Cavani não deve ir pro jogo, já no final da partida diante dos portugueses o uruguaio saiu com desconforto na panturrilha.

A França passou a primeira fase inteira com um futebol bem sem graça. Embora tenha um time repleto de jogadores de alto nível, parecia que Deschamps não conseguia extrair dos atletas seu máximo potencial.
Já nas oitavas diante da Argentina o time mostrou a cara, um futebol agressivo, vertical, muito veloz, principalmente com Mbappé.
Uma vitória por 4-3 que dá a expectativa de favoritismo diante do Uruguai, mas ao meu ver nem tudo foram flores naquela partida.
De boas notícias podemos colocar que o time foi agressivo, poderia ter feito mais do que 4 gols, Mbappé, Griezzman os destaques, jogadores de meio toda hora no ataque. Já como má notícia vimos que o time cedeu a virada, algumas vezes dando espaços pros argentinos, e Giroud não teve qualquer acréscimo ao ataque.

Nesse jogo acho que a proposta é clara. A França deve ter mais posse de bola, agredir, e o Uruguai tentar explorar contra-ataques e a bola aérea que é muito forte. Sem Cavani o Uruguai perde muito, Suarez fica um quanto isolado, mas por outro lado, a França não vai ter o espaço pra empregar velocidade como teve contra os argentinos.
Acho que chutes de média distância, bolas altas e escanteios devem ser decisivos, e a aposta nos cantos me parece uma boa.



Rodrigo Cesar

  • Administrador
  • Estado:
    Online
  • Registo: Ago 2008
  • Localidade: São Paulo - Brasil
  • Mensagens:
    39199
  • Nacionalidade: br
  • Pts Tipsr:
    5193
The wisdom of the fool won't set you free

http://www.apostaganhabr.com/



Felipe Coutinho

  • Devedor
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jun 2018
  • Localidade:
  • Mensagens:
    134
  • Nacionalidade: br
  • Pts Tipsr:
    216
em: 04 de Julho de 2018, 22:56
França vs Uruguai - Quartas
06/07/2018 - 11:00 (BRT) | Nijni Novgorod
Bet: França ML
Odd: 1,95 @Bet90



França: junto ao Brasil, na minha opinião, é a equipe que demonstrou melhor futebol coletivo e individual, logo sendo favoritíssima ao título. O trio ofensivo formado por Mbappé (candidato a craque da copa), Griezman e Giroud vem funcionando muito bem e a sinergia da seleção francesa é tão grande que o futebol apresentado por jogadores sem tanta habilidade técnica como os citados também vem se apresentando muito bem. Casos de Matuidi (na outra ponta do 4-2-3-1 de Didier Deschamps) e dos laterais Pavard e Hernandéz (que estão fazendo muito bem a função de ultrapassagens pelos lados do campo). No meio não preciso nem citar a importância tática que tem a dupla Kanté e Pogba. Nas partidas contra Peru e boa parte do jogo contra a Argentina, quando a França tinha o controle do jogo por ter o domínio da porção central do campo, esses jogadores eram os principais responsáveis por isso.

Já deu pra perceber que eu sou um grande fã do modelo de jogo e do futebol apresentado pelo conjunto francês, mesmo com as dificuldades para furar os bloqueios da Austrália e da Dinamarca na fase de grupos. Tem como característica a manutenção de posse da bola, mas sem perder a objetividade. Não é uma seleção entediante como a Espanha.

Uruguai: a análise desta seleção começa por uma má notícia para seus adeptos e adeptos do bom futebol em geral: nesta quarta feira o astro Edinson Cavani foi confirmado como desfalque para o Uruguai na partida de quartas-de-finais contra a França, de acordo com o jornal uruguaio "Ovación". Com um edema na panturrilha esquerda, lesão que o fez ser substituído durante a partida de oitavas-de-finais, Cavani tinha a esperança de se recuperar a tempo de entrar em campo. No entanto, a recuperação não foi suficiente para o colocar entre os titulares. Como o técnico Óscar Tabárez trabalha com a norma de que os jogadores precisam estar 100% em 48 horas antes dos jogos, o centroavante não será titular.

Li uma reportagem muito interessante mostrando como o Uruguai se comporta em jogos eliminatórios onde não pode contar com a dupla Cavani-Suarez no ataque. Neste artigo pude tirar a conclusão de que não acontece a perda da qualidade técnica do jogador em questão, mas também a capacidade psicológica do time como um todo é abalada. Os jogos em que a dupla não esteve em campo ao mesmo tempo:

Uruguai 2x3 Holanda - Semifinal da copa de 2010. Suarez foi expulso na partidas de quartas contra Gana e não pôde enfrentar a Holanda.
Uruguai 0x2 Colômbia - Oitavas da copa de 2014. Suarez foi suspenso pela FIFA por morder zagueiro da Itália no último jogo da fase de grupos. Com Cavani isolado no ataque, a Celeste acabou derrotada pelos colombianos por 2 a 0 no Maracanã, despedindo-se do Mundial do Brasil.
Uruguai 0x1 Chile - copa América de 2015. Cavani foi expulso ao revidar provocação do chileno Jara. Após sua expulsão, o Chile cresceu em campo e conquistou a vitória por 1 a 0, gol do lateral Isla no fim.
Copa América de 2016: o Uruguai tentava dar a volta por cima na mesma competição, quando Suárez lesionou a coxa às vésperas do início da Copa América Centenário, nos Estados Unidos. Sem um dos seus galáticos, a Celeste amargou a eliminação na primeira fase com derrotas para México (3 a 1) e Venezuela (1 a 0). Na terceira rodada, já eliminada, a equipe fez 3 a 0 na Jamaica.

11 iniciais

Matuidi, suspenso, deve ser a única ausência da França, e seu provável substituto é Tolisso, presente na estreia francesa na Copa, a vitória de 2 a 1 sobre a Austrália. No Uruguai, Stuani é o favorito para o lugar de Cavani, enquanto o meia Cebolla Rodríguez corre por fora numa eventual mudança de esquema. A expectativa agora é se Cavani conseguirá, pelo menos, ir para o banco de reservas.

Provável França: Lloris, Pavard, Varane, Umtiti e Hernandez; Kanté, Tolisso e Pogba; Mbappé, Giroud e Griezmann.
Provável Uruguai: Muslera – Laxalt, Godín, Coates, Caceres – Vecino, Torreira, Nandez – Bentancur – Stuani, Suarez.

Conclusão: a França é junto ao Brasil o conjunto favorito ao título. Tem modelo de jogo bem definido e não foge do padrão de apresentações, mesmo contra adversários gigantes do futebol mundial (caso da Argentina). Acredito que farão outra bela apresentação. O Uruguai sem a dupla Suarez-Cavani não é a mesma seleção como comprova o histórico recente de eliminações em competições FIFA e deve sentir bastante a perda do atacante camisa 21, por isso acredito que a França avança de fase.



Enak222

  • HighRoller
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jan 2012
  • Localidade: Porto
  • Mensagens:
    11720
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    3079
em: 04 de Julho de 2018, 23:57
Uruguai x França
06-07-2018 às 15h


Menos 2 golos @ 1.69 Bet

Em mais uma partida desta prova, desta sexta-feira, do Campeonato do Mundo de 2018 da Rússia, no primeiro jogo da ronda dos quartos de final da competição, defrontam-se, na cidade de Nizhy Novgorod, no Estádio Nizhy Novgorod, a seleção do Uruguai, e a seleção da França, neste que é primeiro jogo entre as duas equipas em cerca de 5 anos, sendo que a última partida oficial entre as duas seleções data de 2010, no Mundial da África do Sul.

Uruguai
A seleção do Uruguai entra neste encontro depois de um brilhante prestação neste Campeonato do Mundo da Rússia até ao momento, sendo das poucas equipas que conseguiu vencer todos os jogos realizados até ao momento, batendo Egipto, Arábia Saudita e Rússia na fase de grupos, tendo depois eliminado Portugal na ronda dos oitavos de final, tendo-o conseguido através de um jogo muito pragmático e com uma capacidade de eficácia que faz toda a diferença a este nível. A equipa volta assim a conseguir mais uma campanha interessante nas provas deste tipo.

França
Já a seleção de França chega a este encontro depois de apenas não vencer um dos seus quatro jogos realizados nesta sua campanha no Mundial, ainda que curiosamente nunca tenha conseguido vencer nenhum dos jogos que venceu por mais de um golo de diferença, apresentando normalmente algumas dificuldades para apresentar um futebol consistente e de qualidade suficiente para a qualidade dos seus jogadores.

Conclusão
Tendo em conta aquilo que é uma postura bastante pragmática da formação do Uruguai, que tem dado bastantes frutos para a equipa de Tabárez, e perante uma França que penso que, pelo menos para já, ainda não convenceu, acredito que este jogo poderá ser enfadonho, um pouco à imagem do que sucedeu com o jogo entre Uruguai e Portugal, com um jogo monótono e com poucas oportunidades claras de golo, o que creio que levará a que haja também uma menor probabilidade de surgirem golos nos 90 minutos.



Forum de Apostas

Re: [Mundial 2018 - 1/4 - Final ] Uruguai vs França 06.07 15:00
« Responder #7 em: 04 de Julho de 2018, 23:57 »

Ricardo Matos

  • Administrador
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Dez 2012
  • Localidade: Coimbra
  • Mensagens:
    31428
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    753
em: 05 de Julho de 2018, 10:21
Campeonato do Mundo
Rússia 2018
Quartos de final
Uruguai vs França
06.07.2018
15:00
Estádio: Nizhny Novgorod

Já se esqueçeram que temos Mundial? Não? Esta paragem quase que nos deixa angustiados, naquela ansiedade de que falta algo do nosso dia a dia. Habituamos-nos mal, com 3 jogos por dia e depois passamos dois dias inteiros sem nada.

Hoje joga-se um Uruguai contra uma França para os quartos de final deste mundial da Russia.
Joga-se cedo, digamos onde mais uma vez o calor poderá fazer a diferença no final dos 90 minutos. Ambas as equipas não sofreram muito para aqui chegar se o Uruguai passou a última eliminatória nos 90 minutos a França também.

Discutindo um pouco os oitavos de final

Se houve desgaste eu diria que sim, o Uruguai contra Portugal teve que fazer um jogo comedido, mas sentiu sobretudo na ultima fase do jogo. Cavanni saiu até lesionado e espera-se que não vá a jogo hoje. Considero que seja uma baixa de peso. Mesmo ter feito um jogo lento  e isso notava-se cada vez que o Uruguai repunha a bola em campo. De facto o treinador uruguaio soube medir as forças neste jogo e esteve de parabéns usando a táctica de quem não marca arrisca-se a sofrer. Jogo muito bem trabalho pelo treinador, uma velha raposa nestas andanças e nestas competições curtas.

Já a França teve um jogo mais emotivo, quase que a Argentina saiu por cima do jogo, o que obrigou a França a fazer um esforço extra para passar os rapazes de Messi e companhia. Foi mais intenso e obrigou por isso um esforço extra e a correm mais.

Houve tempo para recuprar os estados de alma e ansiadade e de forças fisicas, as coisas estão cada vez mais complicadas e hoje espera-se mais um jogo emotivo e com sal e pimenta à mistura.

Analise do Uruguai

Mérito ao mestre da táctica o Senhor treinador, desta selecção Uruguai. Se temos visto tácticas perfeitas, tirando o melhor que cada jogador tem em prol da selecção é esta selecção do Uruguai.
Dois centrais que jogam de olhos fechados e até aos ¼ de final ainda não tinham sofrido qualquer golo. Foi preciso uma bola parada para Portugal marcar. Uma táctica de poupança, de gerir as emoções, eu até diria mais, esfriar as motivações da equipa adversária, e isso aumenta a ansiedade da outra equipa, logo desde de inicio.  Atacar pela certa foi o que fez Cavanni e Suarez e isso surpreendeu Portugal. Hoje diria que poderão fazer o mesmo, mas desta vez sem Cavanni. Vejo que a dinâmica ofensiva perderá alguma mais valia. Estes dois estavam a entender-se mais do que nunca.

Acredito que o seleccionador Uruguaio irá arranjar uma solução para isso, mas desta vez terá jogadores muito rápidos pela frente, e muito sinceramente acredito que a “ideia” de jogo seja bem diferente do que teve para o jogo de Portugal.

Não sei o que a “velha raposa” fará mas o mais certo é que irá montar bem a estratégia e que os jogadores irão cumprir ao mais ínfimo pormenor, eu acredito nisso.

Analise da França

Começo pela ausência, Matuidi está de fora e poderá perder algum fulgor a meio-campo mas esta equipa Francesa é boa é do meio-campo para a frente com as estrelas do momento, o avançado do PSG e do Atl. Madrid.

Vejo a equipa de França com bons argumentos para poder discutir este jogo taco a taco com o Uruguai. Mesmo na fase de grupos a França sofreu alguns golos, sinceramente é isto que me deixa mais reticente sobre o jogo que estamos a analisar. Mas por outro lado aquele jogo frente à Argentina foi surpreendente e muito emotivo. Vou-lhe dar a ponderação necessária para o resultado deste prognostico.

Se a França resolve, sim na frente tem poder para isso, e vejo que hoje vai depender muito da paciência dos seus homens da frente, e que sejam eles os principais actores, sem esquecer de Varane lá atrás a cair em cima de Suarez e de quem poder substituir Cavanni.

Um jogo que os mestre da tactica terão que colocar no terreno de jogo se quiserem sobreviver a mais um mata-mata.

Diria que a França não é das melhoress selecções neste campeonato do mundo, mas até agora já soube mostrar que mesmo “á rasca” passa por uma Argentina por exemplo. Eu sei que a Argentina não esteve muito bem, mas não ignoraremos o jogo que foi, um dos mais espectaculares deste mundial.

Diria que este será mesmo um dos jogos mais complicados para a França até agora, e não só a malta da frente como o selecionar terão que puxar dos galões se quiserem seguir em frente.

H2H:
05.06.13   FI   Uruguai   França   1 : 0
15.08.12   FI   França   Uruguai   0 : 0
11.06.10   WC   Uruguai   França   0 : 0
19.11.08   FI   França   Uruguai   0 : 0
06.06.02   WC   França   Uruguai   0 : 0

Conclusão:

Difícil fazer um prognóstico sem saber e Cavanni vai a jogo ou não! Eu penso que sim, não acredito que as explicações dadas pelo departamento médico sejam suficientes para afastar o avançado. Não houve ruptura, só edema. Bom não sou médico mas deixa antever uma recuperação. Obviamente que só se saberá na altura do jogo. Mas acredito que mesmo que ele não vá, alguém o vai substituir da mesma forma, mas uns furos abaixo confesso. A questão é com ou sem Cavanni. Pela primeira vez direi duas opções de apostas com ou sem Cavanni e direi aquela que pode ajustar-se para ambos os cenários.

Se Cavanni jogar é simples, ambas marcam neste jogo, é de ir pois mesmo que não esteje a 100% a dupla vai funcionar de alguma maneira. Acredito que um golo possa cair para os Uruguaios e a França também o faça.
Se Cavanni não jogar, é mais dificíl o Uruguai marcar, mas não é impossivel, aliás viu-se quando cavanni saiu do jogo frente a Portugal, Suarez sozinho teve muito mais sozinho e teve dificuldades acrescidas para fazer o golo. Sei que o momento do jogo era outro, era mais de contensão do que de ataque, pois estavam a ganhar. Se Cavanni não jogar temos que o uruguai tenha dificuldades de marcar e que a França, que tem um meio-campo mais coeso e forte pode até ganhar o jogo.

Assim deixo duas apostas para as duas situações, aconselho a esperar pela certeza absoluta da situação fisica de Cavanni. Eu pessoalmente vou dividir a stake em dois e colocar nas duas apostas que vou referir a seguir.

Cavanni não joga e Tip Principal

França @ 2.05
França @ 1.91 Esc online

Cavanni joga:

Ambas marcam @ 2.31
Ambas marcam @ 2.30 Esc online
« Última modificação: 05 de Julho de 2018, 10:40 por Ricardo Matos »
AKA Spinosa
AG Brasil: http://www.apostaganhabr.com/



Kassiano Boer

  • Crava
  • K
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Set 2017
  • Localidade:
  • Mensagens:
    56
  • Nacionalidade: br
  • Pts Tipsr:
    68
em: 05 de Julho de 2018, 14:28
Uruguai x França
06/07/2018 – 11:00 Hrs.
Pick: França vence @ 2,00 na Bet 365.

Uruguai
Com a moral lá em cima, o Uruguai chega para esse confronto com a confiança de uma das defesas menos vazadas de todo o mundial, pois, só levou um gol até aqui sendo esse contra a seleção de Portugal no Último jogo. No início da copa do mundo o Uruguai não tinha seu meio campo encaixado, era só defesa e ataque, a prova disso é que todos os gols até ali tinham sido feitos de bola parada ou de origem de bola parada, depois, a partir da ultima rodada da fase de grupos o time conseguiu fazer com que seu jogo fosse melhor desenvolvido no meio campo, oferecendo assim jogadas melhores para seus atacantes Suárez e Cavani que aproveitaram muito bem as oportunidades criadas. Para essa partida o técnico talvez tenha uma baixa de muita importância no ataque, pois, seu centroavante Cavani teve que ser substituído no ultimo confronto e é dúvida para esse jogo.

França
A França sem dúvida tem um dos melhores e mais promissores ataques desse mundial, com o rápido Mbappé jogando junto com a criatividade de Griezmann e o aproveitamento de Giroud  a equipe promete, sem contar que no meio campo tem entre outros nomes Pogba, que traz uma segurança enorme no time inteiro. Até aqui a França se mostrou um time consciente e calculista, pois, apesar das vitórias magras na fase de grupos não correu riscos em praticamente nenhuma partida, exceto contra a Argentina nas oitavas de final quando foi surpreendida ao tomar a virada da equipe Sul Americana, assim que precisava do resultado a equipe francesa buscou e não teve muitas dificuldades para retomar o controle do jogo, provando que tem um jogo consistente e fatal contra qualquer adversário que tente jogar de igual pra igual.

Prognóstico
Para esse jogo temos uma dúvida que é a ausência ou não do atacante Cavani no Uruguai, porém, a certeza é que se ele for jogar contra a França certamente não estará 100%, ainda mais que não treinou. Tudo isso pode ser um blefe para enganar a equipe Francesa, mas acredito que mesmo que estiver bem para o jogo ele começará no banco devido ao histórico do técnico Uruguaio que não costuma escalar jogadores que não estavam bem para a partida durante pelo menos 48 Hrs antes do confronto. Do outro lado temos a equipe Francesa que provavelmente partirá pra cima para resolver logo a parada com seu ataque extremamente eficiente. Devido a isso acredito em um Uruguai mais acanhado que não tentará ir para o ataque de todo jeito para não oferecer oportunidades de contra ataques franceses, porém, a França deve conseguir furar a forte defesa Uruguaia ao longo do jogo com suas estrelas e o rápido atacante Mbappé.



Duarte Pinto

  • Milionário
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Nov 2017
  • Localidade: Viana do Castelo
  • Mensagens:
    1112
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    202
em: 05 de Julho de 2018, 14:59
Uruguai vs França
 
Mundial FIFA 2018 / 6 Julho 2018 @ 15:00 - Stadion Nizhny Novgorod (Novgorod)
França (-0.5) handicap asiático
Odds: 1.91 na ESC Online

O Uruguai chega a estes quartos de final depois de eliminar Portugal nos oitavos. Como fiz um prognóstico extenso e detalhado, e o mesmo está disponível, não vou repetir-me. Deixo o link para poderem encadear esse prognóstico com este: https://forum.apostaganha.com/index.php/topic,104368.0.html. Neste link poderão ver os pontos fortes e fracos do Uruguai, ou mesmo a forma como jogam. Vou apenas sintetizar: O Uruguai é uma equipa sínica, muito pragmática, e das que melhor respira sem bola. Essa é mesmo a maior diferença para outras seleções em que a falta de bola é mais uma consequência de uma incapacidade, do que propriamente uma opção.

Assim, o apostador sabe com o que conta sempre que este Uruguai joga. Mas, se a defesa é de betão, os jogadores bravos, disciplinados e com um enorme índice de trabalho, também é preciso uma palavra para a dupla Cavani. E quem segue o meu trabalho, e mais especificamente os meus prognósticos sobre o Uruguai eu falo sempre em dupla, e não em Cavani e Suárez de forma isolada. E porque? É simples, porque um é o complemento do outro. A sua experiência, as suas características diferentes, e o conhecimento que têm um do outro levam a que o seu entendimento sejam perfeitos. Suárez não precisa olhar para cruzar uma bola a 20 ou 30 metros, e curiosamente lá aparece Cavani. Cavani, em muitos lances parece movimentar-se de forma incorreta, atacando algo que não a bola, mas por acaso abriu um espaço para Suárez que aparece para finalizar. Enfim são dois jogadores absolutamente ímpares na sua forma de atuar e quando um falta, parece que o outro também não veio! E este poderá ser precisamente um dos pontos chave neste jogo. Cavani sofreu uma lesão no último jogo e a probabilidade de ir a jogo são quase nulas, pelo menos a titular, e no limite torce-se para no mínimo poder estar no banco. Começa aqui a ganhar forma a minha aposta.

Tenho por hábito, quando acontecem estes casos de dúvida, pensar a minha aposta sem ausências, e será o que vou fazer numa primeira instância. Analisei este jogo com os melhores onzes e constato uma seleção francesa com uma maior diversidade de mexer com o jogo. O Uruguai depende em demasia da sua defesa, e claro do aproveitamento da dupla Cavani e Suárez. Mas, basta um dia menos assertivo de Godín ou GIménez, ou mesmo uma disponibilidade física menor de alguns dos médios e tudo poderá cair por terra. Ou seja, esta seleção celeste joga no risco, no limite, e se contra Portugal haveria margem para o erro, como se pode constatar no golo de Pepe, contra a França isso poderá ser fatal.

Também já falei bastante sobre a seleção francesa, e bastará consultar os prognósticos anteriores. Recordo que coloquei a França no G4, com Brasil, Espanha, Alemanha e Brasil. Mantenho essa perpetiva de poder ser uma séria candidata à vitória. O seu ataque é explosivo, e as características dos seus atacantes poderá ser muito prejudicial para a forma como defende o Uruguai. Como referi anteriormente, o Uruguai tem como fragilidade o controlo à profundidade e verticalidade dos ataques adversários. Ora, com Mbappé isso poderá ser um grande problema, além da exímia forma como Griezmann se move entre linhas, e também ele espreita a profundidade. Com Giroud com um trabalho de sacrifício prendendo Godín ou Jiménez, mas com um trabalho que será necessário para aparecer ainda mais Mbappé ou mesmo Dembélé. Soluções não faltam na seleção francesa para desmontar a rígida defesa uruguaia.

Conslusão:


Em condições normais, ou seja com as duas seleções com o seu 11 base, reconheço à seleção francesa um ligeiro favoritismo. Acho que mesmo sofrendo um golo uruguaio vejo esta seleção capaz de reagir. E caso seja a seleção gaulesa a adiantar-se no marcador ficará tudo muito mais complicado para a seleção do maestro Tábarez.
Agora atendendo à conjuntura deste jogo, pelo que apurei Cavani não terá mesmo condições para jogar, e na melhor das hipóteses poderá sentar-se no banco, para um último recurso. Sem ele, o ataque do Uruguai reduz-me a poucos fogachos de Suárez e uma ou outra aproximação tímida de Bentancur que mesmo num 4-3-1-2 tem sido muito aprisionado ao rígido sistema tático da sua equipa.

Assim, a linha que eu faria, em condições normais seria o handicap (-0.25) para a França. Ora, tendo em conta esta ausência fundamental de Cavani, e mesmo sabendo que Matuidi não estará no meio campo francês, reconheço capacidade no plantel francês para suprir essa falta. Assim, e não podendo manter este handicap pela odd já ter descido abaixo de 1.50, vou no handicap (-0.5) a favor dos franceses que considero ser a odd de valor, a 1.91 neste momento.




Remi Alves

  • Milionário
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Nov 2013
  • Localidade: Coimbra
  • Mensagens:
    1753
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    966
em: 05 de Julho de 2018, 15:04
Uruguai vs França
06-07-2018 às 15:00
Mundial Rússia 2018 – Quartos-de-final

Pick: França menos de 1.5 golos a 1.56 @ Esc

Das muitas surpresas que têm ocorrido neste Mundial, este confronto dos quartos-de-final não é de todo considerado surpreendente.
Como era esperado, o Uruguai venceu o grupo A com grande tranquilidade, sem nunca forçar muito a equipa manteve-se coesa defensivamente e foi vivendo do génio da sua dupla de avançados. Na fase de grupos venceu todos os encontros sem sofrer qualquer golo, apesar do grupo não ser nada complicado é sempre um dado de registo, nos oitavos de final frente a Portugal, os sul-americanos inverteram os papeis e adotaram a tática que tão bons resultados têm dado à seleção portuguesa, procurando primeiramente defender bem, talvez para isso também tenha contribuído o golo madrugador que colocou o Uruguai em vantagem.
Mesmo já estando a iniciar a renovação, o Uruguai dispõe neste momento de uma oportunidade única de registar mais um marco histórico no futebol mundial deste pequeno país da América do Sul, Carlos Sanchez com 33 anos, Gódin, Muslera e Cristian Rodriguez com 32, Suárez, Cavani, Stuani e Cáceres com 31, muito pouco provavelmente marcarão presença no próximo mundial, daí a vontade em triunfar que esta geração tem demonstrado nesta competição.
Neste momento a grande preocupação da seleção sul-americana é a disponibilidade ou não de Cavani que saiu lesionado frente a Portugal, pois uma coisa é ter Cavani na equipa e outra coisa é não ter o avançado do PSG. Mesmo com Stuani o natural substituto de Cavani, o poderio do ataque uruguaio não é o mesmo.
Até ao momento a França está a cumprir com as expectativas criadas, venceu o grupo embora com algumas dificuldades, fruto de ter de enfrentar adversários mais defensivos. Nos oitavos de final frente à Argentina o ataque da França teve aquilo que tanto gosta, espaço para poder fazer as típicas transições que se tornaram fatais para os argentinos. Existe qualidade de sobra nesta seleção francesa, mas que contrapõe com a sua juventude que em provas de grande exigência poderá ter o seu senão.
Até ao momento esta França parece precisar de espaço para conseguir demonstrar toda a sua capacidade, e espaço será algo que muito provavelmente a seleção do Uruguai não dará à linha ofensiva dos franceses.
Na seleção francesa Matuidi é ausência certa por castigo.

Equipas prováveis
Uruguai: Muslera, Cáceres, Gódin, Gimenez, Nandez, Laxalt, Torreira, Vecino, Bentancur, Suarez e Stuani.
França: Lloris, Pavard, Varane, Umtiti, Lucas Hernandez, Pogba, Kanté, Tolisso, Mbappé, Griezmann e Giroud.

Conclusão
Não vejo que este seja um encontro para muitos golos, acredito que ambas as equipas irão jogar com cautelas, do lado do Uruguai será normal pois é essa a forma de jogar, quanto à França será pelas características do adversário, pois tal como Deschamps admitiu, deixar o Uruguai adiantar-se no marcador poderá ser fatal e não conseguir recuperar essa desvantagem. Com ou sem Cavani, vejo a seleção francesa a ter muitas dificuldades para conseguir entrar na bem organizada defesa do Uruguai, por isso não estou a ver um jogo como frente à Argentina, daí a minha opção para o under 1.5 para os gauleses. Em live, e caso Cavani esteja completamente recuperado, penso que uma aposta no Uruguai ou empate terá muito valor.



joaosousa99

  • Devedor
  • j
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Dez 2011
  • Localidade:
  • Mensagens:
    107
    Pts Tipsr:
    11
em: 05 de Julho de 2018, 19:40
Mundial 2018 – Quartos-de-Final
Uruguai x França
06.07.2018 – 15:00


Uruguai
A selecção sul-americana vive apenas de vitórias neste Campeonato do Mundo e isso deve-se principalmente à sua coesão defensiva que lhe permite chegar a este 5º jogo apenas com 1 golo sofrido, fruto de uma situação de bola parada. Os uruguaios vivem muito da qualidade da dupla de avançados Cavani e Suárez que são dois dos avançados mais completos da actualidade, conseguindo inclusive adaptar-se facilmente ao estilo de jogo mais pragmático da selecção Uruguaia e que lhes exige passar menos tempo em ataque continuado e mais em situação de ataques e transições rápidas. Acredito que este jogo não fugirá à regra e Oscar Tabarez vai preparar o jogo com a mesma ideia do que preparou com Portugal. A questão maior que se coloca será a disponibilidade de Cavani, peça fundamental e que caso não venha a estar disponível diminuirá significativamente as chances uruguaias. As alternativas, acredito que passarão ou por Christian Stuani, avançado do Girona, numa perspectiva de manter o sistema táctico ou por Giorgio de Arrascaeta, aqui numa óptica de reforçar mais o miolo e permitir uma ligação mais apoiada dos sectores defensivos e intermédios ao avançado Luis Suarez. Todas as restantes opções deverão manter-se. O Uruguai é sempre caracterizado por uma equipa que joga na base da raça e da agressividade que coloca em todas as disputas de bola mas a verdade é que chega aqui como a equipa que menos cartões amarelos viu. Apenas Rodrigo Bentancur foi admoestado e encontra-se em risco de suspensão na eventual meia-final caso leve novo cartão amarelo.

Onze Provável (1-4-4-2): Muslera – Cáceres – Gimenez – Godin – Laxalt – Nandez – Vecino – Torreira – Bentancur – Stuani – Suarez

França
O jogo dos oitavos-de-final entre França e Argentina foi provavelmente o melhor, pelo menos em termos de emoção e espectáculo, da última ronda e isso acabou por surpreender-me porque vejo a França como uma selecção obcecada pelos equilíbrios. Prova disso é as opções que Didier Deschamps tem tomado, começando nas laterais, optando pela consistência de Pavard e Lucas Hernandez em detrimento dos desequilíbrios ofensivos de Sidibé e Mendy. A verdade é que Pavard e Lucas, que são jogadores que inclusive podem jogar no centro da defesa, têm feito um bom Mundial e inclusive foram determinantes num dos golos frente a Argentina quando o lateral do Atlético Madrid assistiu Pavard para um grande golo. A busca do equilíbrio continua nos restantes sectores, com a dupla Matuidi e Kanté a formar o meio-campo com Pogba e com a preferência pela verticalidade e jogo posicional de Mbappé e Giroud em detrimento de opções mais irreverentes como Dembele ou Thauvin. O onze, ou melhor, a convocatória francesa pauta-se por uma capacidade física impressionante e partia para o Mundial com Griezmann como a principal figura. Digo partia porque Griezmann apenas marcou de penalti e quem se tem destacado tem sido o jovem Mbappé. Do lado francês há quatro jogadores em risco de falhar as meias-finais em caso de levarem amarelo, são eles Giroud, Tolisso, Pavard e Pogba sendo que Matuidi se encontra castigado para este jogo. Para o seu lugar deve entrar Tolisso que na minha modesta opinião é muito mais jogador que o médio da Juventus pois consegue oferecer também a capacidade física e de recuperação que Matuidi confere mas consegue aliar isso a uma maior qualidade técnica e maior capacidade de meia-distância que poderá ser importante frente a uma equipa organizada em bloco baixo como é o caso do Uruguai.

Onze provável (1-4-3-1-2): Lloris – Pavard – Varane – Umtiti – Lucas – Kanté – Tolisso – Pogba – Griezmann – Mbappé – Giroud.

Conclusão: Acredito que teremos aqui um choque brutal, duas equipas incrivelmente sólidas e o mínimo detalhe poderá desequilibrar a balança. Acredito que esse detalhe poderá ser a ausência de Edinson Cavani. Não me deixo levar pelo jogo anterior da França nem por aquela grande jogada que culminou com um golo de Mbappé pois para mim os gauleses são uma selecção com dificuldades no ataque combinado e perante uma organizada equipa do Uruguai poderão passar mal. A entrada de Tolisso no meio-campo e a falta de uma das referências para a transição ofensiva Uruguai poderá tombar a balança para a selecção de Didier Deschamps.

Aposta Principal
França a qualificar-se @1.47 1xBet

Outras Apostas
Under 2.5 @1.54 1xBet
Sem golo até aos 30:00 @1.75 1xBet
França vence a zero @2.83 1xBet



Pedro_Ribeiro26

  • Magnata
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Dez 2010
  • Localidade:
  • Mensagens:
    34465
  • Nacionalidade: 00
  • Pts Tipsr:
    2105
em: 05 de Julho de 2018, 21:27
15h00/Uruguai vs França


Um Uruguai com Cavani tem 40 por cento de hipóteses de vencer a França, mas sem Cavani, cai para 30 por cento ou mesmo 20. Se estou a dizer isto devido aos golos que marcou frente a Portugal? Sim e não!. Sim, porque viu se a importância do ponta de lanca do PSG, que é actualmente melhor que Suarez. Não, porque já se sabia do valor dele, e é "apenas" o melhor jogador desta seleção. Seria a mesma coisa, que Ronaldo não jogasse frente à França. Sim, em 2016 lesionou se durante o jogo e ainda assim, Portugal venceu. A Grécia também venceu em 2004, e jamais voltará a vencer uma grande prova, porque milagres acontecem muito raramente!.

O Uruguai até aqui enfrentou seleções medianas, a Rússia nesse jogo não jogou com os melhores, e frente a Portugal, rematou 3 vezes, e fez 2 golos, quem os marcou? Pois, o homem que não vai jogar, e tenho dúvidas que se o Uruguai passar, volte a jogar neste Mundial. Esta equipa é muito forte defensivamente, são chatinhos, muito forte nos duelos, mas depois têm muitas dificuldades em sair a jogar. Viu se frente a Portugal esse cenário, tudo atrás, Portugal com mais bola, sempre a explorar as laterais, mas Portugal não tem a capacidade ofensiva desta França. Tem Ronaldo e nada mais, a França tem uma seleção muito forte, desde o início que digo que são a par do Brasil, é a principal candidata.

É certo que sofreu 3 golos frente à Argentina, mas o Uruguai não tem Messi, Agüero e Di Maria. Matuidi está castigado, é uma baixa de peso, devido aos equilíbrios que dá na equipa, mas se fosse contra uma Bélgica ou Brasil, seria um drama, neste caso não será, porque a bola vai estar mais tempo no lado gaules. No seu lugar arrisco em Lemar, poderia ser Tolisso e passar Pobga para a esquerda, mas Pogba não dá a mesma profundidade ao corredor que dão Matuidi ou Lemar. Dembelé é uma aposta mais arriscada, mas não será descabido actuar de início com o extremo do Barça. O Uruguai sofreu bastante frente a Portugal, levou um amasso nos últimos 20/30 mts, e Portugal não tem as soluções que esta França tem.

Outro aspecto importante, é certo que o Uruguai é forte no jogo aéreo, mas esta França também o é, e Giroud vai jogar no meio de Gimenez e Godin. Curioso, apesar de todo o poderio no jogo aéreo, o golo de Portugal foi através de um canto com Pepe completamente sozinho. Será um jogo muito fechado no início, um Uruguai a perder tempo até nos lançamentos laterais, mas já vimos frente à Argentina, que esta França não perde a cabeça, mesmo estando a perder, viraram de 1-2 para 4-2 num ápice. Dizem os "especialistas" que a Argentina de Sampaoli sofre muitos golos. Ok, no apuramento sofreu menos 4 golos que o Uruguai, curioso né?

Nem sempre o futebol tem lógica, mas também nem sempre a forma como o Uruguai joga leva ao êxito. Em 2014, foram eliminados aos pés da Colômbia por 2-0, curiosamente, o jogador em melhor forma nessa altura não jogou devido a castigo, falo de Suarez, depois da famosa mordidela a Chielini. Nesse jogo no Brasil, James decidiu com um bis, aqui poderá ser Griezmann, apesar da boa forma de Mbappe.

França @ 1.90 bet.pt

10 unidades


Nunca vejas a odds, antes de analisares um jogo!



L0I5

  • Iniciado
  • Estado:
    Offline
  • Registo: Jul 2018
  • Localidade: Covilhã
  • Mensagens:
    16
  • Nacionalidade: pt
  • Pts Tipsr:
    17
em: 05 de Julho de 2018, 21:44
Data: 5 Julho 2018
Competição: Campeonato do mundo; 1/4 final
Jogo: Uruguai - França
Tip: Over 2.5 @2.3Beclic


Intro: Este é um jogo em que se defrontam duas equipas que, embora com abordagens de jogo diferentes, são duas verdadeiras candidatas ao título. Em ambos os casos, o sector ofensivo é o mais forte.

Uruguai: Alia ao facto de ter dois incríveis avançados (dois, se Cavani jogar) um enorme sentido táctico e colectivo. Com um grupo de jogadores que jogam juntos há muitos anos, o Uruguai é daquelas equipas em que cada jogador sabe exactamente qual é a sua missão dentro do campo.
O mais positivo: Uma defesa muito entrosada; avançados de classe mundial; muito fortes nas bolas paradas.
Aspectos menos positivo: o sector do meio campo é menos forte que os outros dois; apresenta um futebol directo em que oferece demasiado domínio ao adversário.

França: Se olharmos para a qualidade individual de cada jogador será certamente uma das equipas mais fortes na competição (ao nível do Brasil). Forte em todos os sectores, a França já mostrou que tem legitimas aspirações a lutar pelo título.
O mais positivo: A frente de ataque onde Mbapé se tem mostrado inspirado; a experiência do último Euro em que chegaram à final; um sector de meio campo muito forte.
O menos forte: a equipa nem sempre se apresenta muito estável (como mostra os últimos dois golos sofridos no jogo anterior).

Conclusão: Do meu ponto de vista, até acontecer o primeiro golo (de qualquer das equipas), será um jogo em que a França terá maior posse de bola e o Uruguai irá explorar o contra ataque e as bolas paradas. Após este golo, o jogo irá abrir e seguramente surgirão mais golos. De realcar que qualquer das equipas tem jogadores para criarem e finalizarem oportunidades de golo, mas quando o jogo parecer mais estático. Assim sendo, julgo que existe uma probabilidade mínima de 50% para que este jogo tenha três ou mais golos (fair line de 2), logo over 2.5 parece-me de muito valor.   




 


Casas de Apostas: bet pt / Betclic / ESC Online / Nossa Aposta / Casino Portugal

Rede Apostaganha: Apostas e Prognósticos / Palpites e Dicas de Apostas / Pronósticos de Apuestas / Betting Tips and Predictions / Melhores Cassinos Online Brasil / Mejores Casinos Online de América Latina